Conecte-se a nós

Notícias

Incêndio destrói uma residência e deixa outra parcialmente danificada

Published

em

Fotos: Núbia Garcia

Era por volta das 8 horas de sábado (21), quando o João Batista Branco, 74 anos, viu o teto do seu quaro pegando fogo. Imediatamente ele acordou seus dois filhos Lucas Moraes da Silva Branco, 24 anos, e João Augusto da Silva Branco, 11 anos, e o enteado Marcelo Moraes da Silva, 30 anos, e todos saíram da casa. Como o imóvel era de madeira, o fogo se alastrou rapidamente, destruindo-o completamente. Eles sequer tiveram tempo de trocar de roupas ou pegar documentos. O sinistro aconteceu na Rua José Kuchnier, no Bairro Santa Catarina.

“O meu padrasto viu o fogo no quarto dele, que era nos fundos da casa, e chamou a gente. Eu tava dormindo e saí correndo sem entender direito. Foi muito rápido, não deu tempo de salvar nada, nem nossos celulares”, conta Marcelo, que vestia calção e camiseta de pijama na manhã gelada de sábado.

As chamas atingiram a casa ao lado da de Marcelo, onde moram a idosa Eleonor Pacheco, 88 anos, e seu filho Romário Pacheco Pereira, 64 anos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo consumiu cerca de 50% do imóvel e a casa precisou ser interditada, para avaliação das condições.

Por pouco as chamas não atingiram uma terceira casa e tornaram a tragédia ainda maior. Quando as labaredas começaram a se aproximar da residência que fica do outro lado da casa de Marcelo, moradores se mobilizaram e, com mangueiras de jardim, molharam as paredes para evitar que as chamas atingissem mais um imóvel. Nesta casa moram três pessoas, um casal e sua filha, de 3 anos.

Apesar dos danos materiais, nenhum morador ficou ferido por causa do incêndio. Somente João Batista foi conduzido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o hospital, pois sentiu-se mal com o ocorrido.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, foram utilizados cerca de 12 mil litros de água para combater as chamas. A ação envolveu seis homens da corporação e durou cerca de 40 minutos. Um laudo será feito pelos Bombeiros para identificar as causas do incêndio e o resultado deve ser apresentado dentro de 30 dias.

Como ajudar às famílias

Para ajudar a família de Marcelo, contate o vizinho Sandro, pelo telefone (49) 9 8848-1495. Para oferecer ajuda para Eleonor e seu filho, o contato pode ser feito com Lindomar, pelo número (49) 9 9918-7177.

Mais 50 incêndios em 4 meses

O sargento do Corpo de Bombeiros Eder Madruga, responsável pela ocorrência, ressalta que, somente nos últimos quatro meses, a corporação foi acionada para apagar mais de 50 incêndios a residências, somente em Lages.

O alto número em um período relativamente curto, chama a atenção da corporação, que aponta como principais causas dos sinistros problemas elétricos e o aquecimento provocado em telhados por chaminés.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: