Geral

Obra atrasa no mínimo, um ano para ser concluída

Published

em

Foto: Susana Küster

Devido à suspensão de repasses realizados pelo Governo Federal, no ano passado, a obra do posto de saúde do Bairro Vila Mariza, em Lages, está atrasada. Era para ter sido concluída em novembro passado, mas a previsão é que a construção só termine no fim deste ano.

A informação veio da secretária de Saúde de Lages, Odila Waldrich, que lamenta o atraso, mas frisa que isso aconteceu devido à demora no repasse dos recursos, que voltou ao normal em novembro de 2019.

A unidade de saúde tinha prazo de oito meses para ser concluída e a ordem de serviço foi entregue para a empresa Balmar Construções Ltda., vencedora da licitação pública.

O investimento na obra é de R$ 621.548,55 e o valor veio através de uma emenda federal da Carmen Zanotto. A construção fica na Rua Jerusalém, em área localizada ao lado da Escola Básica Municipal Professora Fausta Rath.

O novo posto de saúde terá o dobro da área construída, em comparação com a antiga unidade, em funcionamento no bairro. Na região, há vários loteamentos e condomínios, alguns já entregues, como é o caso do Tordesilhas 1 e 2, que juntos somam quase 300 apartamentos.

A nova unidade contará com sala de vacina, cadeiras para dentista e sala de enfermagem, além de integrar duas equipes de saúde. “Vai melhorar a forma de acolhimento, pois, hoje, as pessoas precisam aguardar fora da unidade, e os pacientes terão salas específicas para tais atendimentos”, enfatiza a secretária.

 

 

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com