Notícias

Prefeitura faz doação definitiva do terreno ao Senac

Published

em

Terreno onde será implantado a faculdade do Senac no complexo do Órion Parque   

Atualizada às 15h07 (16/7) – 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) poderá instalar sua faculdade em Lages. Desde 2017, a instituição mostrava interesse em implantar a unidade no complexo do Órion Parque Tecnológico, que possui programa de concessão de terreno e ocupa uma área de 90 mil metros quadrados que podem ser doados para empresas. 

Porém, a instalação do Senac dependia da obtenção de segurança jurídica, ou seja, para construir não poderia estar vinculado ao Órion Parque Tecnológico da Serra Catarinense, precisava da escritura do terreno confirmando a doação pela prefeitura.

E como as Leis atuais de doação do Município preveem a escrituração definitiva após 10 anos do empreendimento implantado foi necessário criar um decreto. “A gestão anterior estabeleceu um decreto para desvincular o terreno do Órion Parque, mas não resolveu as necessidades do Senac”, explica o gerente de desenvolvimento econômico da Secretaria de Turismo de Lages, Amauri Bacci.

Segundo ele, foi criada uma Lei específica para se adequar à situação do Senac para que a instituição pudesse receber em definitivo o terreno. O projeto de Lei foi do Executivo, foi apreciado pela Câmara de Vereadores na última terça-feira (9) e foi aprovado. E, agora, o município vai transferir o terreno para a instituição com a condição de que as obras se iniciem em três anos, prorrogáveis por igual período

“O projeto vai desenvolver aquela região. É importante termos mais faculdades na cidade,” ressalta Amauri. Ele se refere à Pós-Graduação em tecnologia e outros cursos. O terreno está localizado no Bairro São Francisco, entre o Órion Parque e o IFSC, e  receberá a Faculdade Tecnológica do Senac.

*Esclarecimento: O prazo é de três anos e não três meses, conforme informado anteriormente pela Prefeitura de Lages

1 Comentário

1 Comentário

  1. Rodrigo Castilhos

    15/07/2019 at 17:02

    Excelente notícia para Lages e região serrana, porem conforme lei, as obras devem se iniciar em três anos, prorrogáveis por mais três.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: