Conecte-se a nós

Negócios

Lages gera quase todos os empregos da região

Published

em

Mesmo com duas graduações Letícia ficou desempregada por sete meses - Foto: Bega Godóy

A lageana Letícia Danuza Frantz, de 28 anos, conseguiu emprego depois de buscar por uma vaga durante sete meses. A pós-graduanda em administração de pessoas, engrossa os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado recentemente.

Letícia é supervisora de uma empresa do setor de limpeza, a Milclean, instalada no Lages Garden Shopping e coordena 18 pessoas.  “Consegui a vaga por meio do Banco de Emprego e como a empresa, que é paulista, pretende expandir em Lages, também vou buscar novos funcionário lá”, explica a jovem que mora no Centro e está há três meses no novo emprego.

Os números do Caged mostram que, no período de janeiro a maio deste ano, Lages gerou quase todos os empregos da região. Das 244 vagas abertas na Serra Catarinense, 205 foram viabilizadas por empresas de Lages.  

Além das vagas ofertadas, muitas pessoas optam em abrir seu próprio negócio. Neste semestre, no intervalo de um mês Lages chegou a ganhar mais 118 Microempreendedores Individuais. No período de janeiro a abril deste ano, foram feitas 553 solicitações para abertura de empresas na modalidade de MEI e entregues 449 alvarás.

Em maio, Santa Catarina teve um saldo negativo na geração de empregos. Mas a situação muda quando o período avaliado é de janeiro a maio. Apesar de ter apenas 1% do território nacional, o estado gerou 36.440 novos postos de trabalho, o que representa mais de 10% dos empregos gerados no País, com 344.718 vagas.

Banco de Emprego

O Banco de Emprego é uma agência de recrutamento de mão de obra qualificada, ligada a Prefeitura de Lages, por meio da Secretaria de Desenvolvimento e Turismo. No mês de maio, 253 pessoas fizeram cadastro, dessas 153 foram encaminhadas para entrevistas e 67 foram contratadas.

Uma estrutura com auditório e sala para entrevista individual, são disponibilizadas para as gerências de empresas, sem custo para utilização. Assim, as empresas contratantes podem fazer a seleção dos candidatos dentro da estrutura do Banco de Emprego.

O objetivo é auxiliar os cidadãos em sua colocação no mercado de trabalho e, da mesma forma, as empresas a encontrar profissionais qualificados dentro do perfil desejado. A agência trabalha com sistema informatizado inteligente, que busca encaixar somente os candidatos que apresentam perfil solicitado pela empresa. A triagem é feita pela equipe, por meio de contato com os candidatos.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: