Conecte-se a nós

Notícias

Rede de Vizinhos intensifica visitas preventivas a estabelecimentos comerciais

Published

em

O sargento Filho orienta que a placa indicativa deve estar sempre em local visível - Foto: Patrícia Vieira

Desde que foi lançado em Lages, o programa Rede de Vizinhos, da Polícia Militar de Santa Catarina, tem apresentado resultados positivos. Em 2017, a Rede, entre outras ações da polícia, auxiliaram na redução em 30% dos furtos e roubos se comparados aos dados de 2016, segundo o coordenador do programa, tenente Cristóvão.

Para ingressar no sistema, os comerciante podem agendar uma visita da polícia via mensagem pelo (49) 91058620 ou participar das reuniões mensais que são realizadas no 6º Batalhão da Polícia Militar, na Rua Mato Grosso, Bairro São Cristóvão, em Lages.

A Rede está presente em pelo menos 50 dos 80 bairros da cidade. O programa consiste em visitas preventivas a estabelecimentos comerciais, onde a Polícia Militar dá dicas de segurança ou troca informações de pessoas suspeitas etc. Ainda durante as visitas, a estrutura de segurança do estabelecimento é avaliada.

O policial registra os dados num smarthphone e automaticamente o comerciante recebe, em tempo real, no seu e-mail, um laudo de segurança que aponta o que pode ser melhorado na estrutura e, às vezes, as soluções são simples e baratas, podendo evitam furtos ou roubos.

O sargento Filho explica que as dicas de segurança são repassadas tanto nas reuniões que ocorrem no 6º BPM, quando ingressam os novos participantes como, por intermédio de grupos de Whatsapp.

O policial reforça que os integrantes dos grupos devem tomar cuidado com as postagens. “ No mínimo seguir as regras. Só postar informações relacionadas com a segurança pública, como furtos ou qualquer outro crime”.

As informações dos grupos também são monitoradas pela agência de inteligência da PM. O serviço funciona 24 horas por dia. O subgerente da loja Hering de Lages, Alexandre Ozório, conta que o programa contribui muito com a segurança do estabelecimento.

Ele lembra de um fato ocorrido há algum tempo, quando um suspeito foi identificado após postagem no grupo. “Assim que ele entrou na loja conseguimos identificá-lo, e tomar as providências necessárias.”

Cristóvão esclarece que a Rede não substitui o 190, mas trata-se de um canal comunitário de comunicação e uma maneira de os vizinhos se alertarem quando algo estranho acontecer na sua região. E que tem ajudado a polícia a encontrar e prender suspeitos.

A PM também iniciou visitas preventivas nas escolas. Em breve, começará visitas preventivas em residencias e o pós-crime.

Ingresso

O morador interessado em ingressar na rede tem de participar de reuniões mensais na sede do batalhão da PM de Lages. E o comerciante pode se cadastrar a partir de uma visita de policiais militares. O contato pode ser feito através do número (49) 91058620.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: