Conecte-se a nós

Notícias

Promotores fazem balanço positivo dos 10 dias de festa

Published

em

Grupo gaúcho Tchê Garotos anima último dia de festa do Pinhão Foto: Bega Godóy

A 31ª Festa Nacional do Pinhão já tem data ser realizada. Será de 14 a 23 de junho de 2019. Os promotores Beto Ody, da Gaby Produções, e Prefeitura de Lages, através do prefeito Antonio Ceron, anunciaram a data na noite de ontem, antes do Show com o grupo gaúcha Tchê Garotos, que encerrou a programação deste ano.

Em seu discurso de encerramento, Beto Ody lembrou da importância da participação do público e do apoio da cidade durante os 10 dias de programação. Disse que a festa é pensada e trabalhada 360 dias e que a cada ano a tendência é melhorar. “Apesar dos problemas de força  maior e as dificuldades que passamos no últimos dias, em nenhum momento deixamos de fazer o nosso melhor. Nossa equipe foi incansável para tornar a festa uma diversão para os lageanos e para toda Santa Catarina. Tenho certeza que alcançamos o nosso objetivo. Obviamente, nossa expectativa era grande, mesmo prejudicados pelos fatos, temos a certeza que a festa, mais uma vez, será inesquecível e, quem sabe, ano que vem, o último de nossa gestão, não tenhamos mais enchentes e greves para podermos fazer um festa ainda melhor”, salientou o promotor.

O prefeito Ceron estava satisfeito com o carinho da cidade. Agradeceu ao povo de Lages que frequentou e participou do Recanto do Pinhão e foi ao Parque de Exposições. “Todos acolhem bem o turista e o balanço é extremamente positivo. Tivemos alguns momentos de intranquilidade por causa da paralisação nacional dos caminhoneiros, mas no final tudo deu certo e podemos encerrar a festa com sentimento de dever cunprido,” comentou. Também lembrou das possíveis parcerias com empresas que desejem promover a Festa do Pinhão nos próximos anos. Temos que ter tudo organizado. Ceron também comentou sobre eventos paralelos à festa, como a Laçada do Pinhão, Corrida, Cavalgada e outras ações. “Eventos que incrementam a festa e impulsionam a economia na cidade.”

Os três primeiros dias foram dedicados ao tradicionalismo. Com gineteadas, vaca parada, montarias infantis e invernadas artísticas atendendo a um desejo dos lageanos, que era retomar às origens de quando a festa foi pensada. Embalados por muitos shows, duplas sertanejas, bandas e grupos com carreiras consolidadas  nacionalmente.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: