Conecte-se a nós

Negócios

Brasil envia missão aos EUA para negociar fim das restrições à carne processada

Published

em

Brasília, 31/05/2010, Agência Brasil

 

Uma missão do Ministério da Agricultura estará em Washington, nos dias 7 e 8 de junho, para avaliar com autoridades do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) as diferenças de procedimento em relação ao controle de resíduos na carne bovina termoprocessada que o Brasil exporta para aquele país.

O uso de sistemas distintos de avaliação levou os Estados Unidos a impedir a entrada de um lote do frigorífico JBS Friboi este mês. Por isso, o governo brasileiro suspendeu, na última quinta-feira (27), as certificações e embarques de carne processada para os Estados Unidos.

“Vamos buscar informações sobre a metodologia aplicada pelo serviço veterinário oficial daquele país. A adotada pelo Brasil segue recomendação do Codex Alimentarius [código internacional de referência para a segurança dos alimentos]”, explicou o diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal da Secretaria de Defesa Agropecuária, Nelmon Costa, por meio de nota.

Outro objetivo da missão, segundo Costa, é verificar se os critérios aplicados na inspeção dos produtos brasileiros são os mesmos usados internamente para produtos americanos. Os Estados Unidos são o principal importador de carne processada brasileira e compraram, no primeiro trimestre deste ano, cerca de 9 mil toneladas do produto, ao preço de US$ 48,6 milhões.

 

Compartilhe
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio

Rua Coronel Córdova, 84 - Centro - CEP: 88502-000 - Lages (SC) - Brasil . Contato - Fone: 49 3221.3300 e-mail: correiolageano@correiolageano.com.br

Todos os direitos autorais são propriedade do Correio Lageano e Portal CLMais