Conecte-se a nós

Notícias

Chuva prejudica trafegabilidade no interior

Published

em

Se continuar a chover, a condição de trafegabilidade nas estradas de interior deve se agravar - Foto: Núbia Garcia

Embora nesta quarta-feira (19) o tempo permaneça firme e com possibilidade de sol, a previsão de chuva para os próximos dias preocupa quem mora no interior. Isso porque a chuva constante prejudica a trafegabilidade das estradas municipais que são, na maioria, de chão batido ou cascalhadas.

Seja os moradores que precisam se deslocar para a cidade diariamente, alunos que devem chegar às escolas ou produtores querendo escoar a sua produção, todos sofrem os efeitos da falta de trafegabilidade.

Na manhã de terça (18), durante a reunião do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR), o tema foi abordado. “A reclamação é geral, as estradas que já estavam ruins só pioraram. Se continuar chovendo, conforme a previsão, vai ter estrada que vai ficar interditada nos próximos dias”, diz o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Carlos Peron.

Segundo ele, o conselho fez uma solicitação formal para que a Secretaria de Agricultura e Pesca intensifique o cascalhamento das estradas de interior, especialmente nos locais onde há tráfego de caminhões que transportam madeira. “Pedimos que providenciem, urgentemente, o cascalhamento dessas estradas, antes que piore a situação”.

Para o presidente do Sindicato Rural de Lages, Márcio Pamplona, o que provoca o agravamento das estradas é, justamente, o transporte indiscriminado de carga pesada, como madeira, especialmente em dias de chuva, quando as estradas ficam mais suscetíveis a serem danificadas.

“A gente entende que eles têm que fazer o serviço deles, só que não têm limite de peso, de horário, ou tempo. Eles botam o caminhão [na estrada], atola, daí manda puxar com trator e guincho, e isso vai acabando com a estrada. Onde existe dificuldade, não é por falta da manutenção da prefeitura é, principalmente, nas estradas em que há trânsito de caminhões pesados que transportam tora”, comenta.

O secretário de Agricultura e Pesca de Lages, Osvaldo Uncini, corrobora a afirmação de Pamplona. Ele cita como exemplo a estrada de acesso à Localidade de Tributos, que ontem à tarde estava recebendo manutenção. “O pessoal tá no Tributo porque tinha uns morros que estavam dando problema. Daí entrou um pessoal de uma empresa, meteu um trator de esteira na estrada, colocou um monte de terra, agora tá atolado. Estamos lá recuperando, colocando cascalho e retirando barro.”

Outra estrada que sofre com o mesmo problema é a de acesso à Localidade de Morrinhos. Segundo Uncini, o local já passou por manutenção quatro vezes só neste ano (a última foi na semana passada). O secretário destaca que os moradores de interior que identificarem problemas nas estradas rurais devem formalizar a reclamação e solicitar atendimento pelos telefones 3222-0822 ou 9 9923-3571.

Tempo

De acordo com o engenheiro agrônomo da Climaterra, Ronaldo Coutinho, a previsão é de chuva para a quinta-feira (20) e há probabilidade de proseguir na sexta-feira. O tempo deve melhorar no fim de semana, mas a expectativa é que volte a chover na próxima segunda-feira (24). “O tempo com mudanças muito rápidas é característica da primavera. A época que mais chove é em setembro, outubro e nos meses de verão, janeiro e fevereiro”, explica.

Anúncio
clique para comentar

Deixe uma resposta

Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: