Conecte-se a nós

Negócios

Vendas em shoppings cresce 6% no Natal

Published

em

Em Lages, o Garden Shopping ainda não concluiu seu levantamento

Em Lages, o Garden Shopping ainda não concluiu seu levantamento, mas a torcida é para que tenha acompanhado, e até superado, a tendência dos malls de todo o Brasil, que registraram crescimento nominal (sem considerar a inflação) de vendas em 6% no período de Natal, depois de amargarem dois anos de queda.
Segundo levantamento da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), o faturamento estimado, que levou em conta o mês de dezembro, foi de R$ 51,2 bilhões.
A estimativa é que os 773 shoppings brasileiros tenham movimentado R$ 147,5 bilhões durante o ano de 2017, alta de 5% em relação a 2016.
A pesquisa do perfil do consumidor aponta que 52% são mulheres e 48%, homens.

Inflação 1_ O mercado financeiro reduziu pela quinta semana consecutiva a estimativa de inflação, que permanece abaixo da meta para este ano. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) passou, desta vez, de 2,83% para 2,78%. A estimativa consta do boletim Focus, uma publicação divulgada no site do Banco Central (BC) todas as semanas com projeções para os principais indicadores econômicos.

Inflação 2_ A meta de inflação, que deve ser perseguida pelo BC, tem como centro 4,5%, limite inferior de 3% e superior de 6%. Quando a inflação fica fora desses patamares, o BC tem que elaborar uma carta aberta ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, explicando os motivos do descumprimento da meta.

Números do emprego_ O Ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, divulga hoje, a partir das 10 horas, os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) referentes ao mês de novembro. A divulgação será feita durante entrevista coletiva no Edifício-sede do Ministério.

E-commerce 1_ Já está em vigor a Lei 13.543, que traz novas exigências para a disponibilização de informações sobre produtos em sites de comércio eletrônico. Pela norma, sancionada na semana passada pelo presidente Michel Temer, o preço dos produtos postos à venda nos sites têm de ser colocados de maneira ostensiva, junto à imagem dos artigos ou descrição dos serviços. Segundo a lei, as fontes devem ser legíveis e não inferiores ao tamanho 12.

E-commerce 2_ A norma inclui essas exigências relativas às vendas online na Lei 10.962, de 2004, que disciplina as formas de afixação de preço de comerciantes e prestadores de serviços. Entre as obrigações gerais de empresas está a cobrança de valor menor, se houver anúncio de dois preços diferentes.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: