Conecte-se a nós

Notícias

Nova rainha da festa é “pé no chão” e diz que a coroa não irá mudar quem ela é

Published

on

Andressa na sua casa no Bairro Copacabana - Foto: Bega Godóy

Atualizada às 11h05

Aos 25 anos, a advogada, pós-graduada em Direito Civil e Processual, Andressa Kizyzanoski Bordignon foi escolhida rainha da 30ª Festa Nacional do Pinhão.

A jovem de cabelos longos e escuros, sorriso fácil e olhos negros, atua na área Civil e na Vara da Família há dois anos e agora tem a responsabilidade de divulgar o maior evento da cidade e recepcionar os visitantes que estarão na festa.

No começo do ano, decidiu dar um pausa na carreira. Ela não defende uma causa específica, mas valoriza o empoderamento da mulher. “Acredito que temos que nos unir, porque a gente vê muita injustiça e machismo acontecendo.

Já superamos muitas coisas, mesmo que ainda haja muito para superar”, afirma a moça que mora no Bairro Copacabana, junto com um irmão mais novo, 15 anos, e os pais.

A vida de Andressa é muito corrida, mas ela sempre arruma tempo para a família, os amigos e principalmente para ler. A leitura de títulos variados ajuda neste período de resiliência pelo qual passa.

“Não estava frustrada com minha carreira, mas sabia que tinha algo bom pela frente, por isso resolvi dar uma pausa”, argumenta. Desde o começo da carreira, Andressa traçou um objetivo: estudar para passar em concurso público.

A rainha vibra ao lembrar que foi o namorado que a incentivou a inscrever-se no concurso. E teve êxito, foi coroada. Sorte, uma vez que seria sua única tentativa, pois a idade máxima para se candidatar é 25 anos.

“Em edições anteriores pensei em inscrever-me, mas achei que não era o momento certo. Meu namorado me enviou o link do concurso e quase todo dia me cobrava: Pense com carinho? Ele foi importante na minha decisão assim como a minha família”, salienta.

Falando em carinho, Andressa se emociona quando se dá conta do quanto foi aceita pelos lageanos, até porque como ela mesmo frisa; “até então era uma desconhecida” fato que a deixava meio receosa, em relação a algumas candidatas que já eram conhecidas.

Andressa já sentiu o “peso“ de sair do anonimato. No dia que foi eleita, foi dormir de madrugada. Levantou cedo e já tinha compromisso.

“Não pude agradecer ninguém. Nem nas redes sociais pude entrar. Fiz apenas uma postagem no facebook”, explica. Mas nem essa correria a desestimula, pelo contrário, ela se diz muito animada.

“Estou com energia a mil, empolgada para divulgar a Festa do Pinhão e para o que precisarem de mim. Estou à disposição do pessoal da Fundação Cultural. Já tinha preparo físico regular. Faço treinamento funcional, porém vou intensificá-los para ter pique e suportar a maratona”.

Ela confessa que sentiu medo, mas não via as candidatas como concorrentes. “Este ano tinha muitas meninas preparadas e lindas. Coloquei nas mãos de Deus, desde o início. Nunca subestimei ninguém. Nos tornamos amigas. Criamos vínculos fortes e todas tinham capacidade para ganhar e foi feita a vontade de Deus”, afirma.

A rainha conta que seu coração está transbordando de alegria, de amor pela cidade e pela acolhida que teve. “Recebi mensagens até de quem nem conheço, mesmo antes do resultado”, comenta.

Comentários
Compartilhe
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Instagram

Facebook

Anúncio

Rua Coronel Córdova, 84 - Centro - CEP: 88502-000 - Lages (SC) - Brasil . Contato - Fone: 49 3221.3300 e-mail: correiolageano@correiolageano.com.br

Todos os direitos autorais são propriedade/responsabilidade do Correio Lageano. A reprodução, adaptação, modificação ou utilização do conteúdo disponibilizado neste site, parcial ou integralmente, é expressamente proibida sem a permissão prévia por escrito do CL ou do titular dos direitos autorais.