Conecte-se a nós

Notícias

Polícia investiga origem de carro clonado

Published

em

O veículo possuía registro de furto ou roubo em Porto Alegre - Foto: Divulgação

A Polícia Civil investiga a origem do veículo Fox, recuperado na última terça-feira, em Lages, em uma ação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF),

Divisão de Investigação Criminal de Lages (DIC) e Polícia Militar. As investigações estão sob responsabilidade do delegado Giovanni Limas Floriani, titular da 1ª Delegacia de Polícia de Lages.

O veículo recuperado possuía registro de furto ou roubo em Porto Alegre, mas transitava com documento falso e placas de outro carro semelhante, de Florianópolis. O condutor, de 26 anos, que não teve sua identidade revelada, vai responder ao crime em liberdade.

Após consultas aos sistemas, foi constatado que o documento falso pertence a um lote roubado da Ciretran de Biguaçu, em fevereiro do ano passado. Ao ser interrogado pela polícia, o motorista disse que ganhou o carro de seu pai que, por sua vez, já se apresentou na delegacia. “Agora vamos atrás da origem do veículo clonado”, afirmou o delegado Giovanni.

Os envolvidos serão investigados por receptação, falsificação de documento, adulteração de sinal identificador de veículos e falsificação de documento público. O motorista, após ser ouvido na delegacia, foi liberado e vai responder ao inquérito em liberdade.

O delegado lembra que um caso semelhante foi registrado, recentemente, no município de Painel, na Serra, onde a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) apreendeu um carro clonado. É com base nisso que ele acredita que mais veículos clonados podem estar circulando na região.

Giovanni informou que aguarda a perícia no veículo para, posteriormente, devolvê-lo ao proprietário, o que pode demorar cerca de um mês.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: