Geral

Feriadão de movimento intenso nas rodovias

Published

em

A PRF está intensificando a fiscalização dos veículos na rodovia. Carros com documentação irregular estão sendo multados e guinchados Foto: Gislaine Couto

O Feriado de Ano Novo em Santa Catarina habitualmente tem movimento intenso no Litoral. Pela Serra Catarinense, na rodovia BR-282, a principal ligação para quem vem do Oeste Catarinense e da Argentina em direção às praias catarinenses, o maior movimento foi observado a partir da sexta-feira (dia 28) e no sábado (29). Para quem sobe à Serra em direção a Lages e região, o número de veículos rodando também está acima da média, portanto, o fluxo de carros é nos dois sentidos.

Para ordenar o trânsito e coibir acidentes, neste período de movimentação intensa, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensifica a fiscalização e para isso a equipe da Posto da PRF de Índios recebeu reforço de oito policiais. A PRF de Índios fiscaliza 400 quilômetros de rodovia na Serra, na BR-282 até Alfredo Wagner e na BR-116.

A fiscalização faz parte da Operação Rodovida, que se iniciou dia 14 de dezembro e se estende até o fim do Carnaval. Segundo João Paulo Haas, chefe da Delegacia da PRF em Lages, os policiais estarão no trecho  com radar móvel, e atuantes na fiscalização de ultrapassagens indevidas, alcoolemia e a cadeirinha das crianças. “Estamos fiscalizando também documentação e veículos sem condições de trafegabilidade, por isso a importância da revisão”, orienta.

Quem não quer ficar na estrada e terminar seu feriado mais cedo, tem que estar atento à documentação do seu veículo, pois com o licenciamento vencido, o carro pode ser guinchado e carregado ao pátio e o motorista terá que pagar o valor do guincho e mais a diária do pátio para onde o veículo for recolhido, além da multa.

A prudência deve fazer parte da viagem, não se deve ultrapassar em trechos não permitidos e em situações que coloque em risco a vida. Nesse período de festas, o motorista deve estar consciente que a viagem vai durar mais tempo em decorrência das filas nas rodovias, então, paciência e cautela ao volante.

E conforme determina a Lei Seca, não é tolerada nenhuma quantidade de álcool no motorista. O condutor que ingerir qualquer quantidade de bebida alcoólica e for submetido à fiscalização de trânsito está sujeito à multa, considerada gravíssima, no valor de R$ 2.934,70, terá o carro apreendido e a suspensão do direito de dirigir por 12 meses. Em caso de reincidência, o valor da multa é dobrado.

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com