Conecte-se a nós

Festa do Pinhão

#CLentrevista o superintendente da Fundação Gilberto Ronconi

Published

em

Foto: Marcela Ramos

Correio Lageano: O que podemos esperar da programação do Recanto do Pinhão?

Gilberto Ronconi_ Neste ano, vai ser inédito. Agora, a grande novidade é o local, pois se deslocou da Praça João Costa, que está em reforma, para a Praça Vidal Ramos Sênior, que é a praça do terminal. Escolhemos aquele local, pois tem um grande fluxo de pessoas que passam por ali todos os dias, por conta do terminal. Toda a estrutura foi montada e planejada com nossos engenheiros da Secretaria de Planejamento  e Obras (Seplan), e está sendo montada uma grande estrutura para receber os 16 dias do evento. Teremos mais de 100 apresentações artísticas. Artistas locais e regionais se credenciaram previamente na Fundação Cultural de Lages (FCL), através do edital de credenciamento. Também teremos sete entidades beneficentes trabalhando e comercializando produtos à base de pinhão, as quais também foram credenciadas.

Como foi pensada e planejada a estrutura do Recanto?

Junto à Seplan, realizamos esse planejamento, tivemos uma participação muito grande do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar. O local está sendo muito elogiado, pois a praça possui um espaço abrangedor. Vai ficar um pouco maior que o recanto dos anos anteriores. Planejamos muito para proporcionar conforto e segurança para todas as pessoas que estarão ali todos os dias, e aos turistas. Teremos duas câmeras de segurança e uma base da Polícia Militar, para que as pessoas se sintam seguras e possam desfrutar. Além do palco e os painéis de led que teremos para os shows, procuramos montar uma cobertura, porque é época de chuva e frio, e todo o Recanto do Pinhão, a praça de alimentação e dos shows, serão áreas cobertas.

Existe a possibilidade de o Recanto mudar definitivamente para a Praça Vidal Ramos Sênior?

Foi pensado nisso, mas é uma incógnita, pois não sabemos ainda como será o fluxo de pessoas, mas acreditamos que será grande. A praça, por si só, é muito bonita, arborizada e bem localizada. Mas a Praça João Costa, a qual está sendo reformulada, já prevê ali um palco fixo, entrada hidráulica e elétrica para as entidades, para os próximos anos de Recanto do Pinhão. A Praça Vidal Ramos abriu espaço para criarmos outros tipos de eventos. Também temos a Praça Joca Neves, mas o fluxo de pessoas não é tão grande.

É uma festa que chega até a comunidade e envolve todas as pessoas, qual a relação do recanto com os lageanos?

O Recanto do Pinhão envolve centenas de atrações musicais e, se contarmos uma média de três a quatro artistas por atração musical, você atinge em média 500 pessoas. A comunidade gosta de ver o artista local, gosta de prestigiar essa cultura; e também as entidades beneficentes, como a Associação dos Deficientes Físicos, Associação dos Deficientes Visuais, Lions Clube Copacabana, Casa de Apoio Maria Tereza, Associação Bom Samaritano, dentre outras estarão ali presentes. O Recanto do Pinhão tem esse charme especial, são 16 dias e sempre recebemos pedidos para ficarmos um pouco mais. É tão bom que compete diretamente com a Festa Do Pinhão.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta