Geral

Curso possibilita inclusão digital na melhor idade

Published

em

Idosos ganharam um certificado de conclusão do curso - Foto: Susana Küster

Digitar textos, jogar, navegar pela internet, abrir e salvar documentos, são ações que para quem domina o uso do computador são corriqueiras. Porém, para quem precisava sempre da ajuda de alguém para mexer com essa tecnologia, tornar-se independente é sinônimo de comemoração.

Nesta terça-feira (6), 17 idosos, entre 55 anos e 84 anos, formaram-se no programa de inovação social do Órion Parque, chamado Órion Connect. O curso de informática durou cerca de três meses e teve quatro professores voluntários, que são acadêmicos do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). Os idosos são do Centro de Convivência do Idoso (CCI) Dom Oneres Marchiori, situado no Bairro Várzea, e coordenado pela Secretaria da Assistência Social e Habitação. 

Para Maria Vendramina dos Santos Jesus, de 71 anos, aprender a utilizar o computador foi uma vitória há muito tempo desejada. Lembra que na época que estudava, nem existia computador e a comunicação acontecia por cartas. “Agora, aprendi até a jogar no computador e eu adorei os jogos. Comprei até um videogame e meus netos aproveitam. No celular eu já sei fazer foto e compartilhar.” 

A paciência dos professores foi algo que surpreendeu Maria. “Eles são calmos e atenciosos e eu consegui aprender bem rápido.” Seu colega de turma, Adão Cesário da Silva sempre teve curiosidade sobre a informática, mas não sabia utilizar o computador. Com o curso, ele conta que consegue ver as imagens, salvá-las, digitar textos, ligar e desligar o PC. “Sempre pedia muita ajuda para os netos, agora, consigo ser mais independente.”

Luísa Farias de Macedo, uma das professoras voluntárias, afirma que qualquer pessoa consegue aprender a usar o computador, independentemente da idade. “É preciso dedicação e paciência nossa e também deles, para memorizar o ensino.

“Da primeira para a última aula, eles melhoraram muito. Percebi que estão digitando mais rápido e conseguem até acessar a internet. Foi bem divertido. Quando eles aprenderam a digitar usando um joguinho, queriam continuar jogando na outra aula.”

A formatura teve a presença de várias autoridades, entre elas o vice-prefeito de Lages, Juliano Polese e o presidente do Instituto Órion, Valmir Tortelli. A coordenadora do Centro de Convivência do Idoso (CCI) Dom Oneres Marchiori, Ana Paula Jentig dos Santos Garcia, analisa a inclusão digital dos idosos como uma grande vitória. “Foi muito boa essa parceria com o Órion Parque. Eles conseguiram ampliar seus conhecimentos.”

O secretário da Assistência Social, Samuel Ramos, enfatiza que “foram feitas mais de 90 denúncias de maus-tratos e violações aos direitos dos idosos em 2018. E a inclusão digital é uma das ferramentas de maior independência para eles.” 

Trabalho vai continuar com outras turmas

O curso de informática através do programa Órion Connect começou em 2017, na Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), mas, no ano passado, parou por falta de professores voluntários. Ao todo, foram formadas 25 pessoas, porém, há mais 30 em um curso em andamento e 22 na fila de espera.

Outras turmas devem ser abertas daqui a um mês. Uma delas será em parceria com o Centro de Convivência do Idoso (CCI) Dom Oneres Marchiori e outra aberta ao público. A inscrição é por ordem de chegada e o telefone para mais informações é (49) 3099-9408.

Programação

O curso teve duração de duas horas por semana, por cerca de três meses. Os idosos aprenderam a digitar com jogos de digitação, movimentar o mouse, criar pastas, usar o smartphone, acessar portais de notícias, jogar online, como tranca e dominó, entre outras ações. 

Como qualquer aprendizado novo, o curso estimula o cérebro, combate a depressão e evita o isolamento. Por isso, a ideia é que seja ampliado cada vez mais. O head de programas e ações do Órion, Raul Guilherme Capistrano Simon, conta que até 2050, 30% da população brasileira será idosa, o que aumentará o número de usuários da terceira idade conectados na internet.

“Queremos fazer um e-book gratuito (livro digital) que será disponibilizado no site do Órion para explicar como ensinar idosos a usarem o computador. Além disso, faremos um canal no Youtube com vídeos contendo esse tipo de conteúdo.”

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com