Conecte-se a nós

Esportes

França e México fazem jogo do ‘tudo ou nada’ em Polokwane

Published

em

Johanesburgo,  16/06/2010, (EFE)

Depois dos empates na primeira rodada, França e México fazem amanhã em Polokwane, pelo grupo A da Copa do Mundo, uma partida crucial para suas intenções de classificação para as oitavas de final.

 

As duas seleções têm um longo histórico de confrontos e fizeram inclusive o primeiro jogo da história das Copas, em 1930, no Uruguai, com vitória francesa por 4 a 1.

 

O retrospecto do duelo favorece a França. Em seis partidas, houve cinco vitórias dos 'bleus' e um empate em 1 a 1 no Mundial de 1966, na Inglaterra.

 

O confronto tem até sua faceta familiar, já que Tomás Balcazar, que fez um dos gols do México na derrota por 3 a 2 para a França na Copa de 1954, na Suíça, é avô do atacante mexicano Javier Hernández, que está no Mundial da África do Sul.

 

Agora, os comandados de Javier Aguirre querem fazer história e quebrar o tabu contra os franceses para ficar mais perto das oitavas de final.

 

Para ambas as equipes, uma vitória já praticamente garante a passagem para a próxima fase, enquanto um empate reduzirá drasticamente as possibilidades de classificação na última rodada. Uma derrota é quase certeza de eliminação num grupo em que todos iniciam a segunda rodada empatados com um ponto ganho.

 

O México confia em manter a posse de bola para dominar a partida. Gerardo Torrado é especialista nos desarmes e tem ao seu lado jogadores como Paúl Aguilar que sabem segurar a bola e colocá-la na zona de perigo nos pés de Carlos Vela, Giovanni dos Santos e Guillermo Franco.

 

O técnico da França, por sua vez, analisa se escala o volante Florent Malouda e o atacante Thierry Henry no time titular, ao contrário do que aconteceu na estreia contra o Uruguai, ou se mantém Yoann Gourcuff e Nicolas Anelka, dado o fato de o México ser uma equipe que briga muito pela bola.

 

Prováveis escalações:.

 

França: Hugo Lloris, Bakary Sagna, William Gallas, Eric Abidal, Patrice Evra; Florent Malouda, Jeremy Toulalan, Abou Diaby, Sydney Govou, Franck Ribery e Nicolas Anelka.

 

México: Óscar Pérez, Ricardo Osorio, Efraín Juárez, Carlos Salcido, Francisco Rodríguez, Rafael Márquez, Paúl Aguilar, Gerardo Torrado, Giovanni dos Santos, Guillermo Franco e Javier Hernández.

 

Árbitro: Khalil al-Ghamdi (Arábia Saudita), auxiliado por Hassan Kamranifar (Irã) e Saleh al-Marzouqi (Emirados Árabes Unidos).

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: