Festa do Pinhão

Música para alegrar e contagiar comunidade

Published

em

Ele sabe tocar violão, cantar algumas modas gaúchas e, claro, as músicas religiosas. É com a música e o seu violão que já conseguiu reunir pessoas que antes não tinham coragem de entrar na igreja. Dom Guilherme Antônio Werlang, o bispo da Diocese de Lages, chamou a atenção do público ao aceitar o convite e subir ao Palco do Recanto do Pinhão na última quarta-feira (12). “Fui surpreendido enquanto estava assistindo ao show. Quando subi no palco, pediram para que eu cantasse. Desde seminarista eu acho importante o líder religioso viver e estar no meio do povo.”

Para o bispo, o Recanto é o lugar do povo. Ele observa que desde o andarilho até o empresário, sem distinção de classe social e religião, todos podem participar do evento. “Todas as ações daqui revertem para a caridade,” argumenta dom Guilherme ao se referir  às barracas de gastronomia, instaladas no recanto por entidades beneficentes.

A música é um dos elementos utilizados pelo bispo para receber os fiéis na igreja. Dom Guilherme lembrou de um fato, de quando era padre em Goiás, e conseguiu levar os homens para a igreja graças a uma roda de conversa informal, antes da missa. Assim, os maridos das mulheres que iam à missa, sentiram-se motivados a participar de uma celebração feita pelo bispo, à época padre.

 

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com