Conecte-se a nós

Notícias

Prazo para regularizar título termina nesta quarta-feira (09)

Published

em

Fila era grande na manhã desta quarta-feira (09), em Lages - Foto: Camila Paes

A fila no cartório eleitoral de Lages estava grande na manhã desta quarta-feira (09), último dia para a regularização, transferência e realização de novos títulos de eleitores. Muitos deixaram para a última hora a confecção do documento, que será utilizado na próxima eleição presidencial, em outubro deste ano.

A moradora de Correia Pinto, Gerusa da Silva Coelho, estava em Lages na manhã desta quarta para transferir o seu documento, que está registrado em Otacílio Costa. Marlete Dias do Prado também enfrentou a fila do cartório eleitoral para transferir o título, que é de Blumenau. As duas revelam que só conseguiram folga do trabalho hoje e por isso, ficou para a última hora a regularização do documento. Com tempo frio e garoa fina, as duas chegaram na fila por volta das 10h e pelo o que observavam, a esperava ainda ia ser grande.

O Cartório Eleitoral, que fica na Avenida Belisário Ramos, ao lado do Fórum Nereu Ramos, estará com horário de funcionamento diferenciado nesta quarta-feira, das 09h às 18h, para atender a demanda. Para regularizar a situação, é preciso levar documento original de identificação com foto, comprovante de residência dos últimos três meses e título eleitoral, caso o eleitor já o tenha. Para a emissão do primeiro título, o documento original apresentado deve conter a nacionalidade. Homens entre 18 e 45 anos, devem apresentar também comprovante de quitação do serviço militar.

É possível conferir a situação eleitoral, o local de votação e acessar outros serviços do site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Neste ano também será possível a utilização do e-Título, aplicativo gratuito desenvolvido pela Justiça Eleitoral, que substitui o documento físico na hora de votar. O aplicativo apresenta informações sobre o cadastramento biométrico, dados da zona eleitoral do usuário e a situação cadastral do eleitor em tempo real, pelo celular.

Sem título, cidadão pode ter impossibilidades

O voto é obrigatório para maiores de 18 anos e pessoas com menos de 70 anos. Pessoas maiores de 18 anos que não emitiram a primeira via do título de eleitor e eleitores que tiveram o título cancelado por perderem o prazo para regularizar sua situação eleitoral não poderão votar nas próximas eleições. Além do impedimento, terão de pagar multa para regularizar sua situação novamente.

O título é cancelado caso o eleitor não tenha votado ou justificado sua ausência por três turnos eleitorais consecutivos. Sem ele, os cidadãos podem ter a impossibilidade de participar de concursos públicos e de renovar matrícula em instituição de ensino do governo. Quem não resolver suas pendências até hoje só poderá pedir o título ou fazer alterações após novembro, após as eleições.

Biometria não é obrigatório em Lages, ainda

O chefe da 93ª Zona Eleitoral de Lages, Marcos Duarte, explica que a movimentação intensa começou no início desta semana. Entretanto, no último mês, o cartório tem atendido mais pessoas que o comum. Ele ressalta que não é preciso enfrentar fila para fazer o cadastramento biométrico, que ainda não é obrigatório em Lages. Por causa disso, nesta quarta-feira, a equipe do cartório estava solicitando para os eleitores que só iriam realizar o cadastramento biométrico para que em novembro, quando o procedimento voltará a ser realizado. Isto acontece porque, neste momento, é preciso dar prioridade para quem precisa regularizar, transferir ou fazer novo título.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: