Geral

Ferramenta permite identificar registros de contas pré-pagas irregulares

Published

em

A Anatel garante que a solução possibilitará ao consumidor identificar a existência de linhas pré-pagas desconhecidas vinculadas ao seu CPF - Foto: Freepik/Divulgação

Consumidores de todo o Brasil têm acesso, desde a última quarta-feira (22), a uma ferramenta que permite fazer consulta online para identificar a existência de celulares pré-pagos registrados em seu CPF. O serviço, digital e gratuito, oferece informações sobre cadastros de telefones pré-pagos das operadoras Algar, Claro, Oi, Sercomtel, Tim e Vivo.

A ferramenta integra o projeto Cadastro Pré-pago, da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que visa a garantir que a base cadastral da telefonia móvel esteja correta e atualizada, a fim de evitar a ocorrência de fraudes e, dessa forma, proporcionar mais segurança aos consumidores.

A Anatel garante que a solução possibilitará ao consumidor verificar a existência de qualquer “linha estranha ao seu conhecimento vinculada à prestadora e, neste caso, que possa solicitar o seu cancelamento”. Segundo o órgão, em todo o Brasil, existem cerca de 135 milhões de celulares pré-pagos registrados e, destes, três a cada mil apresentam inconsistências cadastrais.

“Quando o resultado mostrar que existem linhas pré-pagas cadastradas ou habilitadas no CPF do consumidor que ele desconheça, deve entrar em contato com a operadora e solicitar o cancelamento destas linhas pré-pagas. Sempre importante ressaltar que essa consulta não se refere a linhas pós-pagas ativas. Será apenas a relação das prestadoras com linhas pré-pagas ativas para o CPF consultado”, explica o executivo do Programa de Defesa do Consumidor (Procon) em Lages, Julio Borba.

Ao identificar que há linhas as quais desconhece ou que já deveriam ter sido desabilitadas, os consumidores devem contatar a operadora a qual a linha pertence e solicitar o cancelamento da mesma. A Anatel afirma que o pedido deve ser atendido em até 24 horas caso a solicitação seja executada por um atendente (pessoalmente), e em até 48 horas se solicitada por meio do call center ou portal da prestadora, sem a intervenção humana.

Segundo Borba, consumidores que solicitaram portabilidade de operadora recentemente, devem ficar atentos, pois as informações do site podem levar até 30 dias para serem atualizadas. “Quando faz a portabilidade do número de telefone, o resultado da consulta ainda aparece como linha pré-paga da prestadora anterior, pois essas informações são atualizadas a cada 30 dias. Então, pode ser que, neste período, o resultado da pesquisa ainda apareça a linha da operadora anterior”, completa.

Como consultar

  • Usando um computador ou um dispositivo móvel, acesse o site do projeto Cadastro Pré-pago
  • Clique no item “CONSULTA”
  • Insira o número do CPF a ser consultado
  • Selecione o quadrado que indica “Não sou um robô”
  • Clique em “Aceito os termos e condições”
  • Clique em “Consultar”

Confira como contatar as operadoras

Operadora Página na internet Central de Atendimento

Claro https://www.claro.com.br/institucional/regulatorio/cadastro-pre 1052

TIM https://www.tim.com.br/sp/para-voce/projeto-cadastro-pre 1056

Vivo https://www.vivo.com.br/para-voce/ajuda/duvidas/celular/vivo-pre/recadastro-pre-pago 1058

Oi https://www.oi.com.br/celular/pre-pago/atualizar-cadastro 1057

Algar https://www.algartelecom.com.br/para-voce/atendimento/comunicados?comunicadosCelular-0 1055

Sercomtel https://www.sercomtel.com.br/cadastro-pre-pago/ 1051

Fonte: Anatel

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com