Luciano Hang não é candidato, mas ainda pode ser – CL+
Conecte-se a nós

Geral

Luciano Hang não é candidato, mas ainda pode ser

Published

on

Foto: Bárbara Sales /O Município / Divulgação

 Por Bárbara Sales, Jornal O Município – Brusque, especial para o Correio Lageano

Jornalistas de todo o estado estiveram em Brusque na manhã de sexta-feira, 5, na sede administrativa da rede de Lojas Havan, para o grande anúncio político do empresário brusquense Luciano Hang. Pontualmente iniciada às 10 horas, havia grande expectativa sobre o que o empresário, proprietário de 107 megalojas em todo o país, diria na coletiva de imprensa convocada no apagar das luzes de 2017.

Desde o anúncio da coletiva, muito se especulou, principalmente sobre a possibilidade de Hang comunicar sua candidatura a um cargo público nas eleições deste ano. As principais apostas eram que ele anunciaria sua candidatura ao Governo do Estado. No fim da tarde de quinta-feira, as especulações sobre a candidatura se tornaram ainda maiores, já que surgiu a informação do pedido de desfiliação de Hang do PMDB, partido ao qual fazia parte desde 1985, o que movimentou ainda mais o cenário político catarinense, já que o empresário poderia anunciar, também, o novo partido .

Entretanto, as expectativas não se confirmaram. Durante cerca de 1h20, Luciano Hang desabafou sobre a situação política e econômica do país. Falou sobre a grande burocracia, a alta taxa de juros que faz as empresas brasileiras perderem mercado e competitividade para outros países e, principalmente, sobre a classe política e a necessidade de mudar a forma de fazer política no Brasil. “O Brasil não vai mudar se nós não mudarmos os nossos votos. Vamos continuar sendo um país de miseráveis, de pobres, para o resto das nossas vidas. O Brasil está virado de cabeça pra baixo. No Brasil de hoje, o errado é o certo e o certo é o errado, está tudo errado neste país”, diz. “Temos que acabar com pessoas que vão para o serviço público pensando em roubar, em enriquecer. Aliás, tem empresários que apostam no governo para ganhar do BNDES juros subsidiados para comprar jatinho, enriquecer, enquanto isso, o povo sofre. Eu não penso assim, não penso só na minha empresa, mas no meu país”, concluiu.

Nova postura política
O grande anúncio de candidatura não veio, entretanto, o empresário deixou a possibilidade de disputar o pleito de 2018 totalmente aberta, já que a legislação eleitoral permite filiações a novos partidos até meados de abril. “Temos quatro meses para ver, estudar, conversar. Esse é o ano do fato novo, é o ano do empreendedor, do empresário, ano de as pessoas votarem em quem tem disciplina, sabe administrar e quer fazer”, afirma. Ele disse que terá uma participação mais efetiva na vida política. Que até então, tentava participar um pouco na política local. “Eu acho que nós, empresários, pessoas do bem, precisamos nos manifestar senão nós estamos condenados a viver assim, se não cuidarmos, vamos quebrar a cara”. O empresário enfatizou que está no jogo, que pode pleitear qualquer cargo, como também pode apoiar alguém, incentivar alguém ou ser esse alguém que possa ajudar esse país a ir para o caminho que acredita que tem que seguir. Hang declarou que não há nenhum partido em vista e está aberto a todas as possibilidades.

Desfiliação do PMDB
Sua desfiliação do PMDB ocorreu para evitar mal estar dentro do partido, caso ele opte por disputar a eleição neste ano. “Por que criar uma confusão dentro do partido se eles já estão se articulando”, diz, se referindo ao presidente estadual da sigla, o deputado Mauro Mariani, que pretende disputar o governo do estado, e também ao vice-governador, Eduardo Pinho Moreira, que também tem pretensões. Hang afirma que se filiou ao partido ainda em sua época de estudante, quando foi líder estudantil e já tinha grande amizade com o ex-governador Luiz Henrique da Silveira, falecido em 2015. “Eu fiquei até ontem [quinta-feira] como forma de homenagear esse grande homem que foi o Luiz Henrique, maior político de Santa Catarina e nosso melhor governador”.

Certidão negativa
O empresário também fez questão de apresentar sua certidão negativa criminal aos jornalistas, o que classificou como um ato de transparência. Hang afirma que sempre quando se manifesta politicamente, é inundado por uma chuva de críticas, principalmente nas redes sociais, de pessoas que citam processos que ele e a sua empresa têm na Justiça. “Hoje, 95% do que eu compro é nacional, privilegio a nossa indústria, e as pessoas querem nos atingir para que o empresário não se meta em política. Está aqui o processo, nada consta, fomos inocentados. Temos muitos processos, sim, e vamos continuar sendo processados. O que importa é não ser condenado. Aqui está a minha certidão para as pessoas que ficam falando mal de mim. Sou transparente”.

Mudanças
Para o empresário, chegou a vez dos novos terem oportunidade na política, principalmente aqueles que têm coragem para fazer as mudanças que o país precisa. “O político tem que tomar decisões que muitas vezes não são unanimidade, mas se ele souber que está certo, tem que tomar. Não podemos errar a terceira vez. Ninguém mais quer saber do político que rouba, mas faz, do bonzinho incompetente ou daquele que fica em cima do muro. Precisamos de políticos que não dependam daquele cargo, a maioria dos maus políticos só fez política a vida toda, se perderem o cargo, não sabem fazer nada. Precisamos mudar este cenário”.

Comentários
clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

DIC prende suspeitos por receptação e tráfico

Published

on

Por

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Lages, prendeu três suspeitos na tarde sexta-feira, em Lages. Os irmãos Gabriel de Jesus, de 19 anos, e Anderson Ferraz Farias, 27. Eles foram presos em flagrante pelos crimes de receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Conforme a Polícia Civil, as prisões ocorreram no Bairro Caroba, quando os dois tentavam vender uma motocicleta Honda Biz, cor preta, furtada na cidade de Urupema, no dia 6 de janeiro deste ano. Além da motocicleta, foi apreendido o volante de uma caminhonete Ford, o qual foi subtraído e m Urupema, e mais R$ 350.

A terceira prisão foi no Bairro São Paulo. De acordo com a DIC, Sidnei Gonsalves, de 34 anos, foi preso pelos crimes de tráfico de maconha e crack, posse ilegal de munição e também por receptação. Gonsalves, era investigado desde o ano passado. Ele foi flagrado na noite de quinta, vendendo maconha em sua residência.

Ainda de acordo com a polícia, na casa, além de serem apreendidas 23 pedras de crack, certa quantidade de maconha, 20 munições intactas e uma certa quantia em dinheiro, foram recuperados diversos móveis e eletroeletrônicos furtados/roubados que havia recebido como forma de pagamento da venda de drogas. A polícia informou que os três presos possuem antecedentes criminais. Ele foram levados para o Presídio Regional de Lages.

Comentários
Continue Lendo

Geral

Corpo de jovem é resgatado de rio em Urubici

Published

on

Por

Rio do Baiano, em Urubici- Foto: Divulgação

Um jovem, de 22 anos, morreu afogado no Rio do Baiano, na tarde de sexta-feira (19), em Urubici. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Márcio Adriano da Silva Ribeiro teria saído para pescar e não retornou no horário de costume. Técnicos do Instituto Geral de Perícias (IGP) estiveram no local para remover o corpo para autópsia. Márcio era natural de Urubici. Ainda não há informações sobre as causas do afogamento.

 

Comentários
Continue Lendo

Geral

Homem morre esmagado em acidente com trator

Published

on

Neste acidente o tratorista saiu ileso - Foto: Divulgação

Dois acidentes com tratores agrícolas foram registrados em São Joaquim, na Serra Catarinense, e resultaram em uma vítima fatal. Em um dos acidentes, o tratorista morreu esmagado. O corpo de Juventino Meireles, foi encontrado, ontem, embaixo do veículo, em uma estrada na localidade Rondinha, no interior do município.

Conforme o site São Joaquim Online, o acidente foi próximo a uma propriedade, onde ele prestava serviço de trabalhador rural. O tratorista estava desaparecido desde o final da tarde de domingo, quando saiu para trabalhar e não retornou. Devido à chuva, equipes da Polícia Civil e do Instituto Geral de Perícias (IGP) tiveram dificuldades para chegar ao local e recolher o corpo. As causas do acidente serão investigadas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, no outro acidente envolvendo um trator, o tratorista saiu ileso. O acidente foi registrado na localidade do Luizinho. O trator teria tombado enquanto o agricultor trabalhava em um pomar de maçã. O condutor teria perdido o controle do veículo, que capotou em seguida. Ele conseguiu escapar a tempo e, por isso, não se feriu.

Comentários
Continue Lendo

Geral

Manifestação de moradores na Avenida 31 de Março

Published

on

Foto: Andressa Ramos

Com faixas e cartazes moradores do Bairro Guarujá, em Lages, se manifestam contra a violência e pedem a construção de uma base fixa da Polícia Militar. Eles percorrerão a avenida até o Posto Guarujá.

Comentários
Continue Lendo

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©