Geral

Projeto de duplicação na BR-116 não contempla área de escape  

Published

em

Foto: Susana Küster / Arquivo CL

Um condutor de um caminhão com oito toneladas de verduras fez uso da área de escape, no km 667,3 da BR-376/PR depois que o veículo apresentou falha no sistema de freios, enquanto descia a Serra do Mar.

O incidente aconteceu na manhã desta quinta-feira (7) em Guaratuba/PR e o uso do dispositivo evitou mais um acidente.  

A área de escape no trecho entre o Paraná e Santa Catarina foi inaugurada em novembro do ano passado pela Arteris Litoral Sul, concessionária que administra o trecho de ligação entre as capitais Curitiba e Florianópolis por meio das rodovias BR-116/PR (Contorno Leste), BR-376/PR e BR-101/SC.

No trecho da BR-116, desde Curitiba até Capão Alto, na divisa com o Rio Grande do Sul. A concessionária está desenvolvendo o projeto executivo para ampliação da capacidade, através duplicação da rodovia em 15 trechos segmentados no Estado, totalizando 85,6 quilômetros. 

Embora bem adiantado, o projeto que espera aprovação da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) não prevê área de escape.

Além disso, os acidentes envolvendo veículos de carga são causados geralmente por tombamentos e não têm relação direta com o que aconteceu no Paraná, por exemplo. 

Segundo o diretor de operações da Região Sul da Arteris, Cesar Sass alguns fatores são analisados para que este tipo de dispositivo seja implantado.

“O maior indicador é o número de acidentes devido principalmente a perda de freio. Esse problema é verificado quando há aquecimento no sistema de freio, devido a declive acentuado e com uma extensão significativa, o que não é o caso da BR-116”, explica Cesar.

Na BR-116 em Santa Catarina, no trecho entre Lages no km 233, e Capão Alto no Km 310, foram registrados 11 tombamentos em 2019, em nenhum deles com óbito ou vítimas com gravidade, e envolvendo característica de declive.

A Arteris, companhia que administra 3.400 km de rodovias no país possui áreas de escape no trecho da Régis Bittencourt, na Serra do Cafezal em Miracatu/SP, e duas no trecho da Litoral Sul, na descida da Serra do Mar que liga o Paraná à Santa Catarina.

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com