Notícias

Problema de água na rua deve ser solucionado

Published

em

Foto: Patricia Vieira

Moradores reclamam de esgoto que escorre frequentemente pela Rua Bom Jesus, no Bairro Ipiranga, em Lages, fundos do Centro Comunitário. O problema deverá ser solucionado o mais breve possível pelo órgão competente. Pelo menos, é o que garante o diretor de operações da Secretaria Municipal de Águas e Saneamento (Semasa), Ademir Fabrício, que esteve no local na manhã da última quarta-feira (16).

A comunidade suspeita que, mesmo se tratando de esgoto pluvial, possa ter despejo irregular de esgoto doméstico. Isso porque, quando a água escorre com maior volume apresenta mau cheiro. “Principalmente quando esquenta o sol”, comenta a dona de casa, Cleusa Barbosa dos Santos. Ainda segundo ela, precisa fechar a casa quase todos os dias no fim da tarde, por causa do odor.

Residindo há cerca de 30 anos, no Bairro Ipiranga, Cleusete Gomes Zanchett, conta que a água desce do barranco e escorre, provocando uma “enxurrada” na rua. Na sua opinião, o problema se agravou com a construção de um muro logo no início da rua. Além da água, desce muita sujeira. E para piorar a situação, como a casa dela fica no final da via, tudo isso acaba se acumulando na calçada. “Até limo se forma nas calçadas, por onde passa água. O que dificulta ainda mais a limpeza. Além disso, o limo fica escorregadio e pode contribuir com quedas de pessoas que caminham pelo local.”

Nova tubulação

A Semasa contribuirá com a tubulação necessária, e os serviços serão executados pela Secretaria Municipal de Planejamento e Obras. De acordo com o diretor responsável pela da obra, Deyvis Francis Stadnick, esta é a segunda vez que a tubulação é danificada. “O problema foi provocado com a construção de um muro de contenção feito com pedra bruta”, explica. No entanto, se comprometeu de providenciar novos tubos de concreto de 30 centímetros de diâmetro, e garantiu que serão instalados nos próximos dias. Uma a boca de lobo também será implantada no início da rua para dar tranquilidade aos moradores daquela região. A metragem de tubos necessária para a obra não foi divulgada.

 

clique para comentar

Deixe uma resposta