Conecte-se a nós

Notícias

Desenvolvimento da Coxilha Rica depende de asfaltamento

Published

em

Canteiro de obras instalado e ordem de serviço para início dos trabalhos assinada - Foto: Marcelo Pakinha/Divulgação

“O interior não é problema para a municipalidade, mas sim solução.” Com estas palavras, o prefeito Antonio Ceron definiu, ontem, na Vigia – localidade da Coxilha Rica, a importância do ato de assinatura e entrega da ordem de serviço para o início dos trabalhos de asfaltamento de 27,7 quilômetros de extensão, do primeiro lote de serviços da SC-390 e a construção de três pontes, entre os municípios de Lages e Capão Alto. Com investimentos capitaneados pelo Governo do Estado, através de um financiamento internacional, a empreiteira responsável já vem trabalhando no canteiro de obras, que compreende o trecho de entroncamento com a BR-116 até o acesso à localidade de São Jorge. “É impossível crescer sem ter estradas. O potencial turístico da Coxilha Rica e o desenvolvimento do agronegócio serão evidenciados com esta importante obra. Teremos um significativo incremento econômico na nossa cidade”, disse o prefeito Ceron.

Primeiros quilômetros- De acordo com o governador Raimundo Colombo, a intenção é finalizar e entregar os primeiros dez quilômetros de asfalto até o início do mês de abril do ano que vem. “Esta é uma obra de grande magnitude. O dinheiro já está disponível na conta e o prazo de execução deste lote de serviços é de 24 meses. No total serão investidos aproximadamente R$ 52 milhões, sendo que só neste primeiro momento serão gastos R$ 46 milhões e mais R$ 5,7 milhões para as novas três pontes. Este primeiro lote representará 62% dos serviços aqui na Coxilha Rica”, explicou.  As novas estruturas de pontes estarão localizadas sobre o Arroio Penteado (43 metros de extensão) e sobre os rios Sanga Tatados (27 metros) e Rio Pelotinhas (65 metros).

Com a realização das obras de asfaltamento da SC-390, na Coxilha Rica, alguns empresários já demonstram grande interesse em investir na região. Um exemplo será o Hotel-Fazenda Cerro Azul. As obras do novo empreendimento já iniciaram e contará com uma área de cinco mil metros quadrados, com 42 apartamentos, dez cabanas, piscinas, sauna e heliporto.

Segundo o empresário Élvio Francisco Presa, a intenção é impulsionar o setor turístico nesta região com um trabalho integrado entre os demais empresários do setor e que atuam na região da Coxilha Rica. “Este é um local geograficamente diferenciado e temos que saber explorar de forma responsável os campos nativos e as belezas das fazendas históricas”, comentou.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: