Conecte-se a nós

Esportes

Após morte de bisneta, Mandela não participará de abertura da Copa

Published

em

Johanesburgo, 11/06/2010, (EFE)

 O ex-presidente da África do Sul e Prêmio Nobel da Paz Nelson Mandela não vai participar da cerimônia de abertura da Copa do Mundo, nesta sexta-feira, devido à morte, nesta madrugada, de sua bisneta Zenani, de 13 anos, vítima de um acidente de carro.


"Nelson Mandela soube esta manhã da trágica morte de sua bisneta Zenani Mandela", assinala um comunicado da Fundação que leva o nome do primeiro presidente negro sul-africano, que indica que "não seria apropriado que participasse das celebrações de abertura da Copa do Mundo".


A Fundação, que atua como porta-voz da família Mandela, assinala: "temos certeza de que os sul-africanos e as pessoas de todo o mundo se solidarizarão com Mandela e sua família após esta tragédia".


A cerimônia de abertura acontece antes da partida entre África do Sul e México, no estádio Soccer City, no emblemático bairro de Soweto, em Johanesburgo, símbolo da luta de Mandela e do povo sul-africano contra o regime do apartheid.


"Seguimos pensando que a Copa do Mundo é um momento histórico para a África do Sul e o continente, e temos certeza de que será um grande evento. 'Madiba' (apelido do ex-presidente) estará lá em espírito hoje", conclui o texto.


Em comunicado anterior, no qual informava a morte da adolescente , a Fundação assinalou que "a família (Mandela) pediu respeito à sua intimidade enquanto chora por esta tragédia".


Zenani, uma das nove bisnetas de Mandela, morreu nesta madrugada em acidente de trânsito após deixar o show que marcou a abertura da Copa, realizado na quinta-feira no estádio Orlando, no famoso bairro de Soweto, em Johanesburgo.


A menina tinha comemorado seu aniversário na quarta-feira, e era a filha mais velha de Zoleka Seakamela, segundo a Fundação Mandela.


O show foi uma autêntica homenagem ao bisavô da menina. O bispo Desmond Tutu, que, a exemplo de Mandela ganhou um Prêmio Nobel da Paz, fez uma participação vestido da cabeça aos pés com as cores da seleção sul-africana, gritando o nome do ex-líder.


A Fundação também assinalou que não houve mais feridos no acidente, embora emissoras de rádio locais tenham informado que Zoleka estava com sua filha no carro e foi levada a um hospital, mas não informaram sobre a situação dela.


Foto: (EFE)

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: