Geral

Atendimento médico foi normalizado em Painel

Published

em

A partir desta semana as duas unidades de saúde de Painel passarão disponibilizar três médicos para atender à população Foto: Marcela Ramos/Arquivo CL

O atendimento médico nas duas unidades básicas de saúde de Painel, na Serra Catarinense, voltou a acontecer normalmente nesta semana, depois que o município passou 13 dias sem médicos nos postinhos.

A ausência dos profissionais se deu, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, porque uma médica – que é efetiva e cumpre 40 horas semanais – estava de férias, e outra profissional – contratada pelo programa Mais Médicos, do Governo Federal – estava de atestado.

Na última segunda feira (2), a médica que estava de atestado voltou a trabalhar e o município contratou outro médico aprovado em concurso público, que cumprirá 20 horas semanais.

De acordo com o prefeito, Flávio Antônio Neto da Silva, na quarta-feira (4) a profissional efetiva que cumpre 40 horas semanais voltou das férias, completando, portanto, o quadro médico do município – que até o mês passado dispunha de dois profissionais e, a partir desta semana, passa a contar com três.

“Hoje está resolvido o quadro. Chamamos um médico efetivo de 20 horas, permaneceu a médica do Mais Médicos e a nossa médica efetiva retornou à unidade na quarta, porque encerrou as férias”, diz Flávio.

Na semana passada, em entrevista ao Correio Lageano, a secretária da Saúde do município, Sirlei Andrade Lopes Neves, afirmou que a profissional contratada pelo programa Mais Médicos seria transferida, por causa de um “desentendimento entre as duas médicas, além de problemas pessoais e internos”. No início da semana o prefeito chegou a ser chamado na Câmara de Vereadores para esclarecer os fatos.

“Como ficamos sem médico em fevereiro, ela [secretária da Saúde] entrou em contato com o Ministério de Saúde e fez uma reclamação lá, o que causou polêmica, mas foi resolvida a situação e mantém hoje [a profissional do Mais Médicos], então o município vai ficar com três médicos”, explica Flávio.

Segundo ele, pelo menos até maio de 2021 – data em que encerra o contrato com o Mais Médicos, a população contará três médicos, que atendem nas duas unidades básicas de saúde, uma localizada no Centro da cidade e outra na localidade de Casa de Pedra.

“Daí a próxima administração vai ver se mantém o Mais Médicos ou como vai ser, mas até maio de 2021 o município vai ter três médicos”, garante. O prefeito ressalta que também serão retomadas as visitas domiciliares, que foram interrompidas no mês de fevereiro.

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com