Conecte-se a nós

Esportes

Eleita a melhor do mundo, Amandinha não garante permanecer em Lages

Published

on

Diana (E) e Amadinha (D) exibem o troféu de campeãs da Copa América de Futsal pela Seleção Brasileira - Foto: Divulgação

A permanência de Amandinha nas Leoas da Serra, é incerta. A atleta, que acabou de conquistar o título de melhor jogadora de futsal do mundo pela quarta vez consecutiva, está curtindo as férias em Fortaleza (CE), sua terra natal, ao lado da família e dos amigos. Por telefone, ela conversou com a reportagem, falou sobre o prêmio e declarou que ainda não sabe se vai continuar em Lages.  Amandinha, que está nas Leoas há pouco mais de um ano, explicou que o contrato com a equipe é renovado anualmente. Em sua fala, deu a entender que a sua permanência em Lages depende, basicamente, de questões financeiras.

Prêmio

Amandinha conta que estava na igreja quando recebeu a notícia do prêmio e confessou que não esperava o título. Imaginava que não estava bem cotada para ser escolhida a melhor jogadora do planeta, isso porque teve, em 2017, um ano de adaptação. No final de 2016, ela trocou a equipe do Barateiro, de Brusque, pelas Leoas. Assim, entendia que essa mudança poderia interferir na escolha, o que não aconteceu. “Foi surpresa”, analisou.
Ela conta que, após soube do título, começou a receber ligações e mensagens de parabéns. “É uma alegria imensa. Sempre tive fé em Deus e estou muito feliz. Quero agradecer à equipe das Leoas e à Seleção Brasileira que foram importantes nesta conquista.”

A escolha das melhores jogadoras de futsal do mundo foi feita pelo Futsal Planet, através de jornalistas, técnicos e ex-jogadores da modalidade. A eleição listou as 10 maiores jogadoras do mundo, na qual aparecem outras quatro brasileiras, incluindo Diana, também das Leoas, escolhida a quinta melhor do mundo.

Aos 23 anos, Amandinha venceu a eleição com mais de 200 pontos de vantagem sobre a segunda colocada, a espanhola Amélia. Ela já tinha conquistado o prêmio nas últimas três edições (2015, 2016 e 2017).  A atleta creditou o prêmio às conquistas que obteve no ano passado, quando foi campeã da Copa do Brasil de Futsal, dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) e da Copa América pela Seleção. Além disso, foi vice-campeã do Catarinense.

Diana

Aos 25 anos, Diana também comemorou a conquista: “É uma alegria sem tamanho estar entre as melhores jogadoras do mundo, era um sonho estar nesta lista. Eu estava com minha família quando saiu o resultado e todos ficaram muito felizes”, declarou a atleta que, em 2017, também foi campeã pelas Leoas e pela Seleção Brasileira.

 

Comentários
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Instagram

Facebook

Anúncio

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©