Conecte-se a nós

Notícias

Qualificação profissional muda a vida de jovens

Published

em

Samuel da Silva. Foto: Andressa Ramos

Há poucos meses, Samuel da Silva, não pensava que seria aluno destaque em um curso de marcenaria, muito menos, que teria a oportunidade de terminar o ensino fundamental com adolescentes da sua idade e ainda com três diplomas do Senai em mãos. Ele estudava no oitavo ano da Escola Municipal de Educação Básica Belizária Rodrigues, quando recebeu o convite para participar de uma reunião da Secretaria de Educação, que abriria novas portas em sua vida.

Depois do encontro se matriculou na Educação de Jovens e Adultos do Sesi, em convênio com a Prefeitura Municipal de Lages, para concluir essa etapa escolar. Neste processo, a secretaria buscou uma forma de incentivar e oportunizar a jovens, como Samuel, novas experiências e até oportunidades para ingressar no mercado de trabalho. O aluno está contente. Já no primeiro curso foi destaque, conseguiu fazer uma casa para cachorro, um porta temperos e uma tábua para cortar carnes, além de outros itens.

O diretor do Senai na Serra Catarinense, Telmo Altair Coelho, destaca que os cursos são uma forma de desenvolver as habilidades destes jovens, além disso, é uma possibilidade de serem autossustentáveis, pois podem empreender ou até ingressar no mercado de trabalho. “É um grande ganho para eles”.

Para o coordenador de educação técnica, Adilson Soares, é a oportunidade para muitos jovens, que antes estavam desacreditados e que agora perceberam que são capazes. Com as noções que recebem nos cursos, podem criar suas empresas e retornar ao fluxo para buscar uma vaga em alguma empresa.

Cada curso possui carga horária de 280 horas. Depois do curso de marcenaria, os alunos cursam, agora, montador e reparador de computadores, o último curso é o de eletricista de instalações prediais de baixa tensão.

O professor do curso de marcenaria, Marcos Domingues Lopes, comenta que conseguiu perceber o desenvolvimento dos alunos no tempo do curso, que, realmente, puderam desenvolver suas habilidades.

 

O projeto

O projeto Ponte Para o Amanhã é uma iniciativa da Secretaria da Educação, com parceria do Senai e Sesi de Lages. O diretor de ensino da secretaria, Carlos Eduardo Menegazzo Canani, ressalta que a intenção é dar oportunidade, incentivo, e, que, também, tenham perspectiva de iniciação profissional.

“Por estarem fora da idade-série, muitas vezes, eles se sentem deslocados do processo educacional e acabam se evadindo da escola. Nosso objetivo é que eles encontrem significado e se interessem por estar na escola. Por este motivo, o curso é condicionado pela frequência no Ensino de Jovens e Adultos (EJA)”, explica, comentando que muitos alunos demonstram um melhor rendimento e motivação nas aulas regulares do ensino fundamental, por acreditarem que podem chegar mais longe, com oportunidades reais de um futuro melhor”.

 

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: