Notícias

Feira do Peixe Vivo deve comercializar até 20 toneladas

Published

em

Alex comercializa peixes na feira há seis anos e comenta que a Quinta-feira Santa é o dia de maior movimento - Foto: Núbia Garcia

Nesta quinta-feira (18) é o terceiro e último dia da tradicional Feira do Peixe Vivo em Lages. Neste ano, quatro pontos da cidade receberam os feirantes: o Mercado Público (por causa das obras, as barracas estão em um terreno próximo, na Rua Hercílio Luz), no Centro; o estacionamento do Ginásio Ivo Silveira, no Bairro Sagrado Coração de Jesus; e dois pontos no Guarujá, sendo um próximo ao trilho do trem e o outro ao lado do posto de combustível da Avenida 31 de Março.

A estimativa da organização é de que, até o fim da feira, sejam comercializados entre 18 e 20 toneladas de peixe. Caso ainda haja peixes disponíveis no fim da tarde desta quinta-feira (18), os feirantes prolongarão a venda até a manhã de sexta-feira (19).

Variedades

A feira começou na terça-feira (16) e, desde então, estão sendo vendidos jundiás, carpas e tilápias, por R$ 13,50 o quilo. O produtor Alex Schumacker da Silva participa da feira há seis anos e diz que nos dois primeiros dias o movimento foi razoável. “Por causa da crise no país e pela época do mês, ainda estava meio lento, mas acredito que as vendas serão bem maiores na quinta-feira, porque é o dia de maior fluxo,” avalia.

De acordo com o assessor técnico da Secretaria de Agricultura e Pesca de Lages, Adriano Canônica, todas as feiras permanecem abertas das 8 horas às 18 horas, sem fechar ao meio-dia.

A Feira do Peixe Vivo é uma promoção da Prefeitura e a venda é de responsabilidade de piscicultores de Lages e região.

 

clique para comentar

Deixe uma resposta