Conecte-se a nós

Turismo

Festival dos cogumelos ocorre neste fim de semana, em Urupema

Published

em

Festival visa popularizar o uso do cogumelo - Foto: Divulgação

Acontecerá neste fim de semana, o primeiro Festival dos Cogumelos de Urupema, no Pavilhão de Arremates, que fica no Parque Municipal João Pinto de Arruda. O objetivo é divulgar o produto e ensinar as pessoas a preparar pratos com ele.

O coordenador do evento, Ari Fernando Raddatz, explica que é preciso saber cozinhar cogumelos para que eles tenham seu sabor aproveitado da melhor forma. “Queremos que todos conheçam e saibam prepará-lo”.

Além de aprender a cozinhar a especiaria, a programação do evento proporcionará saída ao campo para colher cogumelos. Raddatz explica que é importante conhecer os tipos de cogumelos, pois há alguns alucinógenos, e, outros tóxicos, que podem levar até a morte. Na região, há em média 15 tipos de cogumelos, sendo que três são comestíveis, quatro tóxicos e alucinógenos e dois altamente tóxicos.

O evento proporcionará, também, palestras com especialistas em cogumelos, que divulgarão informações sobre como ele é benéfico para a saúde. “Ele previne doenças e também traz os mesmos benefícios da carne, só que é bem mais fácil de digerir”, explica.

Durante os dois dias do festival, haverá estandes com exposição e vendas de produtos artesanais, vinhos de altitude e lanches. Para o ano que vem, a ideia é fazer um concurso de gastronomia.

Produção

Os cogumelos não são plantados, eles nascem sozinhos nas florestas. Geralmente, levam cerca de quatro meses para estarem maduros. E, na Serra Catarinense, surgiram quando as empresas de celulose vieram para cá, há cerca de 17 anos. As mudas de pinus estavam com esporos de cogumelo e com o tempo, eles nasceram em meio aos pinus.

Programação

Sábado

8h45 – Abertura do evento

9h30 – Início da primeira oficina e colheita de cogumelos. Apresentação de pratos a partir das 11 horas até às 13 horas.

13h30 – Palestra: Uma breve história sobre cogumelos e como eles ajudam o mundo a ser melhor, com a Dra. Maria Alice Neves (UFSC).

14h30 – Início da segunda oficina e colheita de cogumelos. Apresentação de pratos a partir das 15h30 até às 19 horas.

16h15 – Saída para observação da revoada do papagaio-charão.

19h30 – Jantar de confraternização

Domingo

8h30 – Palestra: “Cogumelos comestíveis do sul do Brasil” com o Dr. Marcelo Aloísio Sulszbacher (UFSM).

9h30 – Início da terceira oficina. Apresentação dos pratos a partir das 11 horas até às 13 horas.

*Observação: Para participar das palestras será exigido um quilo de alimento não perecível que será doado à Apae de Urupema.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: