Conecte-se a nós

Notícias

Evento frisa a importância de lavar as mãos

Published

em

Enfermeiros cantaram e dançaram para lembrar a todos da importância de lavar as mãos - Foto: Susana Küster

Lavar as mãos é um ato simples, mas primordial para evitar doenças infectocontagiosas. Porém, muita gente esquece isso, principalmente agora, que começam as temperaturas mais frias. Para lembrar da importância de higienizar as mãos, acontece a Semana da Enfermagem, no Hospital Tereza Ramos (HTR), em Lages. Os trabalhos se iniciaram no dia 12 e seguem até o dia 20 de maio.

A orientação nos setores do hospital foca na lavagem das mãos e não só para os profissionais de enfermagem do local, que totalizam 444, mas também para a comunidade. Como ontem, foi o dia nacional de controle de infecção hospitalar, foi feita uma apresentação com direito a música e fantasia no hall de entrada do hospital.

“O simples fato de lavar as mãos previne várias doenças e isso não é só responsabilidade de quem trabalha no hospital, também é dever da comunidade. Se não lavam as mãos e entram em contato com os pacientes, infectam a pessoa e os ambientes do hospital”, explica a enfermeira Ladyanne Kessin, da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar.

A enfermeira Patrícia Godoi que também é da comissão de controle, frisa que o principal agente infeccioso das doenças são as mãos dos profissionais. “A cada procedimento é preciso higienizar as mãos antes e depois e de forma correta. Inclusive, isso pode acontecer em um único paciente, se forem procedimentos diferentes. Dependendo do que for feito, pode ser usado álcool em gel ao invés de lavar as mãos, mas isso se não houverem secreções”, frisa.

A enfermeira responsável pelo Departamento de Educação Permanente, Vanessa Cruz, enfatiza que as ações educativas da Semana da Enfermagem é também para mostrar para a população que a equipe do HTR, se preocupa com a saúde da população e é capacitada para isso. Será feito também um ciclo de palestras sobre saúde mental do trabalhador e outros assuntos, que começa em maio e vai até novembro encerrando com temas relacionados ao combate ao câncer.

Problemas da área

A enfermeira Ladyanne avalia que hoje um profissional da enfermagem sofre muito acúmulo de trabalho, pois além de atender os pacientes, precisa fazer várias partes administrativas. “Fazemos a evolução do quadro clínico diário dos pacientes, gerenciamento da equipe técnica e da limpeza, temos uma rotina de setor para seguir e várias outras atribuições”. explica.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta