Esportes

Torcedores pregam paz no GreNal

Published

em

Torcedores dividem a mesma arquibancada - Foto: Rádio GreNal/ Divulgação

Os argumentos são muitos para colocar o GreNal como a maior rivalidade do futebol brasileiro. A “desavença”, no entanto, não precisa estar entre eles, pois o vermelho e azul mesmo sendo cores diferentes podem se combinar com harmonia.

Neste domingo (17), ocorre a primeiro clássico GreNal do ano, uma oportunidade de se avaliar os ânimos e o nível de deboche comum entre os torcedores no embate que acontece na Arena, a partir das 19h.

Ambos os times estão disputando, além do Gauchão, a Copa Libertadores da América. E passam por situações adversas. O Grêmio, por exemplo, depois de empatar com o Rosario Central na estreia, não conseguiu se recuperar em casa. Na última terça-feira, o Imortal do treinador Renato Gaúcho perdeu por 1 a 0 para o Libertad e viu a situação ficar complicada no torneio continental.

No Colorado, o clima é de comemoração, a equipe de Odair venceu o Alianza Lima por 2 a 0 e abriu vantagem na liderança do Grupo A da Libertadores com 100% e faz sua melhor largada na história da competição.

Tudo isso pode ser ingrediente de provocação. Mas não é o que pregam, ao menos dois torcedores de Lages, Paulo Roberto Mendes Ouriques, 40 anos e Douglas Zappelini, 53. Eles querem que a paz predomine dentro de campo e na arquibancada.

Válido pela 10ª rodada do Gauchão , o clássico pode definir a posição em que os clubes avançarão para a fase de mata-mata do campeonato. Atualmente, após cinco jogos disputados, o Grêmio lidera com 23 pontos e o Inter é vice com 19 pontos.

Paulo vai assistir ao GreNal e espera um grande jogo. Nas suas contas, são mais de 15 Grenais ao vivo. E o último foi ano passado quando o Grêmio venceu por 3 a 0. Ele se diz pé quente pois, viu o Imortal triunfar mais do que amargar derrota.

Paulo vai assistir ao GreNal e espera um grande jogo – Foto: Divulgação

O lageano sofreu influência do pai na hora de escolher um time para torcer e desde pequeno é gremista. Sua paixão é dividida com o filho, Ederson de 18 anos. “Baita companheiro”, afirma o morador do Bairro Habitação, onde é comerciante. Porém a mesma paixão não “atingiu” a esposa Luciane a filha Amábili, ambas torcem para o Flamengo.

Apaixonado pelo Inter de Porto Alegre e com diversa idas ao Beira-Rio, Douglas Zappelini desta vez não vai assistir ao GreNal. Não vai a Porto Alegre porque tem compromisso inadiável, mas promete ficar ligado no rádio. “Quando têm jogos do Inter aqui por perto sempre vou. Junto uma turma e vamos torcer”, explica o lageano.

Para ele, GreNal vai ser sempre GreNal, cheio de emoções e sem favorito. Mesmo precavido, arrisca um resultado, claro favorável: 1 a 0 para o Colorado. Uma coisa é certa, dia 3 de abril, Douglas vai assistir Inter e River Plate pela Libertadores.

Douglas Zappelini desta vez não vai assistir ao GreNal, mas promete ficar ligado no rádio – Foto: Divulgação

clique para comentar

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com