Conecte-se a nós

Notícias

Polícia Federal investiga fraude em declaração de imposto de renda

Published

em

Foto: Patricia Vieira

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram, em Lages, uma operação chamada “Rectificatio” (retificação em latim) para apurar fraudes envolvendo a Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física.

Um mandado de busca e apreensão foi cumprido na manhã desta terça-feira (26) na casa do suspeito, um homem de 46 anos. Ele teria emitido mais de três mil declarações falsas em nome de terceiros para beneficiá-los. Estima-se um prejuízo de R$ 3 milhões em aproximadamente cinco o anos.

Segundo o delegado da PF em Lages, Carlos Sanches, durante as buscas na casa do investigado foram apreendidos computadores e documentos, entre  outros objetos, que serão submetidos à perícia. Ainda de acordo com o delegado, as deduções falsas eram usadas para aumentar o máximo possível o valor da restituição de imposto retido na fonte ou diminuir o valor do imposto a ser pago. “Como as deduções falsas incidiam em malha fiscal, eram feitas várias declarações retificadoras até que o sistema automatizado fosse burlado”, afirma Sanches

As pessoas físicas suspeitas de terem se beneficiado com a fraude, serão intimadas pela Receita Federal para comprovar as despesas lançadas nas declarações. Conforme a polícia, o investigado poderá ser indiciado por falsidade ideológica. A pena pode chegar até cinco anos de prisão.

 

 

 

Anúncio
1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Polícia Federal investiga fraude em declaração de imposto de renda – Correio Lageano – Clazoom

Deixe uma resposta