Conecte-se a nós

Esportes

Lageanos do Handebol miram a Seleção Brasileira

Published

em

Atletas lageanos ao lado do professor Marlon e de Joel Dutra, da CBHb - Foto: Divulgação

Um dos sonhos de todo o atleta é, evidentemente, vestir a camisa da seleção brasileira. Isso pode acontecer com três lageanos do handebol: Gustavo Silva, Lucas Oneda e Erick de Oliveira. No último fim de semana, o trio, que defende a HandLages, participou de uma seletiva regional, teve um bom desempenho e, futuramente, poderá ser chamado para compor a seleção brasileira de handebol sub-16.

Intitulada como “Acampamento Regional de Desenvolvimento e Melhoria Tática de Handebol,”, a seletiva aconteceu em Criciúma, no Sul de Santa Catarina. Reuniu cerca de 40 atletas de todo o estado da categoria sub-16. O objetivo é descobrir novos talentos para a fase nacional, que servirá de base para definir a lista dos convocados para a seleção.

Durante as atividades no acampamento, os atletas tiveram a chance de mostrar o que sabem e aprender novas técnicas, vislumbrando a fase nacional, que acontece no mês de outubro. Os trabalhos foram comandados pelo coordenador da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), Joel Dutra.

“Nossos atletas se saíram muito bem”, observa o professor do trio lageano, Marlon Baretta. Segundo ele, na etapa regional, a CBHb tem a oportunidade de conhecer os atletas de handebol do País, com vistas a identificar novos talentos para dar continuidade às renovações da seleção de base.

Não é a primeira vez que lageano participa do Acampamento Regional. No ano passado, lembra Baretta, Lucas Oneda participou do evento na categoria cadete, teve um bom desempenho e chegou a ser selecionado para a Seleção Brasileira para disputar o Sul-Americano sub-17, no entanto, não chegou a vestir a camisa canarinho, pois o Brasil não enviou equipe ao torneio por questões financeiras.

Acampamento

O Acampamento Regional, em Criciúma, reuniu atletas de outras categorias. Os participantes tiveram aulas práticas e teóricas e, também, a oportunidade de mostrar potencial para serem selecionados para a fase nacional.

Em todo o Brasil, as 26 federações estaduais, mais o Distrito Federal, participam do projeto, que tem como meta padronizar a forma como o handebol é trabalhado em todo o Brasil e descobrir talentos. Com o término das etapas regionais, terá início o Acampamento Nacional.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: