Geral

Quedas de luz incomodam moradores de Urubici

Published

em

Urubici tem, atualmente, 5.022 unidades consumidoras - Foto: Prefeitura de Urubici/ Divulgação

O que era para ser uma exceção, virou rotina para os moradores de Urubici, na Serra Catarinense. Com cerca de 11 mil habitantes, a cidade turística tem sofrido constantemente com as quedas no fornecimento de energia elétrica. O problema tem causado uma série de transtornos para os moradores e comerciantes. A Celesc afirma que vem trabalhando para resolver a situação.

De acordo com os moradores, o mau tempo é o principal fator que contribui para os constantes picos de luz. Geralmente, as chuvas fortes, comuns no verão, vêm acompanhadas de vento e descargas elétricas, que ocasionam raios, afetando a rede. O problema tem afetado moradores da cidade e do interior do município. O último apagão ocorreu no sábado (25).

A balconista Sílvia dos Santos, que trabalha em uma panificadora no Centro da cidade, afirma que as interrupções vêm de muitos anos. “O problema é maior quando chove. Nós, aqui, já tivemos aparelhos queimados, o sorvete descongela e cada vez que falta luz temos de regular a máquina de café expresso. Geralmente, os picos duram de 10 a 15 minutos”, relata.

A proprietária de uma pousada rural diz que os prejuízos são constantes. Ela conta que, além dos transtornos no estabelecimento, como a falta de internet para os hóspedes, as quedas de luz têm provocado prejuízos numa granja de leite da família. “De vez em quando, meu marido tem de jogar leite fora por causa da falta de luz. Aqui, sempre falta energia”, confirma.

Preocupada com a situação, a prefeitura do município lançou uma nota de repúdio criticando a Celesc. A publicação enfatiza que a população está tomando as providências cabíveis junto à concessionária para apurar as razões das constantes interrupções no fornecimento de energia.

“Gostaríamos de saber da Celesc o porquê de tantas interrupções. Estão prejudicando famílias, comércio, produtores de leite, hortifrutigranjeiros e o crescimento da cidade”, diz a nota, que foi publicada no Facebook da prefeitura.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a prefeitura informou que o prefeito Antonio Zilli vai se reunir nos próximos dias com representantes da Celesc para buscar uma solução para o problema. A ideia é pedir que o órgão reforce as linhas de transmissão do município, resolvendo, com isso, a situação.

Temporais ocasionam quedas de energia

O gerente Regional da Celesc, Afonso Marin, diz que desde dezembro do ano passado foram registradas apenas quatro ocorrências de queda de energia em Urubici. Segundo ele, os temporais têm sido uma das principais causas dos problemas, no entanto, garante que medidas preventivas, como o corte de vegetação perto da rede, têm sido tomadas para eliminar os riscos.

Além disso, Marin garante que, nos próximos dias, serão instaladas três “unidades de banco regulador de tensão” na rede que abastece Urubici. O objetivo é melhorar o nível de tensão, aprimorando, com isso, o fornecimento de energia no município.

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com