Conecte-se a nós

Esportes

Brasil estreia neste domingo, contra a Suíça

Published

em

Foto: CBF/ Divulgação

O Brasil está no Grupo E da Copa e estreia neste domingo (17) contra a Suíça, em Rostov. No dia 22, encara a Costa Rica, em São Petersburgo. Pela última rodada, pega a Sérvia no dia 27, em Moscou.

A Seleção Brasileira é a única que disputou todas as Copas, mas em meados de 2016, após seis rodadas, estava em sexto lugar e fora da zona de repescagem. Tite assumiu o comando no lugar de Dunga levando os brasileiros a vencerem nove jogos, tornando-se a primeira seleção a carimbar o passaporte para a Rússia.

Tite tem uma escalação consolidada: Alisson, Ederson, Cássio, Danilo, Fagner, Marcelo, Felipe, Felipe Luís, Miranda, Marquinhos, Thiago Silva, Geromel, Casemiro, Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Fred, Phelippe Coutinho, Willian, Neymar, Douglas Costa, Gabriel Jesus, Roberto  Firmino e Taison.

A principal característica da equipe brasileira é conseguir trabalhar nas três pressões de marcação: baixa, média e alta. Para Tite, os movimentos têm que ser de forma rápida, não ser pesado ou prime pela força. “É a característica que eu entendo e a nossa característica. Tem essas virtudes maiores, tem que explorar esse potencial, a bola no chão, a troca de ritmo, a alternância, triangulação, a movimentação, a verticalidade”, analisa.

Brasil

Ranking  2º – 1.483 pontos. Os brasileiros não devem enfrentar dificuldades para se classificar em primeiro na chave. Maior problema da Seleção, nessa fase inicial, serão os deslocamentos. Ao eleger Sochi no sul da Rússia como base de treinamentos na Copa, cerca de 7 mil quilômetros, com jogos em Rostov, São Petersburgo e Moscou na primeira fase do Mundial. Em contrapartida, nas projeções mais otimistas, terá caminho relativamente tranquilo pelo menos até as semifinais.

Conheça os adversários do Brasil

Suíça

Ranking da Fifa  8º – 1.190 pontos. Neste ano, a Suíça chega com um plantel de jogadores experientes e que jogam nas principais ligas da Europa. É o caso, por exemplo, do lateral-direito Lichtsteiner, que joga na Juventus, da Itália, e o meia Xhaka, que atua pelo time inglês do Arsenal. Desde 2006, os suíços não conseguem ir além das oitavas de final do torneio. Nas edições de 1934, 1938 e 1954, a seleção nacional conseguiu chegar às quartas, melhor resultado em Copas do Mundo. No último Mundial, a Suíça passou em segundo no grupo, após vitórias sobre Honduras e Equador e uma derrota para a França. A eliminação veio nas oitavas, contra a Argentina.

Costa Rica

Ranking da Fifa 26º – 850 pontos. A seleção costarriquenha foi uma das surpresas do último Mundial. Eliminou Itália e Uruguai. Seu técnico, Oscar Martínez, fez parte do elenco que representou a Costa Rica pela primeira vez numa Copa do Mundo – em 1990, na Itália, quando integrou a chave do Brasil na primeira fase. Seu jogador mais conhecido é o goleiro Keylor Navas, titular do Real Madrid. Ele foi contratado pelo gigante espanhol depois de se destacar no Mundial de 2014.

Sérvia

Ranking da Fifa  37º – 756 pontos. Nem o fato de ter conseguido a classificação para a Copa salvou o emprego do técnico Slavoljub Muslin, demitido poucos dias depois do fim das Eliminatórias. E até agora os dirigentes da Federação não escolheram o substituto. Como a Sérvia vai jogar na Rússia? Tudo dependerá do perfil do treinador que for escolhido para dirigir o time.

Os jogadores mais conhecidos são o lateral-esquerdo Kolarov (Roma), o meio-campista Matic (Manchester United) e o atacante Ljajic (Torino). Os três têm boa técnica, herança da tradição iugoslava (o país passou a existir depois da implosão da Iugoslávia).

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio

Facebook

%d blogueiros gostam disto: