Notícias

Quatro suspeitos são presos em Lages

Published

em

Fotos: 6ºBPM/Divulgação

A Polícia Militar (PM) desmantelou um grupo por furto, receptação e posse irregular de arma de fogo, em Lages. Ao todo foram presos quatro homens. Sendo que um deles, é suspeito de furtar uma arma de fogo no destacamento da Polícia Militar na cidade de Cerro Negro, na Serra Catarinense, no domingo, dia 30 de junho.

O homem foi preso na noite de terça-feira (2) em uma residência no Bairro Guarujá. Junto com ele, os PMs detiveram outros dois criminosos por furto, receptação e posse irregular de arma de fogo.

Depois de identificar o suspeito do furto no destacamento, policiais do 6º Batalhão de Polícia Militar partiram em busca do criminoso. Com ele, foi encontrada uma espingarda calibre 36. Ao ser abordado, ele confirmou ser o autor do furto da pistola e afirmou que teria repassado a arma para outro homem, que, disse ter vendido a arma a outro sujeito. Ao ser contatado pelos militares, o homem reagiu agredindo os PMs com empurrões e desobedeceu as ordens.

Depois de contido e mais calmo, ele confirmou que teria algumas armas em sua residência. Disse ter comprado a pistola pelo valor de R$1,3 mil, e entregou para outro homem revender em Florianópolis. 

Ao ser indagado sobre o paradeiro do sujeito, revelou que morava no Bairro Cristal. Este ao ser encontrado pela PM, também reagiu com socos e chutes. Porém, ao perceber que o colega já estava preso, confessou ter pego a arma e enterrado em frente a sua residência.

No local apontado, os policiais localizaram dentro de um tubo de PVC enterrado, duas armas de fogo, sendo elas, uma Pistola ano 2013, pertencente a PMSC, juntamente com um carregador e 20 munições do mesmo calibre. Ainda, outra pistola calibre 380, dois carregadores e mais 28 munições do mesmo calibre.

Na ocorrência, o policiais apreenderam ainda uma carabina calibre 45, uma munição calibre 22, e uma arma calibre 38. Os quatro suspeitos que não tiveram a identidade divulgada foram levados à Central de Polícia Civil, onde foram lavrados os flagrantes.

Fonte: 6º Batalhão de Polícia Militar

clique para comentar

Deixe uma resposta