Conecte-se a nós

Notícias

Dois supermercados praticaram preço abusivo no tomate

Published

em

Foto: Andressa Ramos

Atualizado às 18h43

O Procon de Lages verificou prática de preços abusivos em dois supermercados de Lages: Bistek e Mezzalira. Nos dois casos o problema foi o preço do tomate. A ação do órgão de defesa do consumidor acontece durante toda a sexta-feira (25).

No Mezzalira consumidores afirmaram que pagaram, nesta semana, R$ 3,99 pelo quilo do tomate, hoje, o preço estava em mais R$ 6,00. O coordenador do Procon, Julio Borba, contou que foi solicitada a nota ao proprietário e verificado que a última compra foi em 22 de maio e pago R$ 2,84 pelo quilo do produto. A partir disso foi acionada a Polícia Civil. Um delegado foi ao local e levou o proprietário para a Delegacia, onde foi registrado Boletim de Ocorrência.

A situação no supermercado Bistek foi semelhante. Clientes afirmaram ter pago pelo quilo do tomate R$ 3,99, porém nesta sexta-feira (25), o preço era superior a R$ 7,00. Ao analisar a nota de compra, os técnicos do Procon verificaram que a última compra do tomate foi em 18 de maio ao preço de R$ 3,20. Foi realizado Boletim de Ocorrência.

O supermercado contesta a informação do Procon. De acordo com a assessoria de imprensa da empresa, o valor de compra do tomate, no último dia 23, era de R$ 5,80, não de R$ 3,20. Segue a nota fiscal, enviada pelo Bistek para comprovar:

Nesta sexta-feira outros supermercados foram visitados pelo Procon. Na quinta-feira os técnicos fizeram fiscalização nos Postos de Combustíveis, mas nenhum estava praticando preço abusivo. O preço varia de R$ 4,15 a R$ 4,49 o litro da gasolina.

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: