Conecte-se a nós

Notícias

Sede Serra abre as comemorações pelos 20 anos do Prêmio Empreendedor

Published

em

Na primeira noite foram apresentados os cases da Ambev, Bistek, Celesc e Fruticultura Malke - Foto: Núbia Garcia

O start para a 20ª edição do Prêmio Empreendedor José Paschoal Baggio aconteceu na noite de terça-feira (6), com o início do Seminário de Desenvolvimento da Serra Catarinense (Sede Serra). O evento, que está sendo realizado na Acil e se encerra quarta (7), apresenta oito cases de empresas que estiveram presentes em todas as edições da premiação.

Na primeira noite, o público pôde conhecer melhor as histórias da Ambev, Bistek, Celesc e Fruticultura Malke. Quarta, sobem ao palco do auditório da Acil representantes do Angeloni, Klabin, Madepar e Minusa.

“Estamos mostrando, nestas duas noites, o desenvolvimento da Serra Catarinense nos seus mais diversos tipos de negócios. As empresas que estão no Sede Serra 2018 realmente tiveram, ao longo desses 20 anos, que se superar para seguir e permanecer entre as 50 maiores empresas da Serra Catarinense”, avalia a diretora do Correio Lageano, Isabel Baggio.

O foco do Sede Serra, desde sua primeira edição, sempre foi destacar cases de sucesso da região, bem como trazer exemplos de destaque nacional. Neste ano, o viés teve uma leve mudança, pois as escolhidas para contarem suas histórias foram exclusivamente as empresas que participaram de todas as edições do Prêmio Empreendedor.

Porém, como destaca Isabel, o evento não perde sua característica, que é apresentar histórias voltadas para o aprendizado, a troca de conhecimento e experiências, além de fomentar o empreendedorismo local.

Diferentes, mas iguais

Apesar de serem empresas bastantes diferentes entre si, pois são de segmentos completamente distintos, os oito cases têm em comum diversos elementos que garantiram as histórias de sucesso ao longo destes 20 anos. Em edições anteriores do Sede Serra, os cases eram apresentados individualmente, mas em 2018, a cada noite, quatro sobem simultaneamente ao palco.

Para garantir o enlace de todas as histórias a presença, no palco, do mediador e consultor Daniel Keller é fundamental. Ele é responsável por fazer as conexões entre cada case e apontar estes pontos para o público presente.

“A partir da fala de cada um deles é possível reunir elementos que caracterizam o por quê de essas empresas serem exitosas ao longo desses 20 anos. Atrás de cada história há elementos escondidos que apontam para questões relevantes”, completa.

Keller é administrador com ênfase em marketing, pós-graduado em gestão de pessoas e Neuromarketing. Tem 12 anos de experiência em consultoria empresarial, mediando projetos de gestão estratégica, reposicionamento de negócios, estruturação de áreas e times comerciais, além de desenvolvimento de pessoas.

Promovido pelo Correio Lageano, o Sede Serra tem entrada franca. Para quem quiser acompanhar a segunda noite do evento, basta dirigir-se à Acil e retirar seu ingresso gratuita. O ápice das comemorações pelos 20 anos do Prêmio Empreendedor José Paschoal Baggio será a própria entrega da premiação, que acontece no dia 22 de novembro, no clube Caça e Tiro.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: