Conecte-se a nós

Notícias

Polícia Civil esclarece tentativa de latrocínio, ocorrido no Bairro Santa Mônica, em Lages

Published

em

Ronaldo foi preso no início do mês de junho - Foto: Polícia Civil/ Divulgação

A Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Lages, esclareceu o crime de tentativa de latrocínio ocorrido no dia 20 de abril deste ano, em uma residência, no Bairro Santa Mônica, em Lages. Nesta quinta-feira (2), o inquérito policial foi remetido ao Poder Judiciário.

Na ocasião, as vítimas estavam em casa quando foram surpreendidas por uma masculino armado, tratando-se de Ronaldo de Assis Oliveira, conhecido como Tete. O qual, mediante grave ameaça com uma arma de fogo, anunciou o roubo e manteve todas as vítimas em situação de cárcere privado na sala do imóvel.

Logo em seguida, chegou ao local um segundo agressor, que posteriormente foi identificado como sendo Alisson Jean Felix de Souza, conhecido como Poneis. Ele roubou alguns objetos pessoais das vítimas, certa quantia em dinheiro e também um veículo que estava na garagem.

Alisson saiu do local logo em seguida, com o carro da família. Ronaldo, contudo, permaneceu na casa, até que alguns familiares das vítimas chegaram, sem saber do que estava acontecendo. O criminoso, ao perceber a chegada, fugiu e, nesse instante, efetuou um disparo de arma de fogo, que atingiu uma das pessoas que acabaram de chegar no local.

Esse familiar foi socorrido e encaminhado ao hospital. Após intenso trabalho, a DIC identificou os dois criminosos. Ronaldo está preso desde o dia 6 de junho de 2018, mas Alisson ainda está foragido.

Fonte: Polícia Civil, via delegado Jackson Guasselli Pessoa

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: