Conecte-se a nós

Notícias

Eleitores poderão doar para candidatos pela internet

Published

em

Cada eleitor poderá doar por dia, no máximo, R$ 1.064,10 - Foto: Susana Küster | Fotos enquete: Marcela Ramos

Nestas eleições, os políticos poderão arrecadar dinheiro para financiar suas campanhas através de vaquinha virtual ou o chamado crowdfunding. O Congresso aprovou a novidade no ano passado e o objetivo, além de financiar as campanhas, é engajar mais os eleitores na política.

Somente empresas e sites autorizados pelo Tribunal Superior Eleitoral poderão receber as doações. O pagamento poderá ser feito de diversas formas, como boleto bancário, cartão de crédito e transferência online. A empresa que receber a doação, descontará do valor transferido a taxa do serviço e do meio de pagamento, reservando o restante para o pré-candidato.

O valor só será transferido depois que a candidatura for confirmada. Até 16 de agosto, o pré-candidato também não poderá pedir votos por meio do site vaquinha virtual. Cada pessoa poderá doar 10% da renda bruta que obteve em 2017. Se o valor ultrapassar esse limite, o doador pagará multa no mesmo valor que doou a mais. Por dia, o eleitor poderá até doar R$ 1.064,10.

Para deixar o processo mais transparente, o site é obrigado a registrar o nome completo do doador, o CPF e o valor transferido. Os dados poderão ser divulgados pelos próprios pré-candidatos e o eleitor receberá um recibo da doação.

Se o político não tiver a candidatura confirmada, o valor destinado a ele na pré-campanha deverá ser devolvido ao doador. Durante todo esse período, ele também não poderá fazer propaganda e nem pedir votos.

O eleitor poderá fazer doações até o dia da eleição, em 7 de outubro ou até 28 de outubro, no caso de segundo turno.

Outras formas

O eleitor também pode doar diretamente, por meio de transação bancária para a conta do candidato ou do partido, aberta especificamente para a campanha. Essa doação pode ser por meio de depósito no banco, transferência pela internet, cartão de crédito no site oficial do candidato ou mesmo com cheque cruzado.

A pessoa também pode doar ou emprestar um bem ou serviço cujo valor seja estimável em dinheiro, desde que provado que quem ajudou é o dono ou o responsável.

Enquete

Você faria uma doação, através de uma vaquinha online para ajudar a candidatura de um político?

 

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: