Conecte-se a nós

Notícias

Com 20 anos, Proerd homenageia ex-alunos

Published

on

Ex-alunos ganharam mascote do Proerd de autoridades - Foto: Susana Küster

Na data em se completou 20 anos da primeira aula do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), em Santa Catarina, foram homenageados, no Centro Cultural Vidal Ramos, em Lages, 20 pessoas.

O primeiro evento comemorativo do programa, não poderia deixar de acontecer na cidade, já que foi a pioneira do Estado. Hoje, um a cada sete catarinenses, passaram pelo Proerd.

A missão do programa é capacitar crianças, adolescentes e adultos para resistirem às drogas e à violência, através de ações de polícia ostensiva de caráter educacional, realizada por policiais militares habilitados, em instituições públicas, privadas e comunitárias.

O programa foi inspirado em um iniciado nos Estados Unidos, em Los Angeles, em 1983. Lá, era denominado D.A.R.E. (Drug Abuse Resistance Education). Os resultados dos dois primeiros anos do Proerd foram tão significativos que fizeram com que a PM de SC se transformasse em Centro de Treinamento do D.A.R.E. fora dos Estados Unidos. Apesar de no Brasil, começar no Rio de Janeiro, foi Santa Catarina que se tornou, no ano de 2000, o 4º Centro de Formação de Instrutores do Proerd do país.

Estratégia

Para fazer com que o programa permanecesse, mesmo com a troca de governo, foi feita uma capacitação dos instrutores e criado um sistema de gestão, chamado SisProerd. Com ele, foi possível recuperar as informações do período de 1998 à 2008 e como os dados foram significativos, em 2009, o Proerd se tornou política de Estado e isso possibilitou repasse de recursos.

O programa abrangeu mais de um sexto da população catarinense e 700 instrutores. Nos 20 anos de atuação, ele chegou em 265 cidades das 295 do Estado. Este ano, o número de estudantes atingidos chegou a 1.342.033.

Influência na vida

Mariana Ramos Oliveira, 25 anos, fez parte do Proerd em 2002, quando estudava na escola do Dom Daniel. Ela conta que o programa a ajudou na convivência com os amigos e familiares. Lembra que quando tinha aulas do programa, ofereceram bebida alcoólica e cigarro para ela, que não aceitou. “O Proerd fortaleceu o que meus pais me ensinaram”.

Outro homenageado do evento, foi Caetano Miranda de Oliveira, 22 anos. Ele atua hoje como professor de educação física e fez Proerd em dois anos diferentes da vida escolar, pois mudou da rede privada de ensino para a pública e coincidiu ter aula duas vezes com os policiais. Na visão dele, um policial dentro da sala de aula, auxilia no papel de bom exemplo que os estudantes precisam ter.

Comentários
Compartilhe

Notícias

Notícias de segurança

Published

on

Por

Colisão

Corpo de Bombeiros, Samu e Polícia Militar foram acionados para atender a uma colisão, na Avenida Presidente Vargas, em Lages, por volta das 23h30 de domingo (15). O acidente aconteceu quando um Celta atingiu a traseira de uma Kombi que comercializa cachorro quente, estacionada em frente a concessionária Via Serra.

Não foram divulgados os nomes dos envolvidos, tampouco seu estado de saúde após o ocorrido. De acordo com a PM, os ocupantes do carro foram conduzidos pelo Corpo de Bombeiros e Samu ao Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, e o veículo foi recolhido ao pátio.

 

Princípio de incêndio

Também no domingo (15), por volta das 22h35, o Corpo de Bombeiros foi chamado para atender a um princípio de incêndio em vegetação, ocorrido na Rua João Lemos Machado, no Bairro Morro Grande, em Lages. O fogo atingiu cerca de 60 metros quadrados, mas foi facilmente controlado. Não houve vítimas.

 

Briga

No início da tarde de domingo (15) o Corpo de Bombeiros de Lages foi acionado para atender a dois homens que se envolveram em uma briga, na Avenida João Goulart, Bairro Tributo, em Lages. Após um desentendimento, M.S. e A.L. se agrediram usando pedaços de madeira e uma foice.

M.S. tinha ferimentos na parte da frente da cabeça e estava desorientado. A.L. tinha ferimentos na parte de trás da cabeça, mas estava lúcido. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, ambos tinham sinais de embriaguez e foram levados para a emergência do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres.

 

Comentários
Compartilhe
Continue Lendo

Notícias

Mais um atropelamento na BR-282, em Lages

Published

on

Por

Um adolescente, menor de idade, foi atropelado enquanto andava de bicicleta pelo acostamento da BR-282, nas proximidades do Motel Villages, em Lages. O acidente aconteceu por volta das 19h30 de domingo (15), no KM 214.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Lages, o acidente aconteceu quando M.A.S.O., 65 anos, saiu da pista e atingiu a traseira da bicicleta. O homem dirigia uma Triton L200, com placas de Lages e, segundo a PRF, tinha indícios de embriaguez, porém se recusou a fazer o teste do bafômetro.

O Corpo de Bombeiros atendeu à vítima, que foi encaminhada para o Hospital Infantil Seara do Bem, em Lages, com ferimentos no rosto e suspeita de fratura no fêmur direito.

 

Colisão na Avenida das Torres

Ainda no domingo a PRF registrou outro acidente provocado por embriaguez, também na BR-282, nas proximidades do Lages Garden Shopping.

Um Kadett com placas de Lages  trafegava pela marginal da rodovia em velocidade acima da permitida, quando perdeu o controle e invadiu o canteiro que divide a Avenida das Torres, batendo contra o poste do sistema de monitoramento da Polícia Militar.

De acordo com a PRF o condutor E.S.M., cuja idade não foi divulgada, foi submetido ao bafômetro, que constatou alto índice de ingestão de álcool. Ele foi conduzido para a Central de Polícia, para os procedimentos legais.

Comentários
Compartilhe
Continue Lendo

Notícias

Justiça arquiva delação contra Raimundo Colombo

Published

on

Por

Foto: Arquivo CL

O processo que apurava a delação premiadas envolvendo o então governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, foi arquivado.  O juiz Fernando Vieira Luiz, da 2ª vara criminal da Capital, aceitou a recomendação do Ministério Público de Santa Catarina. A informação foi divulgada pelo jornalista da NSC, Upiara Boschi. 

A delação envolvia integrantes do PSD apontados como beneficiários de R$ 10 milhões da empresa JBS. O acordo envolvia dinheiro para campanha eleitoral em troca da venda da empresa estatal de água e saneamento, Casan.

Colombo foi denunciado em abril. A Procuradoria-Geral da República ainda não havia apresentado uma denúncia sobre essa investigação,  a investigação estava com  27ª Promotoria de Justiça, que atua na área de moralidade administrativa.

Em um parecer de 14 páginas, a promotora Rosemary Machado Silva entende que a narrativa do delator Ricardo Saud, ex-executivo da JBS, não sobrevive à contextualização dos fatos.

Comentários
Compartilhe
Continue Lendo
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Instagram

Facebook

Anúncio

Rua Coronel Córdova, 84 . Centro . 88502-000 . Lages . SC . Brasil . Fone: 49 3221.3300 . correiolageano@correiolageano.com.br

CL+| Correio Lageano - Todos os direitos reservados ©