Conecte-se a nós

Notícias

Em março, Vindima vai celebrar início da colheita da uva

Published

em

Sexta edição da Vindima de Altitude acontece de 1º a 31 de março - Foto: Arquivo CL

O início da colheita da uva vai ser celebrado na Serra Catarinense em março, com a realização da 6ª edição da Vindima de Altitude. O evento acontecerá durante todo o mês em 16 vinícolas da região, mas a abertura oficial será no dia 1º, em São Joaquim.

Durante 31 dias o público é convidado para degustar o que há de mais requintado em vinhos e espumantes de altitude. Para o presidente da Associação Vinhos de Altitude e Produtores Associados, José Eduardo Pioli Bassetti, muito mais do que uma comemoração pela colheita, a Vindima é uma reverência à natureza (clima, solo, etc), às pessoas que trabalharam e a tudo o que contribuiu para a boa safra, que proporcionará a produção de vinhos de qualidade.

“A gente comemora o momento da colheita, porque é só neste momento que temos certeza que a uva vai virar vinho de qualidade. Começamos a trabalhar no inverno, enfrentamos geada, granizo, falta ou excesso de chuva, ventos, doenças. Nessa hora a gente comemora que a colheita é de qualidade”, comenta.

Para o presidente da Comissão Organizadora do evento, Acari Amorim, a Vindima celebra a qualidade dos vinhos da região. “São reconhecidos em todo o país como vinhos diferenciados e específicos, são muito marcantes em termos de cor, aroma e sabor”, comenta.

Para ele, há três pontos a serem comemorados com este evento. O primeiro é a safra recorde prevista para 2019: serão mil toneladas que possibilitarão a produção de cerca de 1 milhão de garrafas de vinho. “O clima foi muito propício nesta safra. A diferença térmica, com dias quentes e noites frias, especialmente para vinhos tintos, é muito boa. Além disso, a chuva foi bem distribuída e não tivemos nenhuma geada tardia”.

O segundo ponto positivo é a marca do 20º ano de produção da uva em São Joaquim e região, e o terceiro é o fato de que, nesta edição, durante os três primeiros dias do mês de março as vinícolas participarão de uma exposição em praça pública, no Centro de São Joaquim. Paralelamente à exposição, que aproximará os vitivinicultores da comunidade, haverá também apresentações artísticas nestes dias.

Além da valorização da produção da uva e de vinhos finos de altitude, Amorim ressalta que a Vindima é um importante evento para o fomento turístico da região. “A gente atrai turistas de todo o país, que são recebidos pelas paisagens deslumbrantes e pela magia das nossas vinícolas. O turismo é a grande oportunidade de toda a Serra e também do Meio-Oeste catarinense para promover um desenvolvimento econômico e social duradouro e mais perene. O turismo é um universo de negócios que envolve a hotelaria, gastronomia, artesanato. Nossa região é muito propícia para isso”, completa.

Programação

1º de março (sexta-feira)

18h às 22h: Estande das Vinícolas

19 horas: Abertura Oficial – apresentação cultural do Quarteto de Cordas

Local: Praça Cezário Amarante

2 de março (sábado)

15h às 22h: Estande das Vinícolas

15 horas: Trio de Cordas

16h15: Douglas Porto e Sara Matos

17h30: Dança Tradicionalista

18 horas: Balé

18h30: Seiferts

20 horas: The Zorden

3 de março (domingo)

15h às 19h: Estande das Vinícolas

15 horas: Diana e Martinez

16 horas: Gymnopeduo

17 horas: CTG Invernada Artística

17h30: Trio Malbec

Confira a programação completa das vinícolas no site do evento.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: