Conecte-se a nós

Essencial

As tendências do loiro para a estação mais fria do ano

Published

em

Foto: Divulgação

Com as temperaturas mais amenas e o inverno chegando, é o momento ideal para renovar o visual. Além de desempacotar as roupas quentinhas e charmosas, seu cabelo também precisa ganhar destaque. Para as mulheres que querem construir um estilo único e original, a palavra-chave é ousar.

Se você já é loira ou sonha em clarear o cabelo, a dica das profissionais do Toda Linda é: o loiro é tendência. Mas tem um detalhe, diferentemente do verão, quando as cores são mais fortes e vibrantes, no inverno elas trazem mais elegância e serenidade, com tons mais fechados. Para quem quer brilhar e dar cor às madeixas nessa época, sem causar danos aos fios, a aposta certa são as cores mais sóbrias e puxadas para as tonalidades douradas e acastanhadas.

 

Loiro Dourado

Para quem procura um estilo mais clássico e atemporal, o loiro dourado é uma ótima opção. Um meio termo entro o médio e o escuro, ele vem com um matiz mais quente e amarelado. Escolha perfeita para pessoas de pele branca e fundo amarelado, morenas e negras. Harmônica e democrática, a cor é compatível com a estação por trazer glamour e elegância, mesmo se forem adicionadas algumas mechas na produção.

 

Loiro Bege

Você busca um loiro mais natural e gosta de luminosidade nos fios? Então, o tom bege se encaixa perfeitamente no seu gosto. Uma mescla de tons quentes e frios acaba proporcionando um aspecto neutro e que combina com todos os tons de pele. Uma ótima pedida é investir em mechas mais escuras e quentes em algumas partes do cabelo, não se esquecendo a base fria do bege.

 

Loiro nude

Está sem tempo para fazer retoques? Então a sugestão é seguir para uma linha mais minimalista com o loiro nude. O tom se funde com a pele, evitando grandes contrastes. Isso é possível graças à mistura do loiro dourado, de tom quente, e o platinado, frio, criando um aspecto bem natural.

 

Loiro Acobreado (strawberry blonde)

Para uma mulher que busca versatilidade e sensualidade durante esse período, a dica está no loiro acobreado. Levemente ruivo, essa nuance é resultante da combinação dos tons dourado e vermelho, com predominância dos pigmentos claros em relação aos mais avermelhados. Esse estilo pode ser adotado tanto por mulheres de pele clara e rosada quanto por pessoas morenas e negras. No caso de peles mais escuras, a indicação é deixar a raiz um pouco mais escura para não criar contrastes intensos.

 

Loiro médio marrom

Sua ideia é revolucionar com luzes e mechas iluminadas? Então, o loiro médio marrom casa perfeitamente com o objetivo. Essa tonalidade oferece praticidade quando o intuito é combinar cores. Estando entre o loiro escuro e o claro, a cor possui um leve tom acobreado, sendo compatível com todos os tipos de peles.

 

Cuidados Essenciais

Segundo Édna Antoniolli, sócia-proprietária do Toda Linda, o espaço de beleza tem a preocupação em investir em produtos de qualidade. “Nos preocupamos com os processos no cabelo, de beleza, mas principalmente nos preocupamos com a saúde capilar, do fio de cabelo, por isso sempre recomendamos o tratamento” diz.

Independentemente da tonalização que você escolher, é fundamental manter seus cabelos saudáveis. Para isso, é necessário fazer visitas constantes no salão para hidratar, nutrir e reconstruir seus fios. A hidratação é responsável por repor a água que o cabelo acaba perdendo no dia a dia ou até mesmo com os procedimentos químicos, como a coloração, essa etapa é umas das mais importantes e ajuda a deixar os fios livres de frizz, mais macios e sedosos.

Outro problema que vem junto às agressões externas é a perda da oleosidade natural do cabelo, deixando-o ressecado e sem vida. Por isso, é muito importante adicionar um tratamento de nutrição na rotina de cuidados, com ele, o cabelo recupera os lipídios e fica mais macio, flexível, brilhante e sem as desagradáveis pontas ressecadas.

Já a reconstrução é a etapa mais importante para quem faz coloração nos fios, já que é ela quem ajuda a repor as proteínas e fortalecer o cabelo. Para quem não colore as madeixas ou faz químicas de alisamento, a reconstrução pode ser feita apenas uma vez ao mês ou quando surgir a necessidade; mas, para quem não é loira natural, esse tratamento deve ser feito de 15 em 15 dias.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook