Conecte-se a nós

Turismo

Salto quer desenvolver o turismo religioso

Published

em

Lages, 30/06/2010, Correio Lageano

 


A Igreja Católica da localidade de Santa Terezinha do Salto, em Lages, vem estudando a possibilidade de desenvolver um tipo de turismo que já é explorado em outras regiões do estado: o turismo religioso, que será fomentado pela Igreja e pelo Conselho Pastoral Comunitário (CPC).

 


De acordo com o pároco da Capela São José do Salto, padre Vitor Hugo Mendes, devido à importância desta comunidade para o município, a igreja tem investido em um processo de revitalização da capela para receber visitantes e fomentar este novo tipo de turismo.

 


De acordo com o religioso, a Capela São José do Salto é pioneira na Serra Catarinense na criação de uma Pastoral do Turismo, que é uma parte da igreja destinada, exclusivamente, a tratar de determinado assunto. “O turismo religioso já é bem desenvolvido no litoral do estado, queremos trazer isso para o interior, oferecendo para quem visita o Salto e até mesmo para quem mora aqui, a oportunidade de conhecer mais a religiosidade local”, comenta.

 


A Capela São José fica localizada em um ponto estratégico de Santa Terezinha do Salto, que compreende aproximadamente 12 comunidades e, de acordo com o pároco, este é um dos motivos para a transformação do local em um ponto turístico. “Queremos oferecer um turismo religioso compatível com o que o local tem a nos oferecer, tornando-o acessível e atraente aos olhos do turista”, afirma o padre Vitor Hugo.

 


Para a coordenadora do CPC, Patrícia Branco Borges, o desenvolvimento deste segmento de turismo no local trará maior união para os católicos que o frequentam, além de trazer benefícios econômicos, uma vez que cada vez mais pessoas serão atraí­­das para lá. “Esta também é uma forma de retomar a parte espiritual das pessoas e ajudar financeiramente a comunidade”, destaca.

 


A Igreja São José do Salto foi construída há cerca de 15 anos e, recentemente, passou por obras e pinturas, que foram feitas com o propósito de fomentar o turismo religioso. A ideia ainda está no papel e, até que sejam fechados acordos com autoridades municipais para incentivo financeiro, a Igreja conta com a colaboração de moradores da localidade.

 


O secretário de Turismo de Lages, Mario Hoeller de Souza, mesmo sem ainda oferecer apoio ao projeto, ressalta que todas as iniciativas que somem ao propósito de desenvolvimento do turismo local, são excelentes proposições. “O maior ponto de turismo religioso na cidade é o Morro Grande, precisamos fomentar outros pontos. A proposta é de grande interesse para o município também, não apenas para a comunidade do Salto. Nós temos interesse em colaborar, entretanto, precisamos conhecer exatamente o projeto e conhecer seus propósitos”, completa.

 


O projeto foi apresentado publicamente ontem (29) e agora os idealizadores farão reuniões para apresentá-lo às autoridades municipais e buscarem apoio.


Turismo religioso

 


A Igreja São José do Salto foi construída há cerca de 15 anos e agora, o pároco, juntamente com membros da CPC, lutam para transformá-la em um ponto que fomente o turismo regional da localidade de Santa Terezinha do Salto.

 


O turismo religioso tem como motivação fundamental a fé da população.

 

Fotos: Núbia Garcia

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: