Edital para concessão de Área Azul será lançado em breve – CL+
Conecte-se a nós

Notícias

Edital para concessão de Área Azul será lançado em breve

Published

on

"O edital pode ser lançado até o dia 15 deste mês”, diz Jacinto Bet - Foto : Patrícia Vieira

O edital de licitação para concessão da Área Azul, em Lages, deve ser publicado ainda este mês pela prefeitura, diz o executivo da Coordenadoria de Segurança e Trânsito de Lages (Diretran), Jacinto Bet. Com isso, a Prefeitura de Lages fará a contratação de uma empresa para gerenciar o estacionamento rotativo, nas ruas do Centro da cidade e na Avenida Luis de Camões, no Bairro Coral. “O texto do edital será encaminhado, no máximo, até terça-feira (10) ao setor de licitações. O edital pode ser lançado até o dia 15 deste mês”, diz Jacinto Bet. A partir da publicação do edital, o processo deve levar 45 dias para abertura das propostas. Jacinto acredita que até a segunda quinzena de março já se tenha a empresa vencedora. A implantação está prevista para ocorrer até 15 dias após o recebimento da ordem de início emitida pelo município, e prazo final de implantação de até 90 dias.

>>Sistema digital_ De acordo com Jacinto Bet, será implantado um sistema digital que fará o controle do sistema de estacionamento. Por meio de parquímetros digitais, as informações concentradas em um sistema deverão viabilizar melhor controle de gestão das vagas e da arrecadação. “A cobrança será fracionada pelo uso da vaga e através de um aplicativo, no qual o motorista pode lançar quanto tempo usará a vaga, como por exemplo de 15 em 15 minutos” afirma. O executivo da Diretran ressalta que o novo sistema vai dar mais segurança para o motorista ao comprar os créditos, pois o dinheiro será depositado no Banco Central ou no Banco do Brasil. Por exemplo, você compra R$ 200 de crédito, esse dinheiro vai para o banco, na medida que vai sendo usando, o banco vai repassando para a concessionária do serviço. Se não quiser mais usar, tem a opção de devolver o cartão para empresa e ser ressarcido pelo banco.

>>Suspensão_ A cobrança pelo estacionamento da Área Azul está suspensa desde julho do ano passado quando terminou o contrato de concessão com a Associação de Assistência Social, Trabalho e Cidadania (Samt).

Comentários
clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias

Ministério Público recomenda que Lages não realize carnaval

Published

on

Por

Foto: Arquivo CL

O Carnaval em Lages tem sido debatido entre a Fundação Cultural e a Liga das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos. proposta inicial do município era o apoio logístico para a realização de um desfile, ficando cada agremiação encarregada das suas despesas.

A ideia, porém, foi afastada pelos próprios representantes das escolas, que solicitaram suporte financeiro. Assim, sugestões de realização de festividades em bairros e praças tomaram conta das conversas entre os carnavalescos.

“Pensamos na realização de um evento no Bairro Habitação”, diz Giba Ronconi, superintendente da Fundação Cultural. Na tarde de sexta-feira, 19, a Fundação Cultural recebeu ofício do Ministério Público de Contas com o seguinte teor:

Posição do MPC

“Recomenda este Ministério Público de Contas que a Prefeitura Municipal, após rigorosa análise dos critérios de oportunidade e conveniência, observado o interesse público, e, ainda após análise da situação financeira do município, caso esteja enfrentando – ou na iminência de enfrentar – qualquer tipo de dificuldade financeira que implique em restrições na prestação de serviços públicos de saúde, educação ou segurança, bem como com relação ao pagamento da remuneração de seus servidores e prestadores de serviço, abstenha-se de realizar qualquer despesa relativa à realização do Carnaval 2018, seja por meio de contratações diretas, transferências voluntárias, convênios, patrocínios ou qualquer forma que implique destinação de recursos para tal finalidade”, assina Cibelly Farias Caleffi, procuradora.

Segundo Giba, a recomendação não é impeditiva, mas serve como alerta que, para a realização do Carnaval, um outro cenário seria o mais adequado.

Decisão

“Em conversa com o prefeito em exercício Juliano Polese, o prefeito Antonio Ceron, o procurador Agnelo Miranda e o secretário Antonio Cesar Arruda, decidimos acatar a recomendação do Ministério. Podemos trabalhar junto às escolas e amantes do Carnaval para que um possível evento em 2019 esteja dentro do que a sociedade espera”, conclui Ronconi.

Comentários
Continue Lendo

Notícias

Cerco a motociclista acaba em acidente no Centro

Published

on

Foto: Andressa Ramos

Um cerco dos Agentes de Trânsito de Lages terminou em acidente, no fim da manhã desta segunda-feira (22), no Centro da cidade.

Dois agentes de trânsito estavam na rua Benjamin Constant, no Centro de Lages, quando observaram algo diferente no escapamento de uma moto. Solicitaram consulta da placa e receberam a resposta de que o licenciamento do veículo estava vencido. Os agentes deram ordem de parada ao motociclista, que não parou e continuou seu trajeto.

De acordo com o executivo da Coordenadoria de Segurança e Trânsito de Lages (Diretran), Jacinto Bet, os outros agentes de trânsito foram avisados sobre o motociclista que deveria ser parado. Uma das viaturas que estava na Rua Lauro Müller, foi até o semáforo que fica no cruzamento com a frei Gabriel.

Um agente desceu do carro e ordenou a parada, porém, ainda de acordo com Bet, o motociclista não parou e atropelou o servidor municipal, que precisou ser atendido pelo Corpo de Bombeiros com escoriações leves pelo corpo.

Na sequência, a moto escorregou e bateu na viatura. O motociclista também se machucou levemente e ficou no local do acidente, tanto é que declarou à Polícia Militar que o agente se jogou em cima da moto. Um Boletim de Ocorrência foi registrado.

O executivo explica que os agentes de trânsito possuem autoridade para parar os veículos quando é verificado, por exemplo, que o licenciamento está vencido. “É função deles”. Sobre o carro estar na contramão, Bet ressalta que em casos de cerco, em que preciso deter o motorista que está com documentação adulterada, é autorizada a parada do carro dessa forma.

Comentários
Continue Lendo

Notícias

Homens encapuzados assaltam empresa em Bom Retiro

Published

on

Ação conjunta para prender suspeitos de assalto em Bom Retiro -Foto: Divulgação

Um colaborador da empresa Seara, em Bom Retiro, na Serra Catarinense, foi feito refém por dois bandidos encapuzados, perto das 12 horas do último domingo (21). De acordo com informações extraoficiais, eles portavam uma espingarda e um facão, e amarraram o trabalhador e o deixaram no banheiro.

Na ação, foi levados um cofre, onde estavam uma arma e pequena quantia em dinheiro. Também foi roubado um carro, que mais tarde foi encontrado incendiado.  Ainda segundo informações extraoficiais, os ladrões fazem parte de uma quadrilha que já havia furtado outro veículo em Ituporanga, o qual teria sido utilizado na ação do assalto à empresa Seara.

Os suspeitos fugiram para o Bairro São José e os moradores da região não permitiram a entrada dos policiais nas ruas do bairro. Dessa forma, foi solicitado apoio para Lages: Helicóptero Águia da Polícia Militar, PPT, Cavalaria, Canil e Rocan. A ação foi conjunta entre Polícia Militar e Civil.

Comentários
Continue Lendo

Notícias

Gaeco deflagra operação contra o tráfico de drogas

Published

on

Operação Safári desarticulou organização criminosa que agia em Lages (SC) e Caxias do Sul (RS).

Na manhã desta segunda-feira (22/1), o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), deflagrou a operação batizada como “Safári”, com o objetivo de desarticular supostos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico perpetrados pelos investigados na região de Lages/SC e Caxias do Sul/RS. Foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária e cinco mandados de busca e apreensão.

A investigação, desenvolvida pela 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Lages e pelo Gaeco perdurou por cinco meses, culminando na operação realizada nesta segunda-feira para o cumprimento dos mandados requeridos pelo Ministério Público e expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Lages.

Os mandados foram cumpridos pelo Gaeco nos municípios de Lages, Florianópolis e Caxias do Sul, com apoio do 6º Batalhão de Polícia Militar de Santa Catarina e 12º Batalhão de Polícia Militar do Rio Grande do Sul. Foram presas duas pessoas em Caxias do Sul, uma em Lages e uma em Florianópolis.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidos aproximadamente 3,7kg de substância semelhante à cocaína, 2,3kg de substância semelhante à maconha, duas balanças de precisão, uma arma de fogo calibre .38 e 73 munições do mesmo calibre, além de aproximadamente R$ 409 mil em espécie.

Anteriormente, no curso da investigação, foram presas outras quatro pessoas em flagrante delito e apreendidas substâncias semelhantes à cocaína (900g) e maconha (2,5kg), três veículos e a quantia de R$ 22 mil em espécie.

Gaeco é uma força-tarefa composta pelo Ministério Público de Santa Catarina, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Secretaria Estadual da Fazenda.

O nome da operação deve-se ao fato de a investigação apontar que o principal investigado possui alcunha de determinado animal silvestre.

Comentários
Continue Lendo

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©