Negócios

Empresários lageanos estão atentos às mudanças fiscais

Published

em

Foto: Andreia Schmidinger

Empresários e contadores, lotaram o auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas de Lages – CDL, na noite de quarta-feira (13), para participar de um bate-papo sobre um tema de extrema importância. Em pauta, a implementação do Bloco X.

A abertura do evento foi realizada pelo presidente da CDL, Marcos Tortelli, que ressaltou a importância da discussão deste tema. “Há um ano trabalhamos o Bloco X, estivemos envolvidos com outras instituições no pedido de prorrogação do prazo ao Governo. Mas 2020 está ai, e nosso objetivo é que todos os empresários estejam atentos e bem informados sobre o tema.”

O presidente do Sindicato dos Contabilistas da Serra Catarinense (Sindicont), Júlio Machado foi um dos responsáveis pela troca de informações entre os presentes, focando nas exigências fiscais no controle de estoque. “O Bloco X é uma forma de fiscalizar o consumidor final, para que todos trabalhem de maneira correta” lembrou ele.

As empresas que não entregarem as informações do Bloco X (redução Z), no período de 10 dias consecutivos, terão a emissão do cupom fiscal bloqueada. E a não entrega dos arquivos do Bloco X (controle de estoque), durante 10 meses consecutivos também irá bloquear o cupom fiscal. “Existe também uma multa, mas comparada ao fato da impossibilidade de realizar novas vendas, ela é o menor dos nossos problemas” completou.

Em seguida o diretor da Softecsul Inovação, Athos Branco, falou sobre a importância da gestão de estoque no lucro da sua empresa. “Não devemos pensar no Bloco X como apenas mais uma obrigação para a empresa, devemos pensar nos seus benefícios” disse, “afinal, a falta de gestão do estoque pode trazer vários impactos financeiros negativos para o empreendedor”.

Por isso, ter o conhecimento do valor que se tem em estoque pode trazer vários benefícios. “Você saberá quanto há de perdas ou roubo em sua empresa, quais das mercadorias tem maior giro e quais as que estão paradas no estoque. Essas são informações vitais para o sucesso financeiro do seu negócio”.

O que é o Bloco X?

O programa tem como objetivo enviar para a base de dados da Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) os dados obtidos no Programa Aplicativo Fiscal do Emissor de Cupom Fiscal (PAF-ECF). São arquivos gerados de forma automática, que devem ser enviados diariamente, no caso de tributação e venda de mercadorias, e mensalmente para acompanhamento do estoque.

Texto: CDL

clique para comentar

Deixe uma resposta