Conecte-se a nós

RETROSPECTIVA CL

O Correio Lageano inicia a RETROSPECTIVA 2017. Tanto no jornal quanto no CLMais você poderá rever o que foi destaque e os maiores fatos do ano. Além de fotos e vídeos, o leitor do CL também terá conteúdo exclusivo online, incluindo bastidores de algumas matérias, revelando detalhes que você não leu nas páginas do jornal.

Há 26 anos, ele doa brinquedos às crianças carentes

 

Quando se aposentou, em 1991, durante uma pescaria, Luiz Carlos da Costa, conversava com os amigos sobre o que faria da sua vida. Da conversa sossegada surgiu a ideia de fazer brinquedos de madeira para crianças. Um amigo, que é proprietário de uma empresa que transporta madeira, o ajudou e com o incentivo ele começou a brincadeira. Hoje, aos 76 anos, ele fabrica, em Timbó, carrinhos, camas, caminhões e outros brinquedos de madeira para doar às crianças carentes. Em média, por ano, ele doa sete mil brinquedos em Santa Catarina. Desta vez, Lages entrou na agenda de Luiz e ele trouxe três mil brinquedos.

 


Ataque no Centro de Lages

 

“Mãe! Corre que o carro tá vindo”. Foi o que disse o filho de Vera Morais, de 46 anos, uma das atingidas pelo Sandero prata, que atropelou sete pessoas nos calçadões Túlio Fiúza de Carvalho e Praça João Costa. Vera conta que se não fosse seu filho alertar, teriam sido atingidos. Ela se jogou junto a criança, e machucou o braço. Assustada, nem sabia dizer ao certo o que estava acontecendo. O atropelamento ocorreu por volta das 14 horas da tarde de sexta-feira (1°) e deixou duas pessoas gravemente feridas. Janaína Antunes Correia, 33 anos, foi uma das mais machucadas.

 


Lages já vive o clima de Natal

 

O Papai Noel abriu oficialmente, ontem, o Natal Felicidade. Este ano, o palco do evento foi implantado no Parque Jonas Ramos, o Tanque, onde até o dia 23 deste mês, serão realizados vários shows e apresentações artísticas. A abertura estava programada para sexta-feira (1º), mas devido ao incidente nos calçadões, a prefeitura decidiu adiar.

 


Duas escolas de Lages com ensino integral

 

Duas das 44 unidades escolares pertencentes a 26ª Gerência Regional de Educação (Gered), na Serra Catarinense, foram escolhidas para acolher o Programa de Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (Emiti). As escolas estaduais Visconde de Cairu, no Bairro Vila Nova; e Flordoardo Cabral, no Copacabana, em Lages, estarão inseridas nesse programa. E, em cada uma, há uma turma formada e vagas para outras que forem necessárias. As matrículas seguem até o dia 11 de dezembro.


Faltas em consultas preocupa saúde

 

Susana Correia Goulart, 10, foi diagnosticada, há cerca de um ano com diabetes. Como parte do tratamento, precisa consultar regularmente, além do pediatra, médicos urologistas e endocrinologistas. Ana Paula Goulart, mãe da paciente, revela que foram quatro meses de espera para conseguir uma consulta com urologista. A pré-adolescente faz parte da longa lista de lageanos a espera pelo atendimento médico. Em Lages, a fila de espera por consultas especializadas já passa de 8 mil pessoas.

 


Cesta básica e bicicleta de Natal

 

Ao ver o carro do Correio Lageano, a pequena Ane Vitória, de 10 anos, abriu um largo sorriso. Seus olhos brilhavam, vibravam de alegria. O sentimento, com certeza, era de esperança. Afinal, ela escreveu uma carta com seus sonhos para o Natal. Ao menos, nesta época do ano, as pessoas estão mais solidárias e mais dispostas a realizarem os desejos de quem mais precisa. A menina depositou suas esperanças na Árvore dos Desejos, instalada na praça da Catedral, no Centro de Lages. A iniciativa é uma promoção da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Lages, que incentiva a população a adotar histórias de pessoas que vão em busca de um sonho.

 


Chega ao fim, a história do Aristiliano

 

“Onze anos da minha história foram ao chão”. Este é apenas um dos relatos de ex-alunos e pessoas que estudaram ou fizeram parte do Colégio Aristiliano Ramos, no Centro de Lages. O processo demorou, mas a demolição começou e muita gente ficou descontente com a decisão.

 


Dona Vera e sua alegria

 

Os cabelos brancos e os 83 anos não impedem Vera Bertelli de fazer o que gosta, muito pelo contrário, os anos de vida lhe deram experiência para viver com alegria e muita descontração.

Prova de tudo isso é sua disposição para fazer enfeites e decorar a árvore que fica na rótula principal do Bairro Morro do Posto, em Lages. Vera e uma de suas três filhas recortaram laços, pássaros, anjos e começaram a decoração da árvore. Os vizinhos e quem passava pela rua também ajudaram.

 


Espetáculo “Janelas Encantadas” contagia o público

 

Centenas de pessoas prestigiaram o espetáculo de Natal em Lages, no Colégio Rosa, no Centro da cidade. Batizada de “Janelas Encantadas”, a apresentação prendeu a atenção e emocionou o público, que interagiu com as apresentações. Teve projeção de sombras com alunos de teatro do Serviço Social do Comércio (Sesc), com a participação de alunos do coral da Associação Lageana de Assistência aos Menores (Alam), cuja sede fica no Bairro Caravágio. A apresentação retratou a trajetória dos Reis Magos, pastores e José e Maria em direção a Belém, onde nasceu Jesus Cristo.

 


Começam as oitivas da “CPI da Infelicidade”

 

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instaurada na Câmara de Vereadores de Lages para apurar supostas irregularidades no Natal Felicidade, começou a ouvir testemunhas no Legislativo. Batizada de “CPI da Infelicidade”, a CPI apura suposto sumiço de materiais de decoração natalina do Natal de 2016. Os objetos teriam desaparecido do barracão, que fica na Avenida Marechal Floriano, e foi alugado pela prefeitura.


Hospital quer ser referência em cardiologia

 

Antônio Carlos Alves, 51 anos, tem de volta o ritmo normal dos seus batimentos cardíacos. Internado na UTI do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres (HNSP), ele precisava com urgência de uma cirurgia que não é feita em Lages ou melhor, não era realizada, até ele ser escolhido para ser o primeiro paciente a passar por cirurgia de uma troca de válvula aórtica. O procedimento foi feito no Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, com uma equipe chefiada pelo doutor Djalma Luiz Faraco, especialista da área, que veio de Joinville exclusivamente para realizar a cirurgia.

 


Corpo de Bombeiros realiza sonho de garota de 12 anos

 

o Corpo de Bombeiros de Lages teve a missão de resgatar um sonho e realizar o desejo da determinada Luana, de 12 anos. Pouco depois das 20 horas, as sirenes tocaram na rua da Castanha, no Bairro Caroba, em Lages. As pessoas saíram de suas casas para ver o que estava acontecendo. Elas mal sabiam que era o pedido de Luana se concretizava.


“Cápsula do tempo” é encontrada no Aristiliano Ramos

 

As obras de demolição do antigo Colégio Aristiliano Ramos, no Centro de Lages, apresentaram no fim da tarde desta quarta-feira, dia 20, o que pode ser um registro histórico de uma das cidades mais antigas de Santa Catarina. Há alguns dias, quando os trabalhos já haviam sido iniciados, a Prefeitura recebeu a informação de uma possível caixa enterrada com mensagens escritas durante a construção do prédio, na década de 30.

Madrugada é quando há mais furtos

 

1/11 – A madrugada é o principal período escolhido pelos assaltantes para a prática de furtos. Prova disso é a ação na loja AB Bike Fitness, que fica na Avenida Presidente Vargas, no Bairro Coral, em Lages, no início da madrugada de 31 do mês anterior. Trinta segundos foram suficientes para que três homens entrassem na loja e levassem três bicicletas. O furto aconteceu às 00h38. Eles estavam com bala-clava, um deles usou uma espécie de alicate e quebrou a porta de vidro. Eles fugiram nas bicicletas roubadas.


Abertura dos Jasc emociona no Jones Minosso

 

4 e 5/11 – Lages, até o dia 11 de novembro, foi o palco de competições para mais de 4,5 mil atletas, de 24 modalidades, que participam da 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), que foram abertos oficialmente na noite de sexta-feira, no Ginásio Jones Minosso, em uma cerimônia repleta de apresentações. O cerimonial começou com uma apresentação que envolveu todos os CTGs da cidade, depois, estudantes fizeram uma dança com bandeiras brancas e, em seguida, entraram as delegações. Na sequência, o público assistiu a um vídeo mostrando como a chama da tocha chegou ao local e a ex-jogadora de futebol, Andreia dos Santos (Maykon), emocionada, acendeu a pira olímpica.

 


Empoderamento no Futebol feminino

 

6/11 – Elas brigam bem mais do que por um gol. Correm e disputam um espaço valorizado e reconhecido no esporte, principalmente o futebol. “Já me falaram que o meu lugar era na cozinha lavando louça ou então passando roupa, mas não… o lugar de mulher é onde ela quer”, essa é a frase da jogadora responsável por três gols no futebol feminino, durante os Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Luana Rodrigues, de 19 anos. A jovem já sofreu preconceito, mas nas últimas partidas provou que a mulher pode sim estar no futebol e fez com que muitos homens a aplaudissem de pé.

 


Mais de oito milhões na economia de Lages

 

7/11 – Com a chegada dos 57º Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Lages pode ter um movimento equivalente entre R$ 8 milhões e R$ 10 milhões na economia. Uma injeção econômica que resulta da participação ativa das mais de 90 delegações instaladas no município. Comércio, bares, restaurantes e hotelaria são os caminhos por onde esse montante irá chegar.

 


Uma medalha de prata que vale ouro

 

8/11 – Na prova de ciclismo, a atleta Ana Luíza Panini, 25 anos, de Blumenau, caiu durante a prova e, mesmo sentindo dor, ela se levantou e, com dificuldades, concluiu a prova, faturando a medalha de prata. Esta emocionante história de superação no esporte aconteceu na localidade de Pedras Brancas, durante a prova de marathon, de 57 km. A 15 quilômetros da chegada, o pneu da bike de Ana travou e ela caiu, machucando as pernas e a cabeça, mas não desistiu.

 


Lages conquista dois ouros na piscina

 

9/11 – A natação dos Jogos Abertos, em Lages, começou de forma positiva para a cidade anfitriã do evento. Os atletas caíram nas piscinas do Clube Caça e Tiro e travaram disputas acirradas. Foram 10 provas no primeiro dia de natação, e Lages ganhou duas medalhas de ouro, com os atletas Bruno Arruda Leite e Júlio Scolaro Júnior.

 


Punhobol: Eles se doaram por Lages

 

10/11 – Os representantes gaúchos de Novo Hamburgo, que jogaram por Lages o punhobol, nos Jasc, conseguiram valentemente avançar à semifinal. Lages x São Bento e Blumenau x Floripa foram so classificados.

 


Lages derrota por 5 a 1 sua maior rival no futsal

 

11 e 12/11 – Sedentos pela revanche, tanto o time quanto o público, mais uma vez assistiram a um show de bola em quadra e, por fim, respiraram aliviados com a vitória de Lages e, consequentemente, das Leoas da Serra. O placar desse embate foi 5 a 1. Uma vitória mais do que merecida aliada a uma revanche mais do que esperada. Uma semifinal com cara de final que, praticamente, se caracteriza como o último jogo do futsal feminino dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) 2017.

 


Bronze foi surpresa para o Mestre de Xadrez

 

13/11 – Integrante da equipe de xadrez que disputou os Jasc por Lages, o mestre na modalidade, Marco Cordeiro, 46 anos, não esperava levar o bronze.Ocupado dando aulas de xadrez e focado em formar novos enxadristas, não teve muito tempo para treinar para os Jasc. “Nossa prioridade é fortalecer as categorias de base”, frisa. Porém, seu conhecimento no esporte, fez ele vencer os adversários.

 


Associação quer transformar bairro Guarujá em distrito

 

15/11 – No dicionário, a palavra distrito é definida como municípios menores, um território subordinado à prefeitura. Para o presidente da Associação de Moradores do Bairro Guarujá, em Lages, Luis Carlos Alves Borges, distrito significa conseguir mais verbas para o bairro e seus loteamentos e investir

diretamente na região. Porém, para os moradores o assunto ainda é uma incógnita, pois há burburinhos falando em mudança do bairro para município ou distrito.

 


Barreiras e patrulhamento noturno para inibir criminalidade no interior

 

17/11 – Parceria inédita em Santa Catarina entre as Polícias Militar e Militar Ambiental, além da Patrulha Rural, quer aproximação com o meio rural para garantir mais segurança aos moradores do interior. Para isso, 33 policiais das corporações, inclusive da ambiental de Curitibanos, realizaram a primeira operação em dois pontos: na antiga BR-2 e no Paiquerê (Coxilha Rica). Recentemente, houve registro de roubo de gado no interior de Capão Alto. Em apenas uma das ocorrências, foram levadas 43 cabeças, dessas, três foram recuperadas e a Polícia Civil ainda investiga o caso.

 


Consciência negra

 

20/11 – Zumbi dos Palmares, líder quilombola conhecido nacionalmente, morreu num 20 de novembro, há mais de 300 anos. Símbolo da luta dos negros no Brasil, que nesta data, celebram o Dia da Consciência Negra. Porém, usar as palavras “celebram” ou “comemoram” é estranho, quando nos referimos a um grupo de pessoas que, até hoje, sofre os efeitos da escravidão, da exclusão e da violência, tudo isso por causa da sua etnia e a cor da pele. A data é mais uma forma de ressaltar a importância da cultura dos afrodescendentes, relembrar sua história e destacar a importância de respeitar e lembrar da luta do movimento negro. Precisamos falar disso.

 


Asfalto vai melhorar a vida da comunidade e da Serra Catarinense

 

23/11 – Seu Sérgio Ardori dos Santos, de 77 anos, está animado. As comunidades da Coxilha Rica vivem um ritmo diferente e, em breve, deve aumentar o número de veículos que passam ali. Ele mora na Vigia, uma das primeiras localidades, e está ansioso pela chegada do asfalto. Hoje, bem pertinho da casa do aposentado, no salão da Igreja de Vigia, o governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, assinará a Ordem de Serviço das obras de pavimentação de 27,7 quilômetros da SC-390

 


Conectar pessoas é tema do Prêmio Empreendedor

 

24/11 – Com a rapidez na troca de informações, as pessoas estão cada vez mais conectadas à internet, porém, na maioria das vezes, esquecem de criar conexões e relações entre si. Pensando nisso, o 19º Prêmio Empreendedor José Paschoal Baggio será apresentado de uma forma diferente. O modelo de auditório foi deixado de lado para que os convidados pudessem fortalecer e começar redes de negócios e, até, compartilhar ideias.

 


Fogo destrói empresa e bombeiros salvam casas, em Ponte Alta

 

30/11 – Da BR-116 era possível ver uma fumaça densa e escura vinda do Bairro Vila Nova, em Ponte Alta. Quanto mais perto do barracão da empresa Corona Indústria e Comércio de Chocolate, mais era difícil respirar sem se sentir mal com o cheiro forte de fumaça e com o calor intenso que vinha das chamas. Quando o fogo começou, por volta das 14 horas, houve uma gritaria e os 49 funcionários saíram correndo, uns pelas duas portas da frente e outros por uma porta dos fundos. Só que alguns estavam em um ambiente que não tinha como sair pelas portas e para conseguirem fugir, o Corpo de Bombeiros precisou quebrar a parede.

 

Outubro Rosa: A mudança da vida após o diagnóstico

1/10 – Com o diagnóstico de câncer em mãos, a primeira coisa que a vendedora autônoma, Marisley Wolff, fez foi visitar a igreja para agradecer. Após semanas de espera para um resultado de uma biópsia, Maris, como é conhecida, cansou de esperar e foi sozinha até o laboratório buscar o resultado que mudaria sua vida para sempre. Esse exemplo de superação faz parte da série de reportagens, preparada pelo Correio Lageano sobre a doença que acomete milhares de mulheres em suas mais diferentes particularidades. Essa também é a nossa forma de homenagear essas guerreiras no Outubro Rosa, campanha nacional de prevenção contra a doença.

 


Moradores estão sem energia elétrica há 10 dias

4/10 – Quando as roupas sujas da família começam a acumular, a dona de casa Adriana Oliveira desce o Morro do Querosene, no Bairro Pró-Morar, em Lages, em direção à casa da mãe, no Bairro Bela Vista, para lavá-las. Na sua casa, a máquina de lavar, em perfeito estado, fica desligada na sala e não pode ser usada. Há cerca de 10 dias, a energia elétrica para as 40 famílias moradoras da região foi cortada.

 

 


Mãos e corações que ajudam moradores de Lages

7 e 8/10 – Às 8h30 de um sábado chuvoso e frio, homens e mulheres que acordam cedo já estão na cozinha preparando sopa para famílias do Bairro Santa Clara, em Lages. Entre descascar batatas e descongelar frangos, risadas gostosas de se ouvir, e histórias boas para se contar. Todo sábado é assim. Eles se reúnem para fazer o dia das pessoas mais alegre e saboroso.

 

 


Todos os olhos voltados para a Serra

9/10 – Os 40 pilotos que participaram da terceira edição do Red Bull Trike Strike na Serra do Rio do Rastro precisaram de muita habilidade e coragem. Situada na montanha entre as cidades de Lauro Müller e Bom Jardim da Serra, o cartão-postal da Serra Catarinense é cheio de curvas desafiadoras.

 



5 meses e nada foi resolvido na SC-114

11/10 – Inaugurado no fim de março deste ano, o trecho de 55 quilômetros da SC-114 entre Painel e São Joaquim apresentou fissura no asfalto já na primeira quinzena de maio. O problema surgiu no Km 293, a cerca de oito quilômetros do Centro de São Joaquim e media cinco centímetros de largura, tomando 23 metros da pista.

 

 


Raio atinge residência no Bairro Santa Rita e causa estragos

12 e 13/10 – Um raio atingiu uma residência na Rua Adolfo Corso, no Bairro Santa Rita, em Lages, na Serra, na tarde desta quarta-feira (11). A descarga elétrica danificou duas paredes da casa e queimou aparelhos eletrônicos. Uma pessoa estava no imóvel, mas ninguém se feriu. O telhado de uma residência vizinha também ficou danificado.

 

 


Obras na SC-114 movimentam a economia

14 e 15/10 – Quando uma obra começa, pessoas de outras regiões chegam com ela. Seja da empreiteira que executará a construção ou então com vendedores no trânsito. Dessa forma, a economia das cidades em que a obra passará, é movimentada. A obra da SC-114, entre Lages, Palmeira e Otacílio Costa é um destes trabalhos que faz o dinheiro circular na região. Em Palmeira, por exemplo, os comerciantes comemoram a chegada da revitalização da rodovia próximo à cidade.

 



O troco pode vir nos Jogos Abertos

16/10 – Tanto no esporte como na vida, a derrota, às vezes, é inevitável. Mas o revés das Leoas diante da Female, na final do estadual de futsal, foi dolorido. O que seria o primeiro título regional do time lageano, terminou em frustração. Elas lutaram, lutaram, mas quis o destino que ficassem apenas com o vice-campeonato, um feito muito importante, aliás.

 



Família continua esperando por cirurgia

18/10 – No mês anterior, a adolescente Manoela de Souza Tomaz teve uma crise de insuficiência respiratória que deixou a família preocupada. Agendaram uma consulta com um pneumologista. Ele atestou que a jovem corre risco de morte, caso, com urgência, não passe por uma cirurgia para a correção da escoliose. Há mais de cinco anos, a família lageana espera o agendamento do procedimento.

 

 


Falta de água gera abaixo-assinado e ampliações

19/10 – Zoraide Francisca Alves gosta de receber as visitas aos domingo com um gostoso almoço e uma casa cheirosa e limpinha, mas essa satisfação, ultimamente, não está dependendo só dela. É que no Bairro Bela Vista, onde mora em São José do Cerrito, segundo ela,  a falta de água aos fins de semana tem ditado a rotina da dona de casa. “Lavar louças, puxar a descarga e tomar banho não são mais tarefas tão simples, e a falta da água está acontecendo com mais frequência. Como vou oferecer almoço decente para as visitas? Tenho que fazer algo mais fácil para não amontoar a pia de louças”, explica.

 

 


78 anos contribuindo com a comunidade serrana

21 e 22/10 – “Nós não existíamos”, comenta Ana Paula Correia Dias, de 29 anos, sobre a realidade da comunidade Morro do Querosene, antes de ser publicada no Correio Lageano, matéria sobre o corte de luz que os moradores sofreram, em função de não terem instalação elétrica. Assim como Ana Paula, milhares de
outras pessoas já passaram por essas páginas, contando suas histórias, pedindo melhorias e revelando problemas e, neste caso, deixando de ser invisível para a população.

 


Emerson busca recorde brasileiro no arremesso de peso

25/10 – O lageano Emerson dos Santos Lopes (Avalanche), de 23 anos, quer buscar o recorde no arremesso de peso no Circuito Loterias Caixa de Atletismo, que acontece no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, capital, neste fim de semana. Para isso, vem treinando forte para superar o recorde brasileiro da modalidade, que é de 11,97 metros.

 

 


Corte em recursos prejudicará 20 mil famílias de Lages

28 e 29/10 – Para 2018, Governo Federal pretende cortar 98,05% do orçamento previsto para o setor. Depois de passar oito meses conversando pelo Facebook com o lageano Emerson Dias Gonçalves, a paulista Regina Rodrigues Antunes de Camargo decidiu largar sua vida em São Paulo e viajar mais de 700 quilômetros para conhecer, pessoalmente, seu novo companheiro em Lages. O que a história de Regina tem a ver com o corte de gastos para o Sistema Único de Assistência Social (Suas)? O romance dos dois teve continuidade graças ao trabalho dos profissionais do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Bairro Popular.

 



Leão Baio é resgatado e encaminhado à reserva ecológica

30/10 – Um leão baio, uma espécie ameaçada de extinção, foi encontrado na casa da família de Daiane Bloteski Pereira, na Rua Vergílio Ramos, no bairro Morro do Posto, em Lages. Também conhecido como puma concolor, suçuarana ou onça-parda, o felino foi avistado em um canil ao lado da casa.

 

 


Torcedor lageano é espancado em Florianópolis

31/10 – O torcedor lageano do Grêmio e cônsul do time na região, Hemerson Costa Fuck, 26 anos, foi agredido ao sair do estádio da Ressacada na noite do dia 29, em Florianópolis, após partida entre o Avaí e o Grêmio. Hemerson foi espancado por quatro homens e precisou ser encaminhado a emergência.


                                   

Prédio da antiga Casan ainda não pertence ao Governo do Estado

1/9 – Os moradores do entorno do prédio onde funcionava a Companhia de Águas e Saneamento (Casan), no Bairro São Cristóvão, em Lages, sentem-se inseguros devido à situação de abandono em que se encontra o local. O imóvel abrigava a sede Casan em Lages e a Associação de Funcionários do órgão. Após a desativação, há mais de 10 anos, não foi mais utilizado. No começo, a intenção era de que o prédio abrigasse as sedes da Agência de Desenvolvimento Regional e Gerências de Saúde e Educação. Também foi cogitado que o espaço passasse a abrigar o Ceja, o Sine e a PGE. Atualmente, não se sabe para o que será utilizado o terreno, que pertence à Casan e deve ser repassado para o Governo do Estado.


Leoas da Serra: Dias de luta, mas muitos dias de glória

2 e 3/9 – Quem diria, que o que começou lá em 2013, chegaria ao patamar de hoje, com uma vitória de 5 a 1 sobre o Iranduba, em Manaus. Nem a própria associação que rege o time imaginava que essa equipe chegaria a uma final de uma Copa do Brasil de Futsal Feminino. Mas é assim mesmo, uma história de vitória não é somente feita de glórias, mas também de lutas e disso as Leoas da Serra entendem. O Correio Lageano acompanhou de perto essa vitória, ao viajar junto as Leoas para Manaus numa cobertura especial.



Feriadão traz uma boa expectativa de ocupação para a rede hoteleira da Serra

5/9 – O feriado era só no dia 7, mas a rede hoteleira de muitas cidades da Serra Catarinense já se preparavam para receber os turistas que buscam tranquilidade, paisagens bonitas e a gastronomia típica da região. Muitos hotéis e pousadas estavam com boa parte dos leitos reservados, e as casas de temporada também tem tiveram uma boa procura..



Exportação de maçã para Índia eleva a expectativa de venda a partir da próxima safra

7 e 8/9 – O Brasil já exportava maçãs para a Índia, mas dependia de autorização do país para colocar brometo de metila no destino, porque essa substância prejudica o meio ambiente e atrapalhava as vendas para o exterior. A partir de agora, para o controle de pragas, as empresas exportadoras podem realizar o tratamento a frio em pré-embarque e em trânsito, por 40 dias, nos carregamentos de maçãs oriundas do Brasil e não mais utilizar o brometo de metila.


 


60 anos de monumento em homenagem ao político e lageano Nereu Ramos

9 e 10/9 – Mesmo que imponente e bastante significativa, a estátua do lageano Nereu Ramos muitas vezes passa despercebida pelos pedestres do Calçadão da Praça João Costa. No dia 3 foi celebrado o aniversário de 60 anos do monumento, que foi erguido em frente ao antigo Colégio Aristiliano Ramos, em 1957.

 


Leoas conquistam título histórico

11/9 – O clima era de otimismo. Cerca de duas horas antes de a bola rolar, torcedores já lotavam o ginásio à espera do título histórico das Leoas da Serra. A conquista era questão de tempo. Também pudera, após o 5 a 1 no jogo da ida, bastava um empate para a equipe de Lages levantar a taça de campeão da primeira edição da Copa do Brasil de Futsal Feminino. Mas elas fizeram mais do que isso.



Suspeita é que queda tenha sido proposital

11/9 – Conhecida pelas belas paisagens, a Cascata do Avencal, em Urubici, na Serra, foi palco de uma tragédia familiar neste fim de semana. Um pai e dois filhos, de 2 e 4 anos de idade, morreram após o carro em que estavam cair em queda livre de uma altura de, aproximadamente, 100 metros. A Polícia Civil investiga o caso. A suspeita é que o homem tenha jogado o carro no penhasco de propósito.

 

 


Municípios da Serra Catarinense têm redução da população, diz IBGE

12/9 – Quase a metade dos 18 municípios da Serra Catarinense apresentaram redução populacional. Correia Pinto, São José do Cerrito, Rio Rufino, Anita Garibaldi, Campo Belo do Sul, Cerro Negro, Capão Alto e Ponte Alta tiveram decréscimo do número de moradores.



A história de Lages e da Serra ao alcance de todos

15/9 – “Às 17 horas do dia 14 de setembro de 2017, grande público e autoridades da Serra Catarinense e do Estado de Santa Catarina se reuniram no Grupo Escolar Vidal Ramos – o popular Colégio Rosa – para celebrar a novidade deste jornal diário: A história de quase três décadas de informação sobre Lages e a região serrana. Todos se amontoaram em frente a uma grande tela, na qual puderam presenciar o que outrora estava no papel.”



Haitianos têm inclusão social por meio de aulas de português, em Lages

18/9 – Olhos atentos e curiosos olham tudo o que é escrito no quadro. Silêncio total, até que a professora pede para repetir palavras em português. Eles repetem, escrevem tudo o que é passado na lousa e prestam atenção a cada detalhe ensinado. A oportunidade de aprender português de graça é para eles, a chance de conseguir um bom trabalho, mudar de vida, enviar dinheiro para a família que ficou no Haiti e também a esperança de um dia voltar para sua terra natal.



Revolução Farroupilha também faz parte da história lageana

20/9 – Há 182 anos, começava no Rio Grande do Sul a Revolução Farroupilha, o conflito separatista mais duradouro do Brasil. Lages teve papel importante no movimento, já que em 1836, um ano após o início dos confrontos, passou a fazer parte da República Rio-Grandense e lageanos chegaram a lutar em conflitos importantes para a revolução.

 


Escolas receberam cartão escolar municipal para custeio de despesas

22/9 – Gestores das escolas e centros de educação infantil municipal de Lages receberam, no começo do mês, o cartão escolar municipal, para custeio de pequenas despesas nas unidades escolares. O cartão corporativo foi criado por meio de decreto do prefeito Antonio Ceron, com objetivo de atender às emergências das escolas. Os valores dos cartões variam de R$ 160 a R$ 800, mas podem mudar no próximo ano.



Famílias sobrevivem, em média, com R$ 174

23 e 24/9 – A casa de tijolos com chapiscos, no fim de uma rua sem saída, no Bairro Habitação, em Lages, é moradia da família de Rosângela Aparecida da Luz, de 43 anos. Além dela, vivem na casa mais três filhos de 16, 12 e seis anos.  Em um período do dia, as crianças estudam e no outro frequentam o Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Nestas horas, Rosângela procura por emprego. Ela é diarista, e nem sempre consegue casas para trabalhar. Para sobreviver a única renda fixa da família é o Bolsa Família. É com R$ 290,00 que eles fazem às compras de alimentos e itens de higiene. mA história de Rosângela é apenas uma entre tantas famílias de Lages que recebem o Bolsa Família. O valor médio do benefício é de R$ 174,57 por família.

 


A difícil missão de trafegar pela SC-114

25/9 – Os motoristas que trafegam pela SC-114, entre Lages e Otacílio Costa, na Serra Catarinense, precisam ter paciência e redobrar a atenção. O trecho encontra-se em obras e a sinalização em alguns pontos apresenta falhas. Por este motivo, aumenta o risco de acidentes. O maior perigo é à noite, quando diminui muito a visibilidade.


Grave acidente deixa quatro feridos e envolve sete carros

29/9 – Sete veículos e nove pessoas, sendo quatro feridas, envolveram-se em um acidente de trânsito, no cruzamento da Rua Fausta Rath com a Avenida Dom Pedro II, no Bairro São Cristóvão, em Lages. Segundo informações de pessoas no local apenas um carro teria provocado o engarrafamento, um Cruze, que estaria em alta velocidade.

Construção de rede de esgoto marca reinício das obras

1/8 – Depois de meses paralisadas, as obras de saneamento básico do Complexo Ponte Grande, em Lages, serão retomadas. Com investimentos de cerca de R$ 13 milhões, os serviços têm prazo de um ano para serem concluídos pela empresa STC Engenharia. As obras ficaram paradas por questões de readequação do projeto.


Caminhoneiros fazem manifestação nas rodovias do País

2/8 – Caminhoneiros protestaram em vários pontos das rodovias federais do País. Em Santa Catarina, o protesto ocorreu em vários trechos. O ato fez parte da mobilização nacional da categoria contra aumento do preço dos combustíveis, provocado pelo reajuste do PIS/Cofins.


ESPECIAL: Um pedaço do Japão em solo catarinense

5 e 6/8 – O Correio Lageano publicou em agosto uma reportagem especial, junto a um webdocumentário, produzidos pela jornalista Camila Paes, sobre a colônia japonesa em Frei Rogério. A história da fundação da colônia e também dos sobreviventes das bombas atômicas mostra a aliança das famílias japonesas para recomeçarem suas vidas em solo catarinense.


Encontro de carros atrai milhares

7/8 – O 5º Encontro de Veículos Antigos e Clássicos de Lages reuniu expositores do Paraná, Rio Grande do Sul e até de São Paulo, e também atraiu um bom público até o Parque de Exposições Conta Dinheiro, nesse fim de semana. Somente no sábado, o local recebeu cerca de 20 mil pessoas e, no domingo, a expectativa era superar este número. Os visitantes puderam observar 600 relíquias motorizadas, além de conhecer um mercado de peças antigas de veículos e assistir a atrações musicais.


Viagem a cavalo de Chapecó ao Litoral

8/8 – Desde o último dia 27 de julho, os amigos Auri Casalli, João Sebastião Batista e Getúlio Lopes estão na estrada para uma viagem até Florianópolis, onde irão prestar homenagem ao centenário de Chapecó, de onde estão vindo. Seria um passeio comum, caso fosse percorrido de carro. Contudo, esses chapecoenses estão a cavalo e atravessando Santa Catarina para fazer jus à história da cidade, que também surgiu do tropeirismo.


Trabalhador cai de máquina e morre

11/8 – Luizandro dos Santos Duarte, de 35 anos, morreu próximo ao meio-dia do dia 10. Depois de manobrar a máquina na Rua Bendito Alves, ele desceu, teria tido um mal súbito, caído da motoniveladora, e o rodado traseiro passou por cima de parte do seu corpo. Ele havia sido contratado na prefeitura há cerca de quatro meses por meio de processo seletivo.


Projeto busca a interação entre as crianças e a comunidade

15 e 16/8 – Muitas das crianças abrigadas nas unidades do Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes de Lages, sentem a necessidade de um ombro amigo, alguém que possa aconselhá-las e ajudá-las a criar boas lembranças. Com este intuito, o órgão lança o projeto Acalento, que reúne pessoas interessados em participar da vida dos acolhidos de forma afetiva ou prestar serviços para as crianças.


Continua o cenário de lixo na antiga BR-2

17/8 – Para chegar a Coxilha Rica é possível ir por meio da antiga BR-2, localizada no Acesso Sul de Lages. A possibilidade de vislumbrar lindas paisagens desta região histórica é uma das expectativas de muitos turistas. Contudo, até chegar lá, as pessoas podem se assustar com a quantidade de lixo na beira da estrada nos primeiros 5 quilômetros do caminho. São, pelo menos, cerca de 20 focos de descarte ilegal.


Banho de Energia irá abranger 800 famílias da Serra

18/8 – A segunda edição do programa Banho de Energia foi lançada pelas Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc). O projeto, desta vez, irá beneficiar 800 famílias, na Serra Catarinense, que utilizam o fogão à lenha em suas casas.


ESPECIAL: Longevidade – O segredo de quem vive bem na melhor idade

19 e 20/8 – Quem vê Adão Antunes dos Santos se alongando, caminhando na esteira ou levantando halteres fica admirado com sua flexibilidade e força de vontade em fazer os exercícios. Mais incrível ainda, é saber que toda essa disposição está distribuída em seus 80 anos. Ele e milhões de pessoas na terceira idade fazem parte de um seleto grupo que escolheu viver ainda mais, superando até dados do IBGE, que apontam a longevidade do brasileiro em 75,5 anos.


Ex-prefeito descobre tumor no cérebro após sofrer acidente

21/8 – Denilson Padilha, 44, quer voltar a andar de bicicleta. Principiante no ciclismo, o ex-prefeito de Otacílio Costa, de 2009 a 2012, agradece por ter começado a praticar o esporte, pois uma queda de bicicleta o ajudou no diagnóstico de um tumor benigno no cérebro.


Casal quer incentivar vida mais saudável

25/8 – Comer alface teve outro sentido para o casal Marlene Oliveira Machado, 74 anos, e Alaor Daniel Machado, 76 anos, depois que os dois preferiram plantar em frente de casa ao invés de ir ao supermercado comprar a salada.


Morador de Ponte Alta cria máquina que produz energia

28/8 – O mecânico Luiz Carlos Maximiano, de 63 anos, criou uma máquina que pode revolucionar a produção de energia elétrica no País. Preocupado com o meio ambiente e pensando em contribuir para a adoção de fontes renováveis, ele construiu uma plataforma para gerar eletricidade de forma alternativa. O projeto está prestes a ser lançado.


Um cão, seu dono e uma história de amor e amizade

29/8 – Peteleco é um cão que nutre uma forte gratidão por quem cuida dele. Faça chuva ou sol, todos os dias ele acompanha sua dona, a auxiliar de dentista Fernanda da Silva, de 27 anos, no trabalho dela. O vira-lata passa o dia inteiro dentro de uma sala, em frente ao local de trabalho de Fernanda, para não ficar longe dela.


Correios suspende entrega de correspondências, por causa dos animais de rua

31/8 – Ruas de bairros mais afastados de Lages têm registrado uma grande quantidade de animais abandonados. Essa situação não preocupa somente especialistas em saúde animal, mas também moradores que precisam conviver com esse problema diariamente. Na página do Correio Lageano na internet, muitas pessoas reclamam do abandono e da quantidade de animais que, às vezes, se torna um problema para quem precisa passar pelos locais.

Serra Catarina Festival de Inverno é aberto oficialmente

2/7 – O som dos violinos marcou a abertura do Serra Catarina Festival de Inverno, no fim da tarde de sexta-feira, no Centro Cultural Vidal Ramos Júnior – Sesc. O evento surgiu no ano passado para atrair turistas, e, neste ano, se fortaleceu, incluindo atrações em São Joaquim e Urubici. Em Urupema e Bom Jardim da Serra houve visitação aos pontos turísticos.


Bombeiros alertam para os cuidados necessários para evitar incêndios

3/7 – Um levantamento realizado pela Divisão de Perícias do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina comparou as causas de incêndios residenciais entre as estações do ano. Para se ter uma ideia, no outono e no inverno, do total de edificações periciadas no Estado, os incêndios provocados por falhas em lareiras, fogões à lenha ou aquecedores aumentam 50% em comparação às estações mais quentes do ano (primavera e verão).


Avaliação da Festa do Pinhão é, acima de tudo, positiva

5/7 – A Prefeitura de Lages apresentou o balanço da 29ª Festa Nacional do Pinhão no intens que competem ao município. Ao todo, foram R$ 830 mil em despesas, cabendo à prefeitura investir R$ 57.716,56. O restante será absorvido por patrocínios e convênios. Contudo, uma pendência na prestação de contas da festa de 2013, pode fazer com que a prefeitura tenha de arcar com quase R$ 430 mil, além de pagar esse saldo pendente da época.


Mutirão deverá realizar 430 procedimentos na Serra

6/7 – A Serra Catarinense está recebendo, do Governo do Estado, recursos para realizar um mutirão de cirurgias eletivas entre julho e setembro deste ano. Ao todo, na região, 430 procedimentos estão autorizados, sendo que, em Lages, 236 serão realizados. O valor total a ser repassado, não foi informado pela Regional de Saúde.


Teste contra deslizamentos na Serra do Rio do Rastro

7/7 – Uma estrada com imensos paredões e rochas ao redor da pista. Assim é a Serra do Rio do Rastro, na SC-390, considerada o maior cartão-postal da Serra Catarinense. Pensando nisso que técnicos do Governo do Estado estão buscando alternativas para minimizar ou evitar essa ameaça. Uma das saídas encontradas foi a aplicação de impermeabilizante nas encostas, um produto químico de origem orgânica que não polui o meio ambiente.


Adrenalina e confraternização sobre duas rodas

10/7 – Quem chegava perto do Parque de Exposições Conta Dinheiro, na sexta-feira (07) e neste fim de semana, ouvia o ronco forte de motos, que marcaram a 21ª edição do Motoneve. Nas avenidas da cidade também era possível notar um aumento no número de motocicletas.


Criançada solta a voz no canto coral

12/7 – Já se pode ouvir o coro das primeiras notas emitidas pelo 5º Festival Internacional Música na Serra. Ele ecoa pelos corredores da Fundação Cultural de Lages em alto e bom tom, e para todos ouvirem, por meio da docilidade das crianças da rede pública de ensino. São mais de 30 alunos, de manhã e à tarde, de escolas municipais, que participam da oficina de Canto Coral, atividade integrante do festival. Sob a tutela da regente de coro e professora Regina Kinjo, os pequenos soltam o gogó e não medem esforços para serem destaque no evento.


Calor antecede neve na Serra Catarinense

14/7 – No começo na tarde desta quinta-feira (13), os termômetros digitais no Centro de Lages marcavam 25 ºC. O sol estava forte e muitas pessoas optaram por sair de casa usando roupas mais leves que o normal para uma tarde de inverno. Muitos estranham as temperaturas elevadas, como é o caso dos amigos Gilmar Souza e Claito Juatan Souza, que saíram cedo de São Joaquim com blusas de lã e, quando chegaram a Lages, precisaram tirá-las.


Fenômeno é registrado em várias cidades da região

18/7 – A tão esperada neve deu seus primeiros sinais na tarde do dia 17 em Lages, Painel, Capão Alto, Campo Belo do Sul e em São Joaquim. Os turistas e serranos que tanto aguardavam pelo fenômeno puderam fazer fotos e brincar com os flocos.


Outro lado do frio: Forças-tarefas são montadas para atender população

19 – A onda de frio extremo que chegou à Serra Catarinense mobilizou dezenas de pessoas no atendimento aos mais carentes. Em alguns municípios, forças-tarefas foram montadas para abrigar moradores de rua, oferecer alimentação e doação de roupas, cobertores e até lenha.


Avenida Carahá ganha passagem elevada

20/7 – Visando oferecer mais segurança aos pedestres, a Prefeitura de Lages construiu uma passagem elevada na Avenida Belisário Ramos (Carahá), próximo à sinaleira com a Avenida Dom Pedro II, no Bairro Vila Nova. O local já foi palco de inúmeros atropelamentos, inclusive, com mortes.


Orquestra Sinfônica encerra quinta edição do Festival Internacional Música na Serra

22 e 23/7 – Depois de sete dias de música, estudos, ensaio, correria, chegou o tão esperado momento para conferir a Orquestra Sinfônica do 5º Festival Internacional Música na Serra. Pela primeira vez no evento, a orquestra representa o crescimento e a consolidação do festival nestes cinco anos.


Médicos podem parar de atender

25/7 – Os cem médicos que atendem na emergência do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, em Lages, decidem se continuam trabalhando. Eles alegam que estão há três meses recebendo apenas 68% dos salários.


Aumento começa a refletir na mesa do consumidor

29 e 30/7 – Produtos como batata, tomate e limão tiveram aumento de preço devido ao custo do frete. Por ser uma fonte de energia fundamental para agricultura, a pecuária e a indústria, que são os setores do Produto Interno Bruto, o efeito do combustível reflete em outros setores.


Prefeitura que privatizar aeroporto

31/7 – A Prefeitura de Lages, na Serra, lançou edital para privatizar a administração do Aeroporto Federal Antônio Correia Pinto de Macedo. A abertura das apostas ocorreu no dia 23 de agosto.

Famílias perdem todos os seus pertences

6/6 – Depois de três dias sem chuva, a Serra Catarinense foi castigada novamente no dia 4 de junho, um domingo. Após essa data, foram diversos dias de enchente, deslizamento e milhares de pessoas afetadas na região. A situação era crítica. Roupas, lençóis, toalhas, colchões e eletrodomésticos foram tomados pela água. As famílias não sabiam por onde começar e nem mesmo se podiam, pois a previsão era de mais chuva para os dias seguintes.


Ilhados não sairão de casa

7/6 – “É Deus que não deixa a gente sair de casa. A água nunca chegou aqui”, este é o relato do casal Donzilia Aparecida Machado dos Santos, de 63 anos, e Elso Linhares dos Santos, de 65 anos, moradores há mais de 43 anos do Bairro Caravágio, em Lages. Donzilia diz com entusiasmo que criou todos os filhos na casa, mesmo com as enchentes, porém, a água nunca entrou em sua casa. Chega no máximo nas escadas. Durante estes dias, estão sobrevivendo com o que tinham dentro da casa e tomando banho de água fria, já que a energia elétrica foi cortada até o nível do Rio Ponte Grande baixar.


Lama e lixo se acumulam nas ruas e residências dos atingidos por alagamentos

8/6 – Com a trégua da chuva, na terça-feira, as famílias que foram atingidas pelos alagamentos em Lages, começaram na manhã de ontem, a organizar suas residências. O acúmulo de lixo na porta de muitas casas mostra que a situação foi grave. Muitos são objetos que ficaram destruídos e inutilizados, já que a água danificou muitos móveis, roupas e colchões. Porém, a água trouxe muitos objetos que foram jogados nas ruas e rios e com o aumento do nível das águas acabaram dentro de muitas casas.


Recomeço: Famílias voltam para casa, mesmo tendo perdido tudo

9/6 – Romilda Teles de Matos, 54 anos, seus filhos, netos e marido tiveram que sair de suas casas no Bairro Cruz de Malta, em Lages, porque a enchente de domingo atingiu seus pertences. Todos se abrigaram em um vizinho e ontem puderam voltar para casa, pois o nível do Rio Caveiras baixou. “Minha filha vinha lavar roupa na minha casa, pois eu tinha uma centrífuga, agora não tenho nada, nem roupa.”


Neve, uma hora de emoção e euforia, em São Joaquim

10 e 11/6 – A previsão se confirmou. Nevou na sexta-feira (9) em São Joaquim, na Serra Catarinense. O fenômeno durou cerca de uma hora, mas foi o suficiente para chamar a atenção dos turistas. Alguns ficaram eufóricos e encantados com o fenômeno. A neve começou por volta das 13 horas, com intensidade fraca, quando os termômetros marcavam 2°C.


Sapecada da Canção Nativa: 25 anos de arte e história

12/6 – O ano de 2017 é muito especial para a Sapecada da Canção Nativa. Isso porque, o festival que faz parte da programação oficial da Festa Nacional do Pinhão, completa 25 edições de existência. Para comemorar esse momento especial para a música nativista, a Fundação Cultural de Lages prepara uma surpresa para o último dia de evento deste ano. Fontes não oficiais afirmam que uma música especial foi criada para homenagear o festival.


Visita dos ministros tem como objetivo agilizar ajuda aos municípios serranos

13/6 – Um sobrevoo que pode mudar a situação das regiões afetadas pela chuva, nos últimos dias. O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, e o governador Raimundo Colombo, estiveram em Lages, para verificar, in loco, qual a situação da Serra Catarinense e da região do Alto Vale, após duas semanas de enchente. Além de analisar os estragos causados pela chuva, Barbalho destaca que a visita é importante para que as ações, feitas conjuntamente à Defesa Civil Nacional, sejam agilizadas.


Lageanos apostam na comercialização de alimentos

14/6 – Ao viajar, o turista vai a um restaurante com o objetivo de saciar a fome. Neste momento, tem a oportunidade de saborear alimentos típicos de onde se encontra e também conhecer um pouco da cultura desse local através de sua gastronomia. Na Festa Nacional do Pinhão, em Lages, tudo isso é possível com os diferentes pratos à base de pinhão e em variados pontos de comercialização. O entrevero, a paçoca, o hambúrguer e o cachorro quente são as iguarias mais comuns.


Vandalismo em mais de 50 jazigos no Cruz de Almas, em Lages

16/6 – Cruzes, pedras antigas como arenito, pedaços de mármore e de vidro espalhados pelo chão do Cemitério Cruz das Almas, que fica no Bairro Santa Rita, em Lages, chocou quem esteve no local ontem. Foram cerca de 50 jazigos destruídos. Porém, o mais afetado foi o dos Irmãos Canozzi, tido como milagreiros por boa parte da população. Algumas sepulturas também foram quebradas, inclusive, em uma, dava para ver o caixão.


Excursões são opção para quem quer se divertir com segurança

17 e 18/6 – Uma fila de vans e ônibus se estende em frente ao Parque de Exposições Conta Dinheiro, durante a Festa Nacional do Pinhão em Lages. De acordo com um levantamento prévio da Secretaria de Turismo, durante a edição deste ano, são esperadas de 300 a 400 excursões.


Festa encerra com avaliação positiva

19/6 – Clima agradável, hotéis e restaurantes lotados com turistas e um fluxo maior de clientes no Comércio de Lages. Assim pode-se resumir a 29ª edição da Festa Nacional do Pinhão, que terminou ontem. A produtora do evento não divulgará o número total de público, mas quem foi ao Parque de Exposições, principalmente a partir da quarta-feira, pôde perceber que a quantidade de pessoas que circulou não só na festa, como na cidade, foi grande.


Queda de 53% no número de mortes durante o feriadão

20/6 – Durante os cinco dias da Operação Corpus Christi, realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que abrangeu as rodovias federais de Santa Catarina, foram registrados 143 acidentes, 19% menos do que o mesmo período do ano passado. Os números da polícia informam que 150 pessoas se feriram nestes acidentes e sete morreram.


São Joaquim: Revitalização moderniza a cidade

22/6 – A imagem de uma cidade com ruas feias e esburacadas é passado. Conhecido pelo frio e pelas belezas naturais, São Joaquim, que recebe cerca de 100 mil turistas por ano, mudou de cara com as obras de revitalização de nove ruas do Centro do município. Além de embelezar e melhorar a infraestrutura da cidade, a construção do boulevard (Calçadão), que faz parte do pacote de obras, segue tendência mundial de priorizar as pessoas, ao invés de carros nos centros urbanos. Além disso, a transformação pode ajudar a atrair novos investimentos, alavancando a economia local.


1ª Laçada da Festa do Pinhão entra para ficar na programação

26/6 – Ao ser incluído na Festa Nacional do Pinhão, o rodeio resgatou a programação campeira após 11 anos fora do calendário. A 1ª Laçada da Festa do Pinhão foi realizada somente neste domingo pois tinha previsão de acontecer durante o evento, mas a Chácara Bom Jesus local das disputas, no bairro Caça e Tiro, ficou inundada pelas enchentes.


O silêncio de uma triste despedida de Dom Oneres Marchiori

30/6 – O silêncio ecoava pelas ruas do Centro e, quiçá, de Lages. A cidade estava de luto. Um sentimento de perda imperava e se refletia em lágrimas, mãos unidas em preces e cabeças baixas nas pessoas que se reuniram para a missa campal de ação de graças pela vida e ministério do bispo emérito Dom Oneres Marchiori, que faleceu na última terça (27). Uma homenagem realizada na Igreja Catedral marcada por lembranças e mensagens de despedida ao bispo que, por muito tempo, colaborou com a Diocese do município.

Incêndio deixa 11 pessoas sem residência

2/5 – Sentada em uma cadeira azul em frente à sua casa, com as mãos sujas de cinzas, dona Osvalina Borges Correia, 76 anos, descreve como se deu conta de que a residência, na Rua Ameixa Cambará, no Bairro Caroba, em Lages, estava sendo incendiada. Além dela, moravam no local, de seis cômodos, mais 10 pessoas. Seus filhos, netos e bisnetos. O principal pedido da simpática idosa era comida.


Museu Malinverni será restaurado

3/5 – Dois projetos, um de revitalização do museu e outro de restauração de algumas obras, foram feitos e devem receber aporte do Governo do Estado (compromisso do próprio governador Raimundo Colombo) e do Ministério da Cultura, por meio da Lei Rouanet. O objetivo é realizar uma reforma na estrutura física do prédio, como pinturas externa e interna do prédio, além de acessibilidade.


Maria-fumaça faz passeios em Lages

4/5 – Os passeios não foram especiais apenas para os lageanos. Foram marcantes também para a locomotiva articulada a vapor Mallet, a simpática Maria-Fumaça, vinda de Rio Negrinho, que fez o seu primeiro passeio histórico, turístico e cultural com passageiros depois de estar 15 anos parada. A Maria é de 1950, foi fabricada nos Estados Unidos e trazida ao Brasil com a proposta de transportar carvão mineral. Foi a única temporada de passeios do ano em Lages.


Inaugurado bloco de engenharia da Uniplac. Investimento de R$ 12,5 milhões

5/5 – Com a construção do bloco de Engenharia, a universidade passou a ter 136 salas e capacidade para atender 15 mil alunos. O bloco abriga as salas das engenharias Civil, Elétrica, Mecânica e de Produção, ainda, Arquitetura e Design de Interiores. “Um investimento que amplia as atividades relacionadas à pesquisa e à extensão”, salientou o reitor Luiz Carlos Pfleger.


Cursos técnicos são cada vez mais procurados

6 e 7/5 – Lages oferece mais de 30 opções, sendo que a grande maioria são gratuitas. Diversidade de alunos é grande. São perfis varias os dos alunos, também. Tem quem procura o curso para completar o estudo na graduação e outros para entrar no mercado de trabalho.


Carros esportivos descem a Serra do Rio do Rastro

8/5 – Se não são muitos os brasileiros com dinheiro para comprar carros raros, há centenas que se contentam em chegar perto, tocar, filmar e registrar cada detalhe. 45 superpotentes desfilaram na Serra do Rio do Rastro, em Bom Jardim da Serra.


Passe para etapa nacional

10/5 – Paratletas da Associação Esportiva e Paradesportiva de Lages (Asespp)/FME Mill Serras se garantiram nas três etapas nacionais do Circuito Loterias Caixa de Atletismo. Seis paradesportistas, sob o comando de Augusto dos Anjos, competiram na etapa regional Rio/Sul no Rio de Janeiro. Eles trouxeram 11 medalhas de ouro da competição, quatro de prata e três recordes brasileiros.


Lageanos demonstram solidariedade

15/5 – A campanha do agasalho “Aqueça Seu Irmão” da Fundação Carlos Joffre teve seu dia D no Calçadão da Praça João Costa, onde foi centrada a coleta de agasalhos e cobertas, das 8 às 17 horas. Essa campanha foi iniciada em 1950. No ano passado foram arrecadadas mais de 27 mil peças.

 


Quase mil vagas foram criadas

18/5 – Pesquisa do Caged mostra crescimento no número de empregos em Caged. Saldo é bom, se comparado ao mesmo período do ano passado. Somente em Lages, no primeiro quadrimestre de 2017, de modo geral foram geradas 948 vagas, com destaque para os setores da Indústria de Transformação e Serviços.


Inter estreia com vitória na Série D

22/5 – Jogando com um time recheado de jovens, o Colorado fez uma boa atuação e deu esperança à torcida, após uma irregular campanha no Estadual. Eles venceram o Foz do Iguaçu por 1 a 0.


Torneio de futsal une estudantes de escolas municipais

24/5 – Com torcida presente e bem colorida, o diferencial da edição, a competição ficou atraente. A gritaria é constante e às vezes soa estridente no Ivo Silveira. A cada gol, uma festa tanto em quadra como na arquibancada. Foram três dias de competições, com 44 partidas de 10 minutos cada tempo. 15 equipes masculinas e 9 femininas, totalizando entre torcida e jogadores 1.200 pessoas.


Primeiros dias de chuva

222 pessoas afetadas pela água

29/5 – O fim de semana foi de fortes e chuvas e alagamentos em toda cidade. Diversos pontos foram atingidos pela água. Pessoas ficaram desalojadas. Além disso, houve destelhamentos em alguns locais.

Depois de 78,8 milímetros de chuva acumulada, em 72 horas, os resultados foram diversas ocorrências em quase 30 bairros de Lages, entre o dia 26 e 29 de maio. Os próximos dias não tiveram grandes mudanças e mais pessoas foram atingidas pela chuva, chegando a níveis de enchente.

Enchente faz suas primeiras vítimas

30/5 – Nos bairros Habitação e Caça e Tiro, em Lages, a situação é mais preocupante e moradores estão desabrigados. Quem escuta as risadas de dona Helena Margarete Silva de Oliveira, 56, não imagina a difícil situação que vivenciou. A casa em que mora com filho, no Bairro Habitação, em Lages, foi coberta pela água do Rio Carahá, que transbordou com a chuva do fim de semana e que continuou por dias.

Os móveis foram erguidos ainda na madrugada do dia 29, mas com a notícia que o nível do rio ainda podia aumentar, precisou retirá-los e levar a casa de parentes.

500 pessoas afetadas pela chuva em 31 bairros

31/5 – Após cinco dias de intensas chuvas, Lages ficou em estado de alerta em todos os aspectos seja sob o risco de deslizamentos, que persiste, ou por causa das enchentes. Enquanto isso, as pessoas tentam resolver os problemas causados pelo tempo, por conta própria. Alguns foram para os parentes, outros tiveram de ir para os abrigos, enquanto a maioria continuou em casa, mesmo a água cercando suas residências.

Dona Edir Terezinha de Souza, de 52 anos, ficou ilhada desde que as águas do Rio Carahá subiram, na noite do dia 27, em decorrência da chuva que acomete Lages e já acumulou 131 milímetros entre domingo e terça-feira. Por causa da água acumulada em frente a sua casa, a aposentada não pode sair para buscar um alimento especial que precisa consumir devido a problemas de estômago, assim como, também, alguns remédios para tratá-los.

Na próxima edição, você acompanha os outros dias de chuva que acometeram Lages por dias e atingiram centenas de pessoas.

Paranaense, que mora em Lages, faz sucesso nas redes sociais

1 e 2/4 – Creide não é de Lages, nem do Paraná, nem deste mundo, ela faz parte do universo de Dayani Lima, 34 anos. A paranaense que fez sucesso esta semana ao postar um vídeo no Facebook que já alcançou 30 milhões de visualizações. Além dos internautas, a cantora Claudia Leitte também compartilhou o vídeo em sua rede social.


Eleição suplementar municipal é inédita na história política da Serra Catarinense

3/4 – A população de Bom Jardim da Serra, na Serra, conheceu o novo prefeito do município, numa eleição atípica. Serginho Rodrigues (PTB) foi eleito com 1.613 votos (50,85%), uma diferença de 59 votos em comparação ao seu adversário, Pedro Ostetto (PSD), que recebeu 1.559 (49,15%). A eleição teve 21 votos em branco, 30 nulos e 416 abstenções.


Preço não desanima consumidor

4/4 – Apesar do aumento no preço dos ovos de Páscoa, em média de 5% em relação ao ano passado, a expectativa é positiva entre os supermercadistas e também pela pequena Tainara Rosa, 7 anos, que espera ganhar um ovo de chocolate.


Índices diminuem, mas trabalho de prevenção continua

5/4 – No período de um ano, mais de 46 mil crianças deixaram de trabalhar em Santa Catarina, segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD). Mesmo que seja um número significativo, a quantidade de jovens em condições precárias e insalubres ainda é grande e preocupante.


Criminosos arrombam cofre em estabelecimento comercial

6/4 – O proprietário da S.O.S. Papéis e Embalagem, Sebastião Sadi Waltrick, de 61 anos, se assustou ao chegar na empresa e ver as gavetas reviradas, papéis e documentos jogados pelo chão, e o cofre arrombado. Em 24 anos, este é o primeiro furto no local. Segundo relato de Sadi, como é conhecido, os criminosos teriam entrado pela porta dos fundos. “Eles devem ter usado um pé-de-cabra para arrombar a porta”, imagina Sadi, ao mostrar a fechadura estragada.


Preço da gasolina em Lages varia até 36 centavos

7/4 – O preço da gasolina Lages tem diferença de até R$ 0,36 centavos por litro em postos da cidade. É o que aponta o último levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP). A pesquisa foi feita entre 26 de março a 1 de abril. Os valores mínimo, máximo e médio do produto na bomba foram de, respectivamente, R$ 3,53 e R$ 3,89 e R$ 3,67. Mas, diferentemente do que aponta a ANP, o CL constatou que há postos que estão vendendo a R$ 3,49. Em comparação a outros municípios do Estado, o preço da gasolina em Lages está na faixa intermediária.


Família perde casa em incêndio no Bairro Santa Mônica

11/4 – Adriane Borges de Liz, 44 anos, pediu ajuda para a vizinha Maria Zilma Mota, 64 anos, para fazer um emplasto para o pé de seu neto que estava machucado. Maria olhou para o lado e viu o fogo. Adriane não acreditou e correu para ver o que estava acontecendo. A pequena casa que tinha construído para morar provisoriamente com o marido e o filho estava tomada pelas chamas. Os vizinhos tentaram apagar o fogo com mangueiras e baldes, mas não conseguiram o suficiente para evitar que fosse queimada por inteira. Quando o Corpo de Bombeiro chegou, com três caminhões, a casa já estava queimada, os socorristas cortaram a energia e fizeram o rescaldo para garantir que as brasas estivessem realmente apagadas.


Investigação contra Colombo depende do STJ

13/4 – O governador Raimundo Colombo (PSD) aparece na lista dos políticos citados nas delações dos ex-executivos da Odebrecht. A relação com os nomes foi divulgada pelo ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF). O fato dele estar na lista não significa que cometeu irregularidades. Caberá ao Superior Tribunal de Justiça definir se há indícios e optar por investigar ou arquivar o processo.


Desafio pode levar adolescentes ao suicídio

18/4 – Lages teve casos de tentativa de suicídio por causa do jogo. Vítima de 15 anos ficou internada. Mães, pais ou responsáveis, já olharam o celular dos adolescentes que moram com vocês? Perceberam alguma mudança no comportamento deles? O alerta é de uma mãe de um adolescente de Lages, de 15 anos, que tentou se matar por duas vezes, depois de participar de um “jogo” no WhatsApp. O desafio da Baleia Azul, incentiva os integrantes a se cortarem, fingirem doenças e, por fim, o suicídio.


Estudantes e pedestres usam rua como se fosse calçada no Bairro São Francisco

19/4 – Quatro vezes ao dia, Otávio Sebastião da Silva percorre a pé a Rua Heitor Villa-Lobos, no Bairro São Francisco, em Lages, para chegar ao trabalho. O problema é que a via não tem calçadas, nem mesmo acostamento, e quem passa por ali, divide espaço com veículos, motos e bicicletas. O local é próximo ao Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e também o Órion Parque Tecnológico, e diversos estudantes passam por ali. Construção das calçadas deveria ter ocorrido há cerca de 10 anos.


Projeto leva brincadeira às crianças de creches de Lages

21, 22 e 23/4 – Em parceria com o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, o Instituto José Paschoal Baggio (IJPB) criou o projeto “Oficinas Criança Brinca”, contemplando dois Centros de Educação Infantil Municipal (Ceims) de Lages: Sepé Tiarajú, no Bairro Passo Fundo, e Nelson Martins, no Novo Milênio. O projeto é financiado com recursos do Fundo da Infância e da Adolescência (FIA). O público-alvo são 168 crianças carentes de 1 a 6 anos de idade, dos dois Ceims. As oficinas são mensais e aconteceram até o mês de setembro.


Inter de Lages vence e espanta o “fantasma” da degola

24/4 – Após uma semana conturbada, onde “rolou” até caso de polícia, finalmente o Internacional de Lages respira aliviado. A vitória por 2 a 0 diante do Avaí, na tarde deste domingo (23), no Tio Vida, pela última rodada do returno do Campeonato Catarinense, representou a permanência do clube na elite do futebol catarinense.


Protesto em Lages reúne cerca de mil manifestantes

29 e 30/4 – Contra as Reformas Trabalhistas e Previdenciária, e com cantos que entoavam discursos contra o governo do presidente Michel Temer, cerca de mil manifestantes (número divulgado pelos organizadores) se reuniram em Lages, no fim da tarde de sexta-feira. Eles se concentraram na Praça João Costa e desceram em caminhada pela Rua Nereu Ramos até o Terminal Urbano. Quando chegaram lá, os ônibus circulares tiveram de fazer o contorno por dentro do terminal e sair pela entrada, já que a saída foi bloqueada.

Quatro mil quilos de lixo retirados do Rio Carahá

6/3 – Prova de que as pessoas ainda não estão conscientizadas de que lugar de lixo é no lixo é o resultado da Ação da Celesc que, em parceria com a Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, a Udesc, Diretran, Corpo de Bombeiros e Secretaria Municipal da Saúde, retirou mais de quatro mil quilos de lixo do rio, na manhã de sábado. Foram usados dois caminhões para o transporte dos entulhos recolhidos. Sacolas plásticas, garrafas, eletrônicos, resto de móveis e até um vaso sanitário foram descartados no rio.


Feminismo está há 100 anos nas ruas

8/3 – Quando as primeiras ativistas feministas começaram a militar pelos direitos das mulheres, há mais de 100 anos, não podiam imaginar que começariam um movimento envolvendo pessoas de todas as partes do mundo. Em Lages, o feminismo colhe seus frutos e reúne mulheres em ações que ajudam umas as outras. Jô Antunes explica que, nos últimos anos, o movimento vem se organizando através, sobretudo de coletivos, como por exemplo: O Machismo Mata e Rolê da Minas. Neste contexto de organização há o Gênero, Educação e Educação na América Latina (Gecal) da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac).


Taxistas ainda aguardam pela regulamentação da atividade

10/3 – A regulamentação dos taxistas, em Lages, continua sem resolução. Depois do projeto de lei ter sido aprovado ano passado, a categoria luta para que os profissionais há mais tempo na área não tenham que participar de licitação para prestar o serviço no município. Segundo os próprios taxistas, há anos tentam regulamentar o trabalho deles, mas nunca sai do papel.


Usina não indeniza famílias

11 e 12/3 – Há quase um ano a Usina Hidrelétrica São Roque teve suas obras paralisadas. A empresa Desenvix, do grupo Engevix S/A diz que o motivo é “o não aporte de capital por parte de um dos acionistas da São Roque Energética”. Além disso, mais de 50% dos proprietários rurais aguardam as indenizações pelas desapropriações.


Faltam medicamentos básicos

14/3 – Prateleiras quase vazias. Esta é a realidade da farmácia Básica da Prefeitura de Lages. Faltam remédios que, geralmente, são de uso contínuo. A Secretaria de Saúde explicou que isso acontece pela falta de licitação para a compra, desde novembro do ano passado.Remédios básicos, para dores musculares, de cabeça, diabetes, colesterol e pressão alta não são encontrados.


Acidente fatal interrompe sonho de jovem que pretendia ser juíza

15/3 – Scharlize Vicente tinha muitos sonhos e planos para realizar. Com 18 anos, ela queria estudar Direito e ser juíza. Na noite de segunda-feira teria começado a colocar sua meta profissional em prática. Ela saiu de Bom Retiro em direção a Lages, com o namorado Hudierres Vinicio Brito, com o objetivo de se matricular no curso, nara a Unifacvest, já que havia conseguido uma vaga pelo Prouni. Porém, um cavalo na pista da BR-282, na Localidade de Índios, bateu contra o veículo Golf, que o rapaz dirigia e causou a morte precoce da jovem, que morava em Bom Retiro com o pai e a irmã de dois anos. Ele sofreu ferimentos leves.


Família percorre a cidade atrás de um atestado de óbito de criança

16/3 – Em carro da prefeitura, a mãe Bianca Couto, sua família e vizinhos da bebê passaram por diversos órgãos públicos à procura de profissional que atestasse o óbito da pequena Maria Valentina Couto. Tanto a Unidade Básica de Saúde, quanto o Hospital Infantil Seara do Bem, Instituto Geral de Perícias e Pronto Atendimento se negaram a examinar a criança. Esta situação não aconteceria se Lages contasse com o Serviço de Verificação de Óbito.


Vinhos e vinhedos

18 e 19/3 – Durante três dias, o Correio Lageano publicou uma série de três reportagens sobre a cultura dos Vinhos e Vinhedos, presentes em São Joaquim. Para conhecer a fundo esse mundo, durante dois dias a reportagem visitou algumas vinícolas e conheceu o processo e história dessa economia. Em menos de 20 anos, os empreendedores conseguiram índices de produtividade e qualidade obtidos somente em séculos por outros países. Prêmios nacionais e internacionais referendam esse potencial. A notoriedade dos vinhos produzidos na Serra Catarinense contribui também para o enoturismo, o turismo do vinho. Com cerca de 1,4 milhão de garrafas o setor fatura R$ 150 milhões a cada safra, sem contar o movimento em hotéis, bares, restaurantes e comércio em geral. O potencial deste setor também pode ser conferido a cada Vindima, festa que celebra a colheita da uva. Neste ano, a expectativa é atrair 55 mil pessoas.


Consumo de carne não cai

21/3 – A maioria dos clientes não se mostra preocupada com as denúncias da operação Carne Fraca. Alguns até faziam piada, à época, sem demonstrar desconfiança na procedência dos produtos. O resultado dessa operação foi o enfraquecimento nas exportações. A Polícia Federal deflagrou a operação em função do esquema criminoso que “maquiava” carnes vencidas.


Obras da SC-114 são entregues

25 e 26/3 – Em março, o Governo do Estado entregou a comunidade as obras da rodovia SC-114. Antes da revitalização, rodovia apresentava vários problemas estruturais, que prejudicavam a segurança e o trânsito.


Soldadora não encontra emprego

27/3 – Há dois anos, Anita Aparecida de Almeida trabalha como soldadora, atividade que faz parte do setor da indústria mecânica, onde a participação feminina cresceu 37,3% no Brasil, segundo pesquisa. Contudo, em Lages, mesmo com os anúncios de vaga e Anita entregando currículos, ninguém a chamava. Isso acontece porque algumas empresas definem o gênero do candidato.


Combate ao tráfico

28/3 – Águia 4, Pelotão de Patrulhamento Tático e policiais de moto se uniram contra o tráfico. Ao meio-dia de 28 de março, a equipe perseguiu suspeitos de tráfico entre os bairros Morro do Posto e Gralha Azul. Seis pessoas foram presas, sendo três liberados. Dos outros três, apenas um tinha envolvimento com o tráfico. Nomes não foram divulgados.


Concurso rainha e princesas da Festa do Pinhão

31/3 – Não bastava ser o concurso mais acirrado da história da Festa, com 57 inscrições, empates renderam fortes emoções às candidatas durante a escolha da rainha e princesas. Depois de atrasos e releituras de votos, desempate entre as candidatas, Katia Martins, Jessica Quinatto e Laura Koech são a realeza da 29ª Festa Nacional do Pinhão.

A angústia da família

4 e 5/2 – Em Correia Pinto, Maria Rodrigues lamenta a morte do filho, Leandro Coelho, uma das 32 vítimas de afogamentos, somente naquela temporada de verão.


Família perde quase tudo

6/2 – Incêndio no Bairro Ferrovia destruiu parte da casa e pertences de Bruna de Oliveira Mendes, que na época estava grávida de nove meses. A casa de madeira de 60 metros quadrados, somente não queimou inteira, porque os bombeiros agiram rápido.


Sem regras

9/2 – Correio Lageano denuncia que não há regras para a ocupação de espaços no Salto Caveiras em Lages. Sem fiscalização, imóveis são construídos de qualquer maneira e alguns despejam esgoto sanitário no alagado.


Aprovado em 11 universidades

11 e 12/2 – Vanderson Antunes, de Otacílio Costa, foi aprovado 12 vezes em 11 universidades para o Curso de Medicina. De origem humilde, ele trabalha desde os 13 anos como garçom. Como médico, ele pretende fazer um trabalho humanitário.

 


Polícia Civil desvenda assassinato

14/2 – Agnaldo da Silva Miranda e Gustavo Amarilla foi apontados como autores da morte de Pedro Nunes da Costa. O corpo foi encontrado em novembro de 2016, carbonizado em um prédio da Avenida Presidente Vargas.


Usina pode fechar

15/2 – Com o encerramento do contrato com a Celesc, Usina de Cogeração Lages ameaçava encerrar as atividades e suspender a geração de energia com a utilização de biomassa (serragem) produzida nas serrarias da Serra Catarinense.


Ciclista morre

20/2 – Luiz Eduardo Rodrigues Fernandes foi atropelado na Avenida Dom Pedro II em Lages e não resistiu aos ferimentos. Com o impacto contra um Honda Civic, ele foi arremessado para o outro lado da avenida.


Hospital retoma atendimento

21/2 – Hospital de Ponte Alta voltou a atender pacientes, depois que a prefeitura do município prometeu renovar o convênio financeiro, que foi cancelado em função do novo marco regulatório.


Metade da água potável é desperdiçada

22/2 – Levantamento da Semasa, aponta que 53% da água tratada em Lages é desperdiçada em vazamentos ou consumida em ligações clandestinas ou fraudulentas.


Safra de maçãs deve ser uma das melhores da história

23/2 – Produtores de maçãs de Urupema e São Joaquim estavam otimistas. A expectativa era  uma colheita de 552 mil toneladas da fruta e um movimento financeiro de R$ 550 milhões.


Aids mata

25 e 26/2 – A doença é considerada uma epidemia em Lages, onde 625 pacientes estavam em tratamento, 82 crianças, desde 2013 foram expostas ao vírus e 32 pessoas morreram em consequência da doença em 2016.


Duas mortes na BR-282

27/2 – Um homem de 46 anos e um menino de 6 perderam a vida em acidentes na BR-282 durante o feriado de carnaval. O primeiro acidente, que vitimou o homem, ocorreu na Localidade de Pessegueiros em Bocaina do Sul, envolvendo três veículos. O segundo  aconteceu em Rancho Queimado e teve como vítima a criança.


Inter recebia reforços

28/2 – O volante Luan e o zagueiro Leo Kanu foram apresentados como reforços do Internacional de Lages para disputar o segundo turno do Campeonato Catarinense. Mesmo com a participação dos atletas, a equipe não foi bem na competição.

Prefeitos assumem municípios

2/1 – A data foi marcada pela posse de prefeitos em todo o Brasil. Na Serra Catarinense, todos prometeram trabalhar para atrair investimentos para a região, melhorando a qualidade de vida da população. Em Lages, posse contou com a presença do governador Raimundo Colombo.

 


Famílias em situação de risco

5/1 – Sem condições financeiras, várias famílias residiam em condições de risco. A Prefeitura de Lages designou que fossem atendidas pela Secretaria de Habitação. Ao longo do ano, várias foram relocadas para condomínios habitacionais, mas o problema ainda preocupa.


A cura pela força da fé

7 e 8/1 – O conhecimento das benzedeiras são passados de geração em geração, mas estão ameaçados de extinção. Curar uma doença, conseguir um emprego ou passar em concurso são alguns dos desejos de pessoas que procuram benzedeiras. Com o passar do tempo, está cada vez mais difícil de encontrar quem realize essa atividade.


A diversidade da Serra

9/1 – O Correio Lageano inicia a publicação de uma série de reportagens para mostrar aos turistas a diversidade encontrada nos municípios da Serra Catarinense. O roteiro iniciou por Bom Retiro, o primeiro município serrano a partir do litoral catarinense. Os destaques foram o turismo religioso e as vinícolas.


Lusiana procura pais biológicos

11/1 – Lageana diz que foi adotada ilegalmente, quando tinha meses de idade, e foi levada para Israel. Ela divulgou vídeo na internet, onde afirma que procura os pais biológicos. Ela ainda mantém um par de brincos, que usava quando saiu do Brasil.


Embriaguez ao volante lidera prisões

16/1 – Segundo a Polícia Civil, 45% das prisões em flagrante realizadas em 2016 foram por dirigir embriagados. Apesar do rigor da Lei, 832 prisões foram registradas no período. Os crimes de violência doméstica aparecem na sequência, com 16% das ocorrências. Na esfera administrativa foram 1.292 processos.


Pequeno mestre morre no hospital

18/1 – Famoso por seus antecedentes criminais, Alex Oliveira Correia, conhecido por pequeno mestre, 41 anos, levou um tiro na costela e os suspeitos são chamados Smeagol e Gibi. Eles estavam foragidos. A vítima já havia sido presa 12 vezes.


Motim no presídio de Lages

20/1 – Presos em Lages, ateiam fogo em colchões e 10 internos acabam feridos. O motim teria sido motivado por desavenças internas por causa de drogas e reclamações causadas pela superlotação da unidade. 265 estavam na unidade, que tem capacidade para 80.


Servidores da Educação são demitidos

24/1 – Cozinheiros, auxiliares de cozinha e serviços gerais, contratados pelos Conselhos de Pais e Professores (CPPs) das escolas municipais de Lages foram demitidos. As CPPs recebiam os recursos do município para pagar os funcionários, modalidade de convênio que venceu em 2016 e não foi renovado para 2017. Demitidos protestaram.


Trotes preocupam PM

25/1 – Das 255 mil ligações recebidas pela Polícia Militar de Lages em 2016, 21.109 eram falsas. Além de configurar crime, os trotes prejudicam o atendimento à população. Enquanto atendem a uma ligação falsa, os policiais podem deixar de socorrer uma vítima de um crime.


Inter e Chape fazem jogo histórico

30/1 – Após a tragédia que vitimou grande parte da equipe em 2016, a Chapecoense faz a primeira partida oficial contra o Internacional de Lages. O jogo é o primeiro pelo Campeonato Catarinense de Futebol e é precedido por homenagens. No placar, o Verdão do Oeste venceu os Colorados por 2 a 1.


Água suja no Salto Caveiras

31/1 – Biólogo alerta que a presença de aguapés é prova que água é contaminada com esgoto e o consumo de peixes ou banho no local podem causar doenças. Mesmo assim não havia placa indicando os riscos.

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©