Conecte-se a nós

Notícias

Alagamentos continuarão em duas ruas do Bairro Sagrado

Published

em

Moradores temem que restos de árvores no leito do rio provoquem alagamento maior na próxima chuva forte - Foto: Divulgação

Moradores das ruas Hermes da Fonseca e Mario Vieira da Costa, no Bairro Sagrado Coração de Jesus, em Lages, sofrem há cerca de quatro anos com alagamentos. A situação se agrava, principalmente, na esquina dessas ruas, próximo ao Supermercado Big. Na última matéria sobre o assunto, publicada pelo CL, no dia 30 de janeiro, os órgãos competentes prometeram, mais uma vez, verificar a situação, que só será resolvida efetivamente quando a rede pluvial for separada da rede de esgoto e uma tubulação maior for implantada. Porém, esta obra não tem data para começar.

Enquanto a situação não é resolvida, moradores temem cada chuva forte que ocorre. Todos que moram na parte baixa das ruas sofreram com alagamentos e perderam muitos objetos. Eles não conseguem pagar tudo que compram quando perdem em um dos alagamentos, pois logo vem outro, principalmente, nesta época do ano, que ocorrem enxurradas frequentes.

Um dos moradores, Eleomar Correa Hanzen, fez um vídeo mostrando restos de árvores e folhagem que foram cortados pela Secretaria do Meio Ambiente e deixados nas margens do Rio Passo Fundo. “Isso só agrava a situação. Na próxima chuva, tudo isso vai voltar para o leito do rio e vai alagar mais rápido”, lamenta.

 

O secretário do Meio Ambiente de Lages, Euclides Mecabô, disse que irá no local nesta quinta-feira (15) para verificar o que pode ser feito pela sua pasta. “O que estiver ao nosso alcance, faremos para ajudar o pessoal.”O secretário da Seplan, Claiton Bortuluzzi, não atendeu às ligações do Correio Lageano para responder se o órgão planejou alguma melhoria nas tubulações das ruas. No órgão, ninguém atendeu o telefone também.

 

 

Anúncio
Anúncio

Capa do Dia

Anúncio
Anúncio

Cinema

Facebook

Anúncio
%d blogueiros gostam disto: