Geral

Campanha de vacinação contra gripe é antecipada e público ampliado

Published

em

O horário de atendimento na Vigilância Epidemiológica é das 8h às 12h e das 14h às 18h - Foto: Patrícia Vieira

A 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe foi antecipada, este ano. Além disso, terá duas etapas. Entre 10 e 19 de abril, será destinada para crianças de 6 meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias e para gestantes. De 22 de abril a 31 de maio, será aberta a vacinação de todos os grupos prioritários em todo o país. A campanha contra a Influenza será até 31 de maio, com Dia D em 4 de maio.

De acordo com o gerente Regional de Saúde, Aloísio Piroli, em Lages, o índice de vacinação contra a gripe ainda é baixo. Ele argumenta que a população precisa se imunizar contra as doenças. Por medo, algumas pessoas não vão se vacinar. Pirolli garante que a imunização é a única forma segura que existes de se proteger contra as doenças.

Em Lages, a expectativa é imunizar, pelo menos, 90% das mais de 56 mil pessoas incluídas nos grupos prioritários. Além das crianças, devem se vacinar adultos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medida socioeducativa, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.  

As doses são gratuitas e estarão disponíveis na Vigilância Epidemiológica e nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de cada bairro. O horário de atendimento na Vigilância Epidemiológica é das 8h às 12h e das 14h às 18h. Nas unidades de saúde, será das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h.

Vírus

O vírus H1N1 provocou 66% das mortes por gripe no Brasil em 2018, Segundo dados do Ministério da Saúde. A influenza ou gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório, ocasionada pelo vírus influenza, com elevado potencial de transmissão. No Sistema Único de Saúde (SUS), apenas pessoas do grupo prioritário podem ser vacinadas

Documentação

As pessoas devem levar a carteira de vacinação e o atestado médico, caso tenha alguma doença crônica ou pertença a outra categoria de risco para influenza. As crianças que estão recebendo a vacina pela primeira vez recebem ainda uma segunda dose, que deve ser aplicada um mês após a primeira.

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com