Geral

Moradores reclamam de falta de água

Published

em

A administração municipal fará audiência pública para tratar do tema - Foto: Alisson Magalhães/Divulgação

Novamente, os moradores de Palmeira estão sofrendo com problemas no abastecimento de água e a falta de qualidade do produto. A Casan é a empresa responsável pela rede de água na cidade. O problema se agrava nos fins de semana e, segundo a prefeitura, é provável que seja por falta de funcionários, já que o abastecimento se normaliza às segundas-feiras.

Cogita-se, também, a necessidade de mais investimentos na rede de abastecimento. A prefeitura do município informa que promoverá uma audiência pública para tratar do tema.

Além da falta de água, quando o abastecimento volta ao normal, a cor é escura e de aparência barrenta, tornando-se imprópria para o consumo. Sem explicações por parte da concessionária, moradores do pequeno município procuraram o deputado estadual Marcius Machado (PL) para pedir que ele interviesse na solução do problema.

O parlamentar fez um pedido de informação em plenário para que a empresa se manifeste. “O problema acontece constantemente aos finais de semana, quando acaba a água do reservatório do município.”

Essa situação se repetiu em 2017. Na época, a Casan, argumentou que a falha estava na capacidade da estação de tratamento. Foram realizados investimentos e, ainda assim, a situação voltou a ocorrer. “Entrei com um pedido de informação para entender melhor o caso. A água é fundamental para a saúde, o morador de Palmeira não merece apenas uma explicação, mas sim a certeza da qualidade da água que consome”.

Casan nega falta de água no município

Procurada pelo Correio Lageano, a assessoria de imprensa da Casan respondeu apenas através de uma nota que não há uma constante falta de água em Palmeira. “A sensação pode estar relacionada à suspeita de contaminação do manancial no mês de janeiro, o que exigiu que a Casan suspendesse, por segurança, a captação por uma semana.”

O documento destaca que as análises mostraram não haver problema para a retomada da captação, porém, a normalização do sistema de abastecimento não é imediata como no caso da energia elétrica.

“Melhorias estão sempre em andamento. Por exemplo, para a ampliação da captação de água em Palmeira, com maior segurança em relação ao manancial superficial, está em andamento a perfuração de dois poços”, informa a nota

Quanto à presença de sujeira na água, a explicação colocada na nota é que pode ocorrer quando há um conserto de rede e com o religamento do sistema há a necessidade de fazer a descarga para sua limpeza. Moradores que observarem esse problema devem avisar a Casan pelo 0800-6430195 e, segundo a empresa, as devidas providências serão tomadas.

 

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com