Conecte-se a nós

Notícias

Serra Catarina: mais de dois meses de atrações esportivas e culturais  

Published

em

Abertura reuniu autoridades e público em geral - Foto: Bega Godóy

A  3ª edição do Serra Catarina Festival de Inverno terá programação por 64 dias. A abertura foi no Centro Cultural Vidal Ramos, na noite desta sexta-feira (29) e os eventos se estendem até o dia 31 de agosto, trazendo uma série de atividades. São mais de 100 atrações simultâneas ou não, em 11 municípios da região serrana.

Para dar início, na sexta também foi dada a largada promocional do Rally Caminhos da Neve. Com trajeto de 650 quilômetros, em dois dias de provas, o evento tem como rota os municípios de Rio Rufino, Bom Retiro, Urupema, Capão Alto, Painel, Bocaina do Sul, Urubici e São Joaquim, com chegada em Lages. Premia os campeões entre carros, motos, UTVs e quadriciclos.

Durante os mais de dois meses de programação não faltará opções. Quem quiser apreciar, pode escolher entre gastronomia, música, cinema, fotografia, dança, esporte e aventura.

Música na Serra

Na programação, está o 6º Festival Internacional Música na Serra, realizado pelo Instituto José Paschoal Baggio (IJPB) e Ministério da Cultura, sob a regência do diretor artístico Jean Reis, e acontece de 15 a 21 de julho, no Teatro Marajoara. O festival tem a participação de músicos de Santa Catarina, de outros estados e também do exterior. Para a gerente executiva do instituto, Edite Moraes, Lages tem um celeiro de música, característica observadas durante as mais variadas apresentações culturais dos estudantes que envolvem música e dança.

“São situações que nos estimulam a trazer o festival para que as pessoas tenham oportunidade de buscar, aperfeiçoamento, formação, capacitação, estudo e apreciação. O festival tem esse intuito: fazer com que as pessoas percebam que o treino, habilidade e dinâmica se faz pelo desejo para que faça sempre o melhor”, explica Edite, ao acrescentar que a música é uma profissão, abre portas e desenha uma vida de arte, cultura intelectual e lazer. “Estudos mostram que a música é remédio”, resume.

Comércio

A coordenadora do evento, Rosani Pocai, lembra que o festival nasceu de uma necessidade de movimentar o comércio nesse período. Os comerciantes se queixavam da baixa demanda. “Queremos gerar fluxo e renda em todos da região e quanto mais eventos tiver, mais tempo o turista vai circular pela Serra Catarinense”, explica.

Programação

Além dos consagrados eventos de esporte e aventura, como o Motoneve, que passa de 20 edições, o Serra Catarina ganha, a cada ano novos, parceiros. A exemplo da cidade de Anita Garibaldi, que criou um festival gastronômico para integrar o festival de inverno.

Entre as atividades deste inverno na Serra, ocorre também o Encontro de Veículos Antigos e Clássicos de Lages, o Festival Joaquinense de Inverno, o Bike Serra, o Acordeon Festival, além das atrações da Rede Sesc de Teatros, como o Mostra EmCenaCatarina, o Ocupa Vidal, Sarau Cultural, CineSesc, entre outros. A programação completa estará no portal CLMais.com.br.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: